O primeiro ACJ319neo estabeleceu um recorde de voo mais longo durante um voo de testes no dia 26 de abril. (Foto: Airbus)

O primeiro ACJ319neo completou com sucesso um voo de teste de 16 horas e 10 minutos voo no dia 26 de abril, estabelecendo um novo recorde para o mais longo voo da família A320, feito por uma tripulação da Airbus.

O recorde anterior da Airbus era entre Santiago-Paris, voado em 15 horas e 15 minutos por um ACJ319 em 1999. A nova aeronave voou de Toulouse para o norte da Groenlândia e de volta, em um voo de resistência que incluiu um desvio simulado dentro da regra de voo 180 min ETOPS, para as quais a família de aviões A320 já está certificada.

A aeronave deve ser entregue à K5 Aviation da Alemanha nos próximos meses, após a conclusão dos testes de voo do ACJ319neo. A aeronave realizou seu primeiro voo de testes no dia 24 de abril.

“Queremos levar os clientes ao seu destino usando as rotas mais rápidas, além de oferecer conforto e serviços inigualáveis, e é impressionante ver essa capacidade de longo alcance em primeira mão”, disse Erik Scheidt, CEO e piloto chefe da K5 Aviation, que participou no voo.

O ACJ319neo é derivado da família de aviões A320neo, que apresenta novos motores e sharklets montados na ponta das asas.

“A moderna família de aeronaves da Airbus leva o mundo a um passo firme com confiabilidade robusta e os operadores de jatos executivos são beneficiários naturais desse patrimônio, que também traz custos operacionais comparáveis ??aos jatos executivos tradicionais”, disse o presidente da ACJ, Benoit Defforge.

O ACJ319neo da K5 Aviation é equipado com cinco tanques centrais adicionais (ACTs) em seu porão de carga e inclui melhorias como uma altitude de cabine mais baixa para maior conforto do passageiro.

Os pedidos e compromissos do jato corporativo para as aeronaves derivadas da família A320neo totalizam 14.

Companhias aéreas e clientes de jatos executivos encomendaram quase 15.000 aeronaves da família A320 até o momento, com mais de 700 da nova versão do A320neo já atendendo companhias aéreas em todo o mundo.

Cerca de 200 jatos corporativos da Airbus estão em operação em todo o mundo, voando em todos os continentes, incluindo a Antártida.

2 COMENTÁRIOS