Um dos atuais helicópteros de ataque Mil Mi-35M da Força Aérea do Peru. (Foto: Erik Rostov / Russian Planes)

O Ministro da Defesa do Peru, Pedro Kateriano Belido anunciou que seu departamento precisa adquirir mais 20 helicópteros, e já enviou um pedido ao governo. O tipo escolhido e o país de origem dos helicópteros não foi informado, mas sabe-se que os helicópteros vão servir nos vales dos rios Apurimac, Ene e Mantaro, realizando missões militares para combater o terrorismo e o tráfico de drogas, amplamente comercializadas na região, devido ao recente aumento do grupo extremista Sendero Luminoso.

“Queremos aumentar a segurança na área, e a compra de novos helicópteros poderia nos ajudar muito”, disse Pedro Kateriano. A fim de controlar as áreas dos vales dos três rios, o Ministério da Defesa do Peru está planejando a compra de novos helicópteros, além de continuar o programa para a modernização dos existentes helicópteros em serviço que foram anteriormente adquiridos.

Apesar do fato do ministro da defesa não divulgar os modelos de helicópteros a ser adquiridos, presume-se que sejam modelos russos Mi-17 (produzidos em Ulan Ude) e Mi-35M. Esses helicópteros já são utilizados pelas forças armadas peruanas. Em 2010, o Peru assinou um contrato com a Rússia para compra de seis helicópteros Mi-171SH modificados e dois Mi-35P. Como parte da execução do contrato, os helicópteros foram entregues para Peru em 2011, antes da abertura da exposição internacional de defesa e tecnologia SITDEF Peru 2011, em Lima.

A eventual compra do país sul-americano de helicópteros de fabricação russa é a continuação lógica do intenso desenvolvimento na última década da cooperação técnico-militar entre os dois países implementada em 1972. Agora, a Rússia também prevê a criação de centros de tecnologia no Peru para reparar os helicópteros da família Mil (o acordo foi assinado em 2008, quando o presidente russo Dmitry Medvedev visitou o seu homólogo peruano Alan Garcia).

Atualmente, o comando militar peruano está considerando a compra de sistemas russos de radares, armas leves, e simuladores de treinamento para os militares, que são projetados para reduzir os custos para a formação de especialistas militares.

Colaborou com o texto o amigo Rustam Bogaudinov, direto da Rússia.

Solicito um minuto da atenção de você leitor do Cavok. Estamos tendo despesas elevadas com servidores devido ao alto tráfego gerado mensalmente, e precisamos da ajuda de todos para continuar mantendo o site estável e permanentemente no ar. Sem a ajuda de vocês, fica inviável manter o Cavok, já que infelizmente as empresas aeronáuticas brasileiras até o momento não anunciaram no nosso site, mesmo sendo o Cavok uma das maiores referências sobre notícias de aviação do país, reconhecido inclusive internacionalmente, e um dos sites de aviação mais visitados do país, senão o maior. Para contribuir, utilize as formas de pagamento online abaixo.

Desde já meu muito obrigado a todos.
Fernando Valduga

Enhanced by Zemanta
Anúncios

12 COMENTÁRIOS

  1. Não sei a opinião dos colegas, mas na minha é uma das piores(se não a pior) padrões de camuflagem jamis vistas. 🙂

    []'s

    • Pois é, Nick. Depois de ver aquele lindo padrão de camuflagem dos Super Tucano da Mauritânia, esse aí até dói os olhos… 😀

    • Discordo dos colegas…

      O padrão é bonito sim… Não parece com nada, mas é bonito… 😀

    • Com essa pintura, ano que vem vai estar na Sapucaí, como carro abre-alas de alguma escola de samba. 🙂

  2. Cruz credo, isso morde ???
    Que pintura horrível, o fabricante deveria proibir esse "carro alegórico" ou não incentivar.

  3. O Peru vai e compra, ao contrario do BR que fica " AAi, equipamento comunista!!!"

  4. Caro Nick, parece que estavam pintando de verde uma cobaia e a latinha de tinta acabou. Alguém de outra equipe e turno deve ter ido à uma Casa das Tintas da esquina e comprado outra latinha, mas aí de marrom, em dois tons. E completaram esse "pictoricídio", que foi replicado nos outros helis do tipo por puro mau gosto. Só a boca do tubarão se salvou, por não ter lábios — como os dos Bozoplanos da Morte (Super Tucanos) da Indonésia…

  5. Com isso serão quantos helis de ataque operados pelo Peru?provavelmente viram mais Mi-35 por estarem muito acostumados a operar esse vetor, e no caso deles, que estão combatendo pirados na selva, um Heli de assalto que pode entregar 8 soldados armados e armamento para dar cobertura e atacar é excelente, até esses pirados conseguirem alguns stingers …

    Essa camuflagem deve ter sido pintada por algum artista impressionista de arte contemporânea, vocês vão ver daqui uns 50 anos vão pagar milhões por essa obra de arte… kkkkkkkkkk

  6. Isso deve ser Pra economizar munição. Assim eles matam os guerrilheiros de tanto rir vendo uma coisa dessas.

    • Os peruanos estão abandonando este padrão chamativo de camuflagem, basta ver que as versões modernizadas estão em tons foscos…

Comments are closed.