O novo Mi-171Sh-VN apresentado durante o MAKS 2017. (Foto: Rostec)

A empresa Russian Helicopters, uma subsidiária da estatal Rostec, revelou uma nova variante do helicóptero utilitário Mi-171Sh (Hip-H) reconfigurado para operações especiais. Designado Mid-171Sh-VN, o helicóptero foi revelado no MAKS Air Show 2017 em Zhukovsky, próximo a Moscou.

O Mi-171Sh-VN é projetado para ser mais eficiente e capaz de sobreviver em um ambiente de conflito moderno. O helicóptero foi desenvolvido com base na experiência de combate, incluindo na Síria, disse o CEO da Russian Helicopters, Andrey Boginsky. O helicóptero será comercializado em todo o mundo como o Mi-171Sh.

De acordo com suas especificações oficiais, o Mi-171Sh-VN tem um peso máximo de decolagem de 13.500 kg, uma carga útil máxima de 4.000 kg, um alcance de 1.065 km, teto de serviço de 6.000 metros, com uma velocidade máxima de 280 km/h e uma velocidade de cruzeiro de 260 km/h. O helicóptero leva uma tripulação de três e pode transportar até 37 pessoas. O Mi-171Sh-VN é alimentado por dois motores com uma potência de 1900 hp cada. Tem compósitos nas pás do rotor principal e um tipo de rotor de cauda no formato ‘X’.

Para tarefas das operações especiais, o Mi-171Sh-VN tem uma blindagem de Kevlar ao nível do piso da tripulação de cabine e do compartimento de carga. Seu armamento padrão inclui duas metralhadoras 12,7 milímetros e a última geração de mísseis e foguetes. Um sistema dual FLIR permite de forma independente conseguir visualizar os objetivos mesmo em condições climáticas adversas, de dia e de noite, e continuar a monitorar a área de trabalho.

Colaborou Rustan Bogaudinov, direto de Moscou.

Anúncios

4 COMENTÁRIOS

    • Praticamente todo equipamento russo é personalizado, cada cliente recebe uma versão específica. Ainda mais os Hips, que tem sei lá quantos tipos diferentes… sequer motor e carcaça são completamente padronizados. É tudo artesanal, não tem como não sair quase uma versão por mês…
      Este daí no caso tem o bico novo com o radar meteorológico, mais FLIR e EOS, além de blindagem reforçada…

  1. Mais do mesmo ,fizeram alguns puxadinhos ,colocaram alguns eletronicos com aparencia moderna e Voilah , mais uma moderna aeronave para contrapor as ocidentais !

  2. Quando o projeto é solido e bom, ele se mantem vivo durante decadas e mesmo assim consegue ser tão bom ou até mesmo superior àqueles que vieram depois. O Mi-8 foi o "Mig-21 de asas rotativas" pois esta a 50 anos em produção e se mantem um helicoptero formidavel, principalmente observando seu custo.

Comments are closed.