O primeiro modernizado UH-60V Black Hawk, durante seu primeiro voo no dia 19 de janeiro, em Huntsville. (Foto: Northrop Grumman)

A Northrop Grumman Corporation, em parceria com o Centro de Integração de Protótipos do Exército dos Estados Unidos e com a principal contratada, a Redstone Defense Systems, completou com sucesso o primeiro voo do helicóptero UH-60V Black Hawk.

A Northrop Grumman forneceu a Suíte Integrada de Aviônicos para o UH-60V, que atualiza os helicópteros UH-60L Black Hawk do Exército dos EUA com um cockpit digital, sob um contrato concedido em 2014. O projeto de cabine com arquitetura escalável, totalmente integrado e aberto substitui os indicadores analógicos com displays digitais dos instrumentos eletrônicos na aeronave atualizada. O UH-60V apresenta uma das mais avançadas soluções de aviônicos do Exército, permitindo as complexas missões de combate da aviação militar.

No dia 19 de janeiro, o UH-60V Black Hawk voou com sucesso pela primeira vez com este cockpit digitalizado em Huntsville. Este marco importante foi o culminar de um projeto de cockpit e um esforço de desenvolvimento que foi concluído dentro do prazo de 29 meses a partir da assinatura do contrato original. A realização da equipe atinge o cronograma específico estabelecido pela liderança do Exército dois anos antes do previsto para o primeiro voo.

“Esta realização do primeiro voo do UH-60V reafirma nossas soluções de cockpit abertas e seguras que permitirão as capacidades mais avançadas para os combatentes”, disse Ike Song, vice-presidente de soluções de missão da Northrop Grumman. “Continuamos empenhados em oferecer uma solução acessível e de baixo risco que oferece valor e flexibilidade a longo prazo aos clientes”.

A solução de cabine digital UH-60V está alinhada com o padrão Future Airborne Capability Environment (FACE™) e suporta a integração de hardware e software, permitindo a inserção rápida de capacidades em múltiplas plataformas de aviônica, reduzindo custos e riscos para a integração de sistemas e atualizações. A abordagem de arquitetura aberta oferece maior flexibilidade e permite que as atualizações sejam feitas com ou sem o envolvimento do fabricante do equipamento original.

O UH-60V cumpre os padrões de desenvolvimento de software crítico para a segurança e foi concebido para cumprir os requisitos da Administração Federal de Aviação (FAA) e da Agência Europeia para a Segurança da Aviação (EASA), permitindo que o sistema atravesse o espaço aéreo militar e civil em todo o mundo. Também é certificável e compatível com os padrões de aviônicos críticos de segurança, como o DO-178C.

O programa UH-60V Black Hawk modernizará a frota de helicópteros UH-60L do Exército dos EUA através de econômicos upgrades de cockpit. O novo sistema é quase idêntico à interface homem-máquina do UH-60M, proporcionando formação e emprego operacional comum.

Anúncios

2 COMENTÁRIOS

  1. Esse ainda vai longe…. devíamos é adquirir mais desses excelentes vetores.

  2. Não discuto a excelência da Northrop Grumman em nada, mas é esquisito fazer upgrades em produtos ainda fabricados, de um concorrente interno (Lockheed/Sikorsky). É como a Fiat "mexendo" no painel de uma frota de Chevrolets…

Comments are closed.