GLD 093724 600x420 - Justiça alemã conclui investigação sobre venda dos Eurofighters para Áustria
Justiça alemã encerrou processo contra Airbus relativo a propinas em venda de caças Eurofighter para Áustria.

A investigação da Airbus Defense and Space feita pelo Ministério Público de Munique (Staatsanwaltschaft München I) relativa à venda de aeronaves Eurofighter à República da Áustria em 2003 foi encerrada. O resultado da investigação pelo Ministério Público de Munique, que estava em curso desde 2012, não confirmou as alegações de suborno.

Para concluir a investigação, o Ministério Público de Munique emitiu uma sanção administrativa contra a Airbus Defense and Space GmbH nos termos da Lei alemã sobre delitos administrativos (“Ordnungswidrigkeitengesetz”) no montante de 81,25 milhões de euros (US$ 99 milhões). O montante total inclui uma multa administrativa de € 250.000 e a restituição de € 81 milhões. A Airbus Defense and Space acatou a decisão.

A decisão baseia-se na alegação de uma violação negligente das obrigações de supervisão de membros não identificados da antiga administração da Airbus Defense and Space GmbH. O aviso alega que certa antiga administração negligenciou de forma irregular a garantia de controles internos adequados que impediram que os funcionários efetuassem pagamentos a parceiros de negócios sem serviços documentados comprovados em troca.

Por outro lado, a decisão reconhece expressamente os consideráveis esforços realizados pela Airbus e sua administração desde 2012, a fim de melhorar sua organização ética e de conformidade, estabelecendo um sistema com os mais altos padrões.

Desde o início da investigação, a Airbus cooperou plenamente com o Ministério Público de Munique. Isso incluiu a provisão de um relatório independente de fato do escritório de advocacia Clifford Chance, que a Airbus compartilhou com o Ministério Público de Munique em 2014.

Anúncios

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.