Captain Oveur Airplane 1980Nem todo mundo na Segunda Guerra Mundial falava Inglês.

Quem já viu vários filmes com pilotos de caças ou bombardeiros, já deve ter ouvido a expressão “Roger”, finalizando uma frase. Mas o que isso significa? E a expressão “Roger Wilco“? Você já deve ter ouvido e nem percebeu.

De acordo com a história, em 1927, “Roger” foi a palavra escolhida para representar a letra “R”, que é claro, é a primeira letra da palavra “recebido” (received em inglês). Resumindo, um piloto ao receber instruções, e para indicar que ele as recebeu, ele dizia “Roger.” Mas por que ele apenas não dizia “recebido”? Ora, durante a Segunda Guerra Mundial, nem todo mundo falava Inglês, mas “R” – ou “Roger” – tornou-se a forma internacionalmente aceita de reconhecer a recepção de instruções. (Claro que, em 1957, a palavra “Roger” foi substituída pela palavra “Romeo”, mas por esse tempo, “Roger” e “recebidos” eram sinônimos.)

pilotos II WW

E sobre “Wilco”? Sua história é ainda mais simples: é uma abreviatura “will comply”, que em português significa que algo será cumprido. Então, quando um piloto dizia “Roger Wilco,” o que eles queriam dizer é “será cumprido.” “Eu recebi suas instruções e vou segui-las.”

Roger?

FONTE: War History – Edição: CAVOK

27 COMENTÁRIOS

  1. E o "Rogério" já salvou a cueca de um comuna…

    Em 1982, quando um dos dois Mirages III da FAB emparelhou com aquele Cubana que invadiu (e muito) o espaço aéreo brasileiro, onde hoje é o centro do Tocantins, o piloto cubano nem deu bola para o caça, fingiu que não via nem ouvia nada devido a tempestade de então.

    Quando o Capitão Paulo (Paulão) deu uma curta rajada, para frente, com os Defa (o que levanta uma labareda considerável, ainda mais no breu daquele dia), o cucaracha tomou um susto do carvalho, entrou na fonia, todo esbaforido, e mandou um "Roger, roger! Give me intructions to the landing!"…

  2. Não é minha resposta, peguei no Yahoo, parece mais coerente do que essa teoria maluca aí: "Sei que tem bastante tempo esse pergunta, mas só vou responder porque não vi nenhum correta. Primeiro, R no alfabeto radiofonético é "Romeo" em todo lugar do mundo, nunca foi Roger.

    Já Roger é "Received Order Given, Expect Results", era utilizado pela Marinha americana aguardando o posterior Sitrep (Situation Report). Foi absorvido por outras forças até de outros países.

    Sou militar, por isso sei dos detalhes.
    "Cardox" · 1 ano atrás"

  3. Para quem acha que conhece sobre abreviaturas e códigos usados em comunicação via rádio e telégrafo aqui neste PDF está o trabalho mais completo que existe a disposição dos curiosos, os nomes usados para as letras estão a partir da pg 144.
    Vou postar só os principais, pois no passado cada empresa de telégrafo criava o seu código, isso dificultava o funcionário de procurar emprego na concorrencia, além de cada país usar o seu.
    O "R" ja foi:
    Rebecca 1860 EUA Militar
    Robert 1908 Royal Navy
    Rush 1913 US Navy
    Richard 1913 até 1993 Alemanha
    Rivoli 1927 Convenção Internacional Telegráfica
    Roma 1932 Itália
    ROGER 1922 US Navy, em 1941 adotado como padrão militar americano.
    Radio 1943 UK telégrafo
    ROMEU 1955 EUA/UK e Austria
    Romeu 1956 toda OTAN, mas trocaram o Nectar por November, este padrão vinga até hoje.
    Rodolfo 1962 Itália
    Raja 1962 India
    Roos 1965 Africa do Sul
    Roman 1983 Rússia
    Rodus ???? Grécia
    Tsila ???? Israel hebraico
    Raoul ???? França
    Riguang ???? China
    .
    . http://www.qsl.net/wd8das/RadioCodes.pdf

  4. O Brasil oficialmente em 2001 no Gov. FHC fez umas alterações no código internacional para facilitar a utilização pelo povão, estas alterações valem também para as Forças Armadas.
    Alpha por Alfa
    Foxtrot por Foca
    Juliett por Juliete
    Golf por Golfe
    Uniform por Uniforme
    X-ray por Xingu
    Zulu por Zebra, pode ser ainda utilizado o Zulu.

  5. O Roger como várias abreviações tem significados diferentes em diferentes Forças e países. Vejam a opinião de militares de diferentes fontes.
    .
    USAF: "Roger" was "phonetic" for "R" (received and understood". In radio communication, a "spelling alphabet" (often mistakenly called a "phonetic alphabet) is used to avoid confusion between similarly sounding letters. In the previously used US spelling alphabet, R was Roger, which in radio voice procedure means "Received". While in the current spelling alphabet (NATO), R is now Romeo, Roger has remained the response meaning "received" in radio voice procedure. In the US military, it is common to reply to another's assertion with "Roger that", meaning: "I agree".
    Major David Null, Auxiliary USAF, Claremont, CA USA
    .
    Royal Navy: I was told during my Navy training that ROGER stands for Received Order Given, Expect Results.
    Andy McBride, Littlehampton UK
    .
    RAF: In the RAF, the expression "Roger Willco" ("received, will cooperate") was used to acknowledge a request or order; It might still be, for all I know.
    Pete Wigens, Stroud, Glos UK

Comments are closed.