Um F/A-18F Super Hornet da Marinha dos EUA armado com 10 bombas Laser JDAM.

O Comando de Sistemas Aéreos da Marinha dos EUA concedeu à Boeing uma modificação de US$ 139,8 milhões, de um contrato previamente premiado, para a aquisição de 12.000 Conjuntos de Orientação a Laser para a Munição Conjunta de Ataque Direto (JDAM), disse o Departamento de Defesa dos EUA na segunda-feira.

A Joint Direct Attack Munition (JDAM) é um kit de orientação de baixo custo que converte as bombas de queda livre não guiadas existentes em armas “inteligentes” guiadas com precisão.

O kit JDAM consiste em uma nova seção traseira que contém um sistema de navegação inercial/sistema de posicionamento global (INS/GPS) e correias para maior estabilidade e sustentação. As bombas podem atingir o alvo com precisão em quaisquer condições climáticas e serem lançadas a uma grande distância do alvo, e o sistema de navegação pode ser usado para atualizar a arma até o impacto.

De acordo com um comunicado divulgado pelo Departamento de Defesa, espera-se que o trabalho seja concluído em abril de 2020.

Fuzileiros Navais armam bombas GBU-54 Laser JDAM em um AV-8B Harrier a bordo do USS Makin Island (LHD 8). (Foto: U.S. Navy / Mass Communication Specialist 2nd Class Christopher Lindahl)

A Força Aérea dos EUA, a Marinha dos EUA e as forças armadas de mais de 26 países adicionais empregam a JDAM. Seu primeiro uso operacional foi durante a Operação Allied Force nos Bálcãs em 1999. O JDAM tem sido amplamente utilizado na Operação Liberdade Duradoura (OEF) e na Operação Iraqi Freedom (OIF) e mais recentemente na Operação Unified Protector da OTAN na Líbia.

A Laser Joint Attack Direct Munition (Laser JDAM) expandiu as capacidades da JDAM. Por causa de seu design modular, um kit de sensor a laser acessível pode ser instalado em um JDAM existente no campo em questão de minutos. Além do recurso GPS/INS para todos os climas que os JDAMs convencionais oferecem, o Laser JDAM acrescenta a capacidade de processar alvos de oportunidade, incluindo alvos móveis e marítimos.

A Laser JDAM está operacional nas plataformas americanas F/A-18, F-35C/B e A/V-8B. A Boeing concluiu o ciclo de desenvolvimento e testes da Laser JDAM em menos de 17 meses e entregou a primeira produção de Laser JDAMs à Força Aérea dos EUA em maio de 2008.

Anúncios

SEM COMENTÁRIOS