O MUSAL colocou em exposição cinco aeronaves que eram da FAB. (Foto: MUSAL)

O Museu Aeroespacial (MUSAL), no Rio de Janeiro, colocou em exposição neste mês cinco novas aeronaves: um AT 26 Xavante 4462, primeiro da FAB, construído em 1971, um AT-26A IMPALA, um U7 SENECA, um rebocador G-19 IPANEMA, um BOEING 737-200 VC 96, que transportou oito Presidentes da República, e uma cabine do simulador da aeronave F-5, dos anos 90.

Vista do hangar do MUSAL onde estão quatro das novas aeronaves incluídas no acerto: o Seneca, o Atlas Impala, o Ipanema e o primeiro Xavante. (Foto: MUSAL)

Fonte: MUSAL

Anúncios

4 COMENTÁRIOS

  1. Queria ver esse VC-96 de perto em sua nova casa (anos atrás o "defendi" de uma bisonha editora de jornal, que ousou chamá-lo de "sucatinha") e também esse Impala (que um piloto da FAB disse "dar pau no Xavante")…

  2. Ao invez de ficar espetando aeronaves velhas em pracinhas, a Fab podia trocar algumas delas por exemplares que o museu não tem. Por exemplo, se voce quiser ver um Mig ou Me-109, tera que ir ao museu da Tam em Sao Carlos. Aposto que alguma outra nação gostaria de ter um Mirage III no seu acervo de seu museu

    • Eu já defendo o contrário, só aeronaves usadas pela FAB devem ser exibidas no MUSAL.

  3. Bah, e eu já trabalhei nesse breguinha que tá aí no Musal. Com certeza o pessoal teve pouquíssimo trabalho para deixar ele pronto para a exposição .Era um avião muito bem cuidado é claro.

Comments are closed.