Um grande cliente internacional comprou seis jatos M-346FA. (Foto: Leonardo – Imagem ilustrativa)

A Leonardo garantiu uma encomenda de lançamento para seis unidades do M-346FA – a variante de caça-ataque do seu jato treinador avançado – para um grande “cliente internacional“.

Falando em uma reunião de resultados de meio ano em 30 de julho, o chefe-executivo de Leonardo, Alessandro Profumo, disse que o acordo foi assinado no mês passado.

Acabamos de assinar a primeira encomenda para seis aviões M-346 de caça-ataque, a nova versão da nossa plataforma M-346, com um cliente internacional“, disse ele. “Isso é importante porque temos um grande cliente para este novo pedido do 346.

Apesar do nome do cliente internacional não ter sido revelado, uma boa possibilidade é a Argentina, do qual recentemente a Leonardo expressou confiança de que poderia ser um potencial cliente para o M-346FA.

A Leonardo indicou recentemente que a certificação para a variante FA do órgão de aprovação militar Armaereo da Itália, está prevista para o final de 2020, antes da provável entrada de serviço no ano seguinte.


FONTE: FlightGlobal – Edição: Cavok

Anúncios

12 COMENTÁRIOS

  1. Colômbia esta querendo algo mais poderoso, a Argentina esta indo de FA-50, a Bolívia esta se acertando com os chineses, Acho que não é na América do Sul. Não sei se o México seria uma opção, pelo que me lembro eles estão precisando caças supersônicos.

  2. Mais uma pergunta boba minha. Seria interessante como lift e sua versão armada para policiamento Aéreo? Sei que temos os A-29, mas penso que poderia ser utilizado como complemento para interceptação de aeronaves a jato.