Aeronave ATR 72 da MAP Linhas Aéreas.

Nesta quarta-feira (21/08), a companhia aérea Passaredo anunciou a aquisição da MAP Linhas Aéreas. A empresa não informou os valores envolvidos no negócio que incluiu a apresentação da nova marca da companhia.

Com a compra, a Passaredo deve acumular 12 horários de pousos e decolagem (slots) no aeroporto de Congonhas, em São Paulo, recebidos da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) como “herança” da Avianca Brasil. Ao todo, a Passaredo vai operar 26 voos no terminal.

Em nota, a companhia disse que manterá todas as operações MAP, bem como postos de trabalho nas bases operacionais e na sede, em Manaus.

“Sempre tivemos muito interesse na Região Norte, mas a dificuldade logística nunca permitiu nossa expansão para aqueles mercados. Agora, com uma estrutura completa em Manaus, inclusive de manutenção, poderemos dedicar uma frota de aeronaves para assumir as operações regulares no Norte”, afirmou em nota o presidente da companhia, José Luiz Felício Filho.

De acordo com o empresário, como a fatia das duas empresas no mercado brasileiro soma 1%, o negócio não necessita de autorização do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), apenas do comunicado à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

Segundo Felício, com a aquisição, a Passaredo passa a ter 11 aeronaves ATR 72-500, cinco já operadas da empresa com sede em Ribeirão Preto (SP) e seis da MAP. Três aviões da MAP serão remanejados da Região Norte para operar em Congonhas e mais três novas aeronaves devem ser incorporados até o final do ano, elevando a frota para 14.

O plano de expansão da Passaredo prevê operações em cidades como Araçatuba, Bauru, Marilia, Uberaba, Dourados, Ipatinga, Ponta Grossa, entre outras localidades, além de novos destinos na Região Norte. Até o final de 2019, a Passaredo atenderá a 37 localidades em todas as regiões do Brasil.

Passaredo anuncia também uma nova identidade visual

Com a aquisição da concorrente, a Passaredo também aproveitou para fazer o relançamento de sua marca, a Voepass, que segundo a companhia, reforça o novo momento da empresa, de crescimento e recolocação do produto no mercado. A mudança tem como objetivo proporcionar aos seus clientes ainda mais qualidade nos serviços oferecidos pela companhia, além de produtos diferenciados.

Anúncios

3 COMENTÁRIOS

  1. Sei…tava na cara que tinha alguma maracutaia naquele pedido da MAP para slots em Congonhas, quando operava somente no norte do Brasil…coincidência, né?

  2. Que sejam muito bem sucedidos com este salto no crescimento e expansão da empresa e que consigam ir mais além.
    E ficamos no aguardo para que os políticos decidam começar a implementar as mudanças necessárias para possibilitar o surgimento, e a sobrevivência, de novas empresas para uma expansão da malha aérea neste país e estabelecimento de uma concorrência real nos preços das passagens.

  3. MAP, infelizmente te convidamos a se juntar ao nosso grupo de empresas Regionais (últimos 20 anos aproximadamente): Abaeté, Air Amazônia, Air Minas, Alliance Jet, América Air, Beta, Brasil Central, Cruise, Gensa, Globex, Interbrasil Star, Flyways, Litorânea, Mega, Nacional, NHT, Noar, Nordeste, Penta, Presidente, Puma, Riosul, Sete, Team, Tavag, Trip, Unex, Velox, Vica. Sempre muito difícil novas entrantes no mercado Regional e das companhias incumbentes. Devo registrar que parece estranho e desconfortável ao setor, uma empresa ganhar os slots no aeroporto mais concorrido do Brasil e imediatamente repassa-lo a outra, mesmo via incorporação, esta também associada a maior transportadora nacional, ou seja, houve aumento da concentração em Congonhas. Os slots em Congonhas só terão sua importância diminuída quando houver uma linha expressa de metrô ligando o centro da cidade a Guarulhos, o que pode ser feito em 00:15 minutos em uma linha expressa. E um TAV, Trem de Alta Velocidade, ligando os aeroportos e cidades de Campinas, Guarulhos, São José dos Campos, desse modo, teremos finalmente aeroportos secundários no Brasil mas, ligados a São Paulo em apenas 00:35 minutos. Saudações & Bons Voos,

Comments are closed.