Jatos de ataque Sukhoi Su-25SM3 que são modernizados terão um novo designador de alvos e de pontaria com inteligência artificial.

Os aviões de ataque Su-25SM3 atualizados da Rússia terão um sistema de aquisição e mira a bordo com elementos de inteligência artificial para permitir que pilotos atinjam alvos designados sem sua participação, disse uma fonte da indústria de defesa.

“Como parte da atualização adicional das aeronaves de ataque, as versões mais recentes do Su-25SM3 serão entregues com um novo sistema designador de alvos. Será totalmente automatizado e um piloto terá apenas que selecionar um alvo na tela e todo o resto será feito por inteligência artificial”, disse a fonte para agência de notícias TASS.

O sistema de aquisição de alvos com inteligência artificial será capaz de identificar independentemente alvos hostis, mantê-los à vista e guiar mísseis. A nova tecnologia foi integrada ao sistema unificado de comando e controle de tropas, que permite mapear uma rota ótima em direção ao alvo e a trajetória de uso de armas. As aeronaves de ataque atualizadas também poderão receber dados de alvos de fontes externas através do sistema de comando e controle.

Uma fonte da indústria de construção de aeronaves disse à TASS que o helicóptero de ataque Mi-28NM atualizado teria um sistema similar com inteligência artificial.

Como editor-chefe do jornal do Arsenal da Pátria, Viktor Murakhovsky, disse à TASS que o novo sistema é capaz de realizar toda uma série de tarefas. “Isso inclui a nova designação de alvos durante um voo, a emissão de novas atribuições e a integração no espaço de reconhecimento e informação do campo de batalha”, disse ele.

O novo sistema de aquisição de alvos realmente apresenta elementos de inteligência artificial, disse o editor-chefe. “Ao escolher um alvo, o sistema de informação e controle da aeronave mapeia automaticamente a rota mais ideal para esse alvo, em conformidade com as táticas selecionadas… O sistema também pode oferecer opções para empregar a carga útil da arma contra esse alvo, as variantes táticas e manobras aéreas em relação a este alvo”, explicou o especialista.

Além disso, a aeronave de ataque equipada com este sistema pode guiar as armas usando a aquisição de alvos de fontes externas, disse o especialista.

“A aquisição de alvos a partir de equipamentos terrestres, por exemplo, pode ser obtida do sistema de reconhecimento, controle e comunicações da Strelets [parte do equipamento de combate dos soldados Ratnik]”, concluiu o especialista.

O Su-25SM3 é uma versão modernizada do avião de ataque Su-25. O avião é capaz de destruir instalações terrestres de pequeno porte e alvos aéreos a qualquer hora do dia ou da noite. A eficiência de combate da aeronave de ataque aumentou três vezes em comparação com outras modificações. Distinta de seus antecessores, a aeronave atualizada é equipada com o sistema de navegação por satélite Glonass que oferece a possibilidade de programar um ponto final no mapa com uma precisão de até 10 metros, enquanto o cockpit possui um display digital com a opção de projetar o situação no solo e no ar.

SEM COMENTÁRIOS