A nova proposta de um Sistema Aéreo Vertical Não-Tripulado (VUAS) 'Fire-X', proposto pela Northrop Grumman e Bell. (Foto: Northrop Grumman)

As companhias norte-americanas Northrop Grumman Corporation e Bell Helicopters estão combinando para trabalhar juntas para oferecer o Sistema Vertical Aéreo Não-Tripulado (VUAS) de médio alcance ‘Fire-X’, antecipando uma competição da U.S. Navy para uma nova plataforma UAS de médio alcance que será iniciada em 2011.

Baseado no helicóptero monomotor de quatro pás Bell 407,o primeiro voo do Fire-X é aguardado para o final do ano. “O sistema Fire-X integra o conhecimento adquirido em aeronaves não tripuladas da Northrop Grumman, com uma aeronave mundialmente consagrada e certificada pela FAA, que permanece em serviço desde 1996,” disse Gene Fraser do setor de Sistemas Aeroespaciais da Northrop Grumman. “O resultado será um sistema acessível e de rápida colocação no mercado, que emprega a maturidade de uma arquitetira de sistema não tripulado baseada no programa MQ-8B Fire Scout, enquanto oferece aos serviços militares uma capacidade de carga, equipamentos transportados e de alcance extra que está sendo procurado.”

Baseado na arquitetura modular do Fire Scout que pode acomodar uma variedade de equipamentos de comunicação e de inteligência, vigilância e reconhecimento (ISR), o Fire-X oferecerá uma grande capacidade para transporte de sensores e equipamentos (até 3.000lbs) e uma autonomia bem maior (mais de 14 horas), além de um sistema de transporte de carga externa (para até 2.646 libras).

Um versão completa do press release, que inclui fatos, notas, fotos e outras relevantes informações pode ser visto aqui.

Anúncios

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.