O novo contrato para o sensor M TADS/PNVS permite que a Lockheed Martin responda rapidamente as necessidades dos clientes do Apache nos EUA e no restante do mundo. (Foto: Lockheed Martin)

A Lockheed Martin recebeu um pedido avaliado em US$ 337 milhões para o fornecimento de Modernizados Sistemas de Designação e Aquisição de Alvos / Visão Noturna para Pilotos (M-TADS / PNVS, Modernized Target Acquisition Designation Sight/Pilot Night Vision Sensor) e serviços para as frotas dos Estados Unidos, Reino Unido e Reino da Arábia Saudita.

O novo contrato faz parte de uma encomenda de tarefa inicial sob um novo contrato mais amplo de quantidade indefinida / prazo indefinido (ID / IQ) assinado com o Exército dos EUA. O contrato está avaliado em pelo menos US$ 2 bilhões em pedidos potenciais e um período de desempenho de cinco anos, e serve como documento contratante para fornecer sistemas e serviços M-TADS / PNVS para clientes americanos e internacionais.

“A Lockheed Martin está empenhada em uma parceria forte e sustentada com nossos clientes nos Estados Unidos e em todo o mundo”, disse Paul Lemmo, vice-presidente de Sistemas de Controle de Armas / Forças de Operações Especiais, junto a Lockheed Martin Missiles e Fire Control. “Este contrato nos permite responder rapidamente às suas emergentes necessidades de defesa, incluindo requisitos para novos sistemas M-TADS / PNVS e atualizações”.

Sob uma encomenda para o Exército dos EUA, a Lockheed Martin está fornecendo kits de atualização para o Modernizado Sensor Diurno do M-TADS / PNVS (M-DSA) e para o Modernizado Designador a Laser. Para o Ministério da Defesa da U.K, está entregando kits de atualização M-DSA para os M-TADS / PNVS como parte de um esforço de remanufatura para atualizar os modelos Apaches britânicos para modelo E. Para o Ministério da Guarda Nacional Saudita, está fornecendo sistemas M-TADS / PNVS para novos modelos Apache E.

O M-TADS / PNVS, conhecido como “os olhos do Apache”, oferece aos pilotos habilidades de longo alcance, de precisão e de pilotagem para voos seguros durante o dia, a noite e em missões climáticas adversas. O M-DSA aumenta a capacidade de designação do M-TADS / PNVS e as capacidades de alcance para acomodar completamente as armas atuais e as planejadas para o futuro. O sensor atualizado permite que os pilotos do Apache vejam imagens de alta resolução, alta definição, infravermelho e coloridas nas telas do cockpit. O M-DSA também fornece um novo marcador laser que melhora a coordenação com as tropas terrestres e um laser multi-modo atualizado com feixe de designação com capacidade de proteger os olhos dos militares no solo, apoiando em voo as missões em ambientes urbanos e exercícios críticos de treinamento.

1 COMENTÁRIO

  1. Magnifico e letal , olhando pelo retrovisor ainda não viram ninguém , uma pena , ele ja é um trintão , esperar pelos retardatários é ruim !

Comments are closed.