main qimg 1c50c4cc79348a5b044aa5c03b6521f8 600x400 - Paquistão se prepara para receber último lote de jatos JF-17 Thunder Block II
A Força Aérea do Paquistão receberá em breve o último lote de caças JF-17 Thunder II.

A Força Aérea do Paquistão (PAF) deve receber os três últimos caças chineses-paquistaneses JF-17 Block II no final de junho, incluindo um JF-17B biplace.

As aeronaves fazem parte de um pedido feito pela PAF no final de 2017 para mais 12 plataformas que estão atualmente na linha de montagem final da unidade da Pakistan Aeronautical Complex (PAC) de Kamra. A unidade construiu mais de 100 jatos JF-17 desde o lançamento do primeiro JF-17 (em série 09-111) em novembro de 2009, de acordo com uma reportagem publicada pela Jane’s Defence Weekly.

60804042 2800159963343853 3008270174441701376 o 600x338 - Paquistão se prepara para receber último lote de jatos JF-17 Thunder Block II
O primeiro JF-17B que deve ser entregue para Força Aérea Paquistanesa.

A PAC produziu 50 aeronaves JF-17 Block I e 62 jatos Block II, incluindo os 12 jatos do Block II encomendados em 2017. Atualmente, a PAF possui 85 aeronaves JF-17 Block I e II operacionalmente implantados.

Fontes dizem que a nova aeronave F-17 Block III será equipada com um novo sistema de guerra eletrônica, aviônicos atualizados. Ele também inclui um sistema de controle de voo digital fly-by-wire de três eixos, um sistema de visão com display montado no capacete e o primeiro radar AESA chinês usado pelo Paquistão.

O chefe da Força Aérea Paquistanesa, o marechal Mujahid Anwar Khan, revelou que a Força Aérea tomará uma decisão sobre um dos dois novos radares AESA chineses. Ele acrescentou que eles estão atualmente avaliando os radares na aeronave.

JF 17 line up 692x360 600x312 - Paquistão se prepara para receber último lote de jatos JF-17 Thunder Block II

O radar KLJ-7A, do Instituto de Pesquisa de Tecnologia Eletrônica de Nanjing, está sendo comercializado pela CETC (China Electronics Technology Corporation) com opções de resfriamento a ar e refrigeração líquida. O segundo concorrente é o Instituto de Pesquisa de Tecnologia Eletrônica Leihua (LETRI), que oferece um radar AESA de refrigeração a ar conhecido como LKF601E.

Anúncios

1 COMENTÁRIO

  1. 100 jatos supersônicos produzidos! Mesmo com os chineses por trás, tem que tirar o chapéu para os caras!

Comments are closed.