Ministério da Defesa da Holanda vai desativar 19 caças F-16 devido a cortes no orçamento.

Hoje divulgamos a informações que a Holanda estava retirando de operação todos seus helicópteros Cougar. O Ministério de Defesa da Holanda confirmou a pouco que vai colocar a venda 14 dos 17 helicópteros de transporte Cougar.

Além disso, o Ministro da Defesa Hans Hillen informou que o Ministério vai desativar 60 tanques Leopard, doi barcos de patrulha, uma aeronave KDC-10 de transporte/reabastecimento, e reduzir sua frota de caças F-16, de 87 para 68.

Dos cerca de 12.000 cargos de trabalho atualmente no Ministério, 6.000 serão extintos, com cerca de 1.000 militares demitidos. Os restantes são civis que prestam serviço no Ministério. Cerca de 100 pessoas em cargos no Comando da OTAN também serão mandadas embora.

Sobre o caça F-35, o Ministério da Defesa confirmou que vai adquirir a segunda aeronave protótipo e seguir em frente com o programa do JSF.

Nota do Editor: Pelo jeito um caça F-16 já foi “desativado” nessa sexta-feira.

4 COMENTÁRIOS

  1. Agora é o momento da compra de oportunidade,muitas nações que estão a procura de aparelhos seminovos podem encontrar na Holanda por exemplo uma grande oportunidade de negócios.
    De alguns anos para cá o nosso vizinho Chile tornou-se um grande apreciador dos equipamentos Holandeses tem comprado dos lotes de F-16AM/BM,e agora teremos mais destas aeronaves a venda, é também uma boa oportunidade a aquisição do KDC-10 uma aeronave de reabastecimento de grande porte que não só por sua capacidade tanque pode ser de muito bom uso para transporte de materiais e tropas. Os Helicópteros Super Puma são muito bem equipados e pessoalmente acho uma pena que sejam vendidos,quem os comprar vão ter em mãos máquinas muito bem equipadas para os mais variados tipos de missões. E agora eu lhes pergunto qual será a próxima nação a por a venda suas aeronaves?

    Abraços.

  2. Bom comentário Thiago. Bem acredito que o Chile deve adquirir algumas dessas aeronaves, o mesmo está se tornando uma ótima FA na América do Sul.

    Agora o caso brasileiro só temos que lamentar, nosso país vai sofrer muito com essa política de populismo, enquanto as FA dos Brasil vão indo mais para baixo no buraco.

    Se não adquirirmos até 2020 um novo vetor para a Força Aérea, ou vários vetores que seria o certo, seremos motivo de piada em todo o mundo.

  3. Agora era a hora do Brasil se mecher e aproveitar compras de oportunidade nem sempre é tão facil assim conseguir tais aeronaves.

Comments are closed.