Super Tucano - Noite
Divulgação/Johnson Barros/FAB

O objetivo, segundo o jornal Al Joumhouria, seria para 8 a 10 aeronaves.

Citando fontes governamentais, o periódico de língua árabe afirma que atualmente existe uma força tarefa, encabeçada pelos EUA, com a participação da Jordânia e dos Emirados Árabes Unidos, cujo o objetivo é impulsionar a capacidade militar do Líbano com o fornecimento de armas e equipamentos militares, a fim de conter a ameaça dos jihaditas do EI naquela região.

Super Tucano - EPIPHANIO
Divulgação/ Diego Francisco Vieira Epiphanio/FAB

A forma como esse assunto tem sido tratado sugere que os Super Tucano que eventualmente sejam enviados ao Líbano estejam entre as aeronaves cuja aquisição está sendo negociada entre os Emirados Árabes Unidos e o Brasil, conforme noticiado aqui no Cavok anteriormente.

De forma mais contida, em comparação com o que tem ocorrido do Iraque e Síria, o Líbano já registra atividades terroristas do EI ao longo de sua fronteira.

FONTE: Al Joumhouria – EDIÇÃO: Cavok

IMAGENS: FAB, e meramente ilustrativas

Anúncios

44 COMENTÁRIOS

  1. Ué? Porque o Lí­bano não busca o dialogo com o EI??? Ah me esqueci…bater papo com terroristas é coisa de anão…

  2. Mas tem "otoridade" que do alto de sua sabedoria disse que deveriam dialogar com eles! Sugiro mandar essa "otoridade" e sua cupinchada para lá pra iniciar o diálogo.

  3. Pelo texto dá a entender que esses 8 a 10 A29 para o Líbano estariam entre os possíveis 24 para os E.A.U???

    Ou seriam fora parte?

  4. Estariam entre os 24 dos Emirados. Ao que parece, as aeronaves, se realmente adquiridas, serão doadas a nações amigas da região (Iraque, Líbano..)…

  5. A governANTA vai vetar….onde já se viu??? Usar armamento militar brasileiro , para matar a cumpanheirada….humpf.

  6. Oi, se não estou enganado a reportagem fala em 10 Guaranis apenas, sendo que os demais veículos serão comprados diretamente da Iveco na Itália.

  7. Acho que nao vai rolar, pois Israel teve uma participacao bastante intensa no desenvolvimento do ST, atraves da Elbit. O Libano ainda encontra-se em estado de guerra com Israel, pelo menos oficialmente. A possibilidade estah no repasse atraves dos Emirados.

  8. Só sei de uma coisa…se eu tivesse condições, eu mesmo compraria e doava só pra acabar com essas ervas daninhas…

    O racinha dus infernos….são de uma crueldade sem limites….

  9. Sim, foram 10, digitei errado…todos os veículos são diretos da Iveco…o único brasileiro 'guarani'…

  10. Toma cuidado , se os chinas e os russas pagar o resgate daqueles refens , vai que cansados dos barulho dee tiro resolvem curtir uma prainha aqui no brasil , eles veem o que vc disse em ….

  11. Parece que está brotando fanáticos por lá, se continuara assim, o ST vai virar "Passat" no Oriente Médio…

  12. O Líbano quer com os STs usar a diplomacia que EI entende; enquanto isso na república das Banânias uma certa presidanta com seu nanismo diplomático, risível, defende o diálogo com quem não entende essa língua. Ponto pra Embraer. A questão que levanto aqui é: A fábrica brasileira terá condições de atender essa demanda que surgiu meio que de repente??

  13. Até parece que o ST vai resolver alguma coisa, os Islamitas se alastram como pragas e ao contrario das pragas das lavouras essas só jogar veneno de aviãozinho não vai adiantar esqueçam.
    Eu lendo uma reportagem apenas no Mês de novembro as tropas do exercito sírio mataram mais de 4 mil combatentes do Estado islâmico, e foi a mesma coisa que nada poucas semanas depois já tinha mais de 4 mil nas fileiras islamitas, se os estados do Oriente médio não se unirem eu falo se unirem mesmo e pra isso vão te que contar tanto com a ajuda da própria síria como do Irã, a unica forma de destruir o estado islâmico vai ser em terra não só bombardeando ou dando mais armas a terroristas menos bárbaros.
    Israel tá de olho e sabe que se o negocio não melhorar vai se obrigar a intervir e destruir uma parte do OM, a quantidade de jovens alienados se alistando ao El e assustadora um dos principais responsáveis e a própria turquia que não consegue deter a entrada na síria e Iraque pelas suas fronteiras.

  14. Acho melhor a nossa presidenta fazer uma declaração mudando de posição, não pegou bem… foi totalmente idiota. Por outro lado, noto um certo ranco que chega a ser até engraçado.

  15. Uitinã

    Certamente o ST não resolverá o problema, assim como, nenhuma arma o fará individualmente, mas, com certeza usando um avião de apoio aproximado e ataque leve ( e preciso), pode tornar a tarefa muito menos árdua para as "outras armas" e poupar muitas vidas dos exércitos nacionais.

  16. "Passat no oriente médio". Bom trocadilho, arrancou risadas aqui.

  17. Ótimo que hajam interessados. Seria melhor se a procura fosse por lotes maiores.

Comments are closed.