Caças da USAF terão melhores capacidades de guerra eletrônica com o pod AN/ALQ-131 atualizado.

A Northrop Grumman Corporation recebeu um contrato de US$ 44 milhões para o Programa de Atualização do Pod de Ataque Eletrônico (EAPUP) da Força Aérea dos EUA (USAF). Colocado sob um contrato existente, essa terceira ordem de produção aumentará significativamente o número de sistemas EAPUP para a Força Aérea dos EUA.

Operar no ambiente moderno de guerra aérea, com avançados sistemas de guerra eletrônica que se proliferam rapidamente e armas guiadas por radar, requer um nível igualmente sofisticado de proteção e tecnologia comprovada. O EAPUP – um pod digital AN/ALQ-131 atualizado – substituirá os atuais pods de ataque eletrônico da USAF. O AN/ALQ-131A está atualmente disponível para parceiros internacionais.

“A nova tecnologia no EAPUP protegerá os pilotos da Força Aérea dos EUA e as aeronaves parceiras da coalizão de ameaças modernas e futuras”, disse Michelle Scarpella, vice-presidente e gerente geral de logística e modernização global da Northrop Grumman.

Pod AN/ALQ-131(V) da Northrop Grumman sendo testado numa câmara anecóica.

A Northrop Grumman recebeu o pedido seguindo uma série de testes rigorosos projetados para verificar os recursos do sistema e a prontidão para as operações. Os testes eram representativos de cenários modernos de combate e envolviam múltiplas ameaças simultâneas. O pod demonstrou a capacidade de identificar, localizar e combater ameaças sofisticadas e manter tripulações seguras durante missões em espaço aéreo contestado.

“A capacidade avançada de guerra eletrônica integrada no EAPUP é madura, escalável e está em produção hoje. Disponível globalmente, está pronta para dar às tripulações aéreas a proteção de que necessitam em ambientes densos de espectro eletromagnético”, disse Brent Toland, vice-presidente de C4ISR e aviônica da Northrop Grumman.

O EAPUP levará o inventário eletrônico de pods de ataque da Força Aérea dos EUA para a era digital, fornecendo capacidade de quinta geração para aeronaves de quarta geração e tornando-o o mais capaz no inventário de guerra eletrônica do Departamento de Defesa. No centro do EAPUP está a avançada tecnologia de guerra eletrônica da Northrop Grumman, construída com base na experiência adquirida com o amplo portfólio de programas da empresa para vários serviços.

Anúncios