O 400º C-130J entregue pela Lockheed Martin, no dia 9 de fevereiro de 2018, um MC-130J Commando II entregue para o AFSOC. (Foto: Amanda Mills / Lockheed Martin)

A Lockheed Martin atingiu um marco importante com a entrega do 400º avião C-130J Super Hercules no dia 9 de fevereiro. Este Super Hercules é um avião de Operações Especiais MC-130J Commando II que está atribuído ao Comando de Operações Especiais da Força Aérea dos EUA (AFSOC).

O C-130J Super Hercules é o modelo de produção atual do lendário avião C-130 Hercules, com operadores em 17 países. Até à data, a frota global de C-130Js superou mais de 1,7 milhão de horas de voo, apoiando quase qualquer requisito de missão – a qualquer hora, em qualquer lugar.

“Celebramos esta conquista com nossos funcionários, parceiros da indústria e a comunidade de operadores do Super Hercules que abrange 17 países”, disse George Shultz, vice-presidente e gerente geral de Missões Marítimas e de Mobilidade Aérea na Lockheed Martin. “Estes primeiros 400 aviões C-130Js atendem a uma demanda global pelo desempenho comprovado e versatilidade incomparável encontrada apenas em um Super Hercules. Sua durabilidade, relevância e capacidade continuarão a destacar o C-130J como a escolha mundial no transporte aéreo tático durante décadas no futuro.”

O C-130J é definido pela sua versatilidade. Até à data, o C-130J apoia 17 configurações de missão diferentes incluindo transporte (militar e comercial), combate a incêndios, busca e resgate, operações especiais, reconhecimento de clima e reabastecimento aéreo.

Esta aeronave tem outra distinção, além de ser o 400º C-130J entregue: é o 13º MC-130J a ser convertido em uma aeronave AC-130J Ghostrider. Será atribuído à 1ª Ala de Operações Especiais em Hurlburt Field, Flórida. O AC-130J é um C-130J altamente modificado que oferece apoio aéreo, interdição aérea e reconhecimento armado.

O governo dos EUA opera a maior frota C-130J Super Hercules do mundo. Esta entrega representa a transição contínua do governo dos EUA para o C-130J como a plataforma comum em todo o Comando de Mobilidade Aérea, AFSOC, Comando de Combate Aéreo, Guarda Costeira dos EUA e Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA. A Guarda Nacional e a Reserva Aérea ainda operam uma frota mista de aeronaves C-130J e versões legadas.

Anúncios