Mesmo com a USAF tendo declarado dois esquadrões com capacidade operacional inicial e com aeronaves destacadas no exterior, quase metade da frota de F-35 está sem condições de combater. (Foto: F-35 JPO)

Diante de um conjunto de caças F-35 Joint Strike Fighters que estão muito limitados para voar em combate, os militares dos EUA enfrentam a questão do que fazer com eles – atualizar ou comprar novos?

O Escritório de Programas Conjuntos do F-35 está próxima de um importante aumento na produção dos F-35s. Em 2016, Lockheed Martin entregou 46 dos caças. No final de 2018, a empresa deverá produzir 130 por ano, de acordo com Vice Adm. Mat Winter, chefe do programa. E a taxa de produção aumentará ainda mais.

Ao mesmo tempo, o programa está fazendo malabarismos com múltiplas configurações da aeronave – não apenas porque há variantes da Força Aérea, do Corpo de Fuzileiros Navais e da Marinha, mas também porque a produção começou antes que os testes de voo fossem concluídos. Essa questão, conhecida como concorrência, continua a incomodar a capacidade militar para pagar o programa, pois precisará muito trabalho para trazer alguns dos mais antigos F-35 até o padrão mais recente, que as aeronaves precisam para operar em combate.

Lançamento de um AIM-132 ASRAAM da aeronave F-35B “BF-3” no dia 17 de maio de 2017. (Foto: F-35 JPO)

“Do ponto de vista da produção, temos literalmente 150 a 160 modificações que devem ocorrer em algumas das nossas aeronaves para chegar a uma configuração do Block 3”, disse Winter durante um discurso no dia 18 de setembro, na Conferência Aérea, Espacial e Cibernética realizada em Maryland.

Com isso em mente, Winter disse que é hora de considerar, talvez, não modificar todas as aeronaves para o padrão Block 3F, que permitiria que ele carregasse um conjunto completo de armas ar-ar e ar-terra. O teste do Block 3F pode ser entregue até o final deste ano. “Estamos olhando para um espaço de solução que dá as nossas opções aos combatentes”, afirmou.

Para a Força Aérea, algumas dessas opções seriam usar esse punhado de F-35 mais antigos como aviões “aggressor” ou em outros papéis de treinamento.

O chefe de gabinete da Força Aérea, David Goldfein, disse que há uma discussão em andamento entre a Força Aérea, os outros Chefes Conjuntos e chefes das forças aérea internacionais sobre se devem modificar esses F-35 mais antigos.

Para lançar armas ar-solo, somente a versão Block 3F.

“Você vai nos ver continuando a fazer uma análise sobre a adaptação dessas aeronaves”, disse ele durante uma conferência de imprensa no dia 19 de setembro. Mas ele rapidamente acrescentou que este não é um novo tipo de discussão – a Força Aérea passou pelo mesmo com o F-16, F-15 e F-22.


Fonte: Aviation Week

Anúncios

34 COMENTÁRIOS

  1. Serão úteis como treinadores , assim como ainda são os primeiros F22 de serie !

  2. O capitalismo militar corporativo americano é uma festa de propina para a Lockheed…

    NUNCA se saberá ao certo qual será a frota de "protótipos" pagos como se avião de produção fossem e quantos F-35 realmente de produção os EUA terão…
    E isto não virá ao caso porque a viúva pentagonal paga e continuará pagando pela incompetência, a irresponsabilidade técnica e a ganância corporativa da queridinha da USAF, a Lockheed Martin…

    BEM FAZ a US Navy de manter suas opções e plano B em aberto com a Boeing…

    • Gilberto,

      comparado aos seus protegidos do PT, só tem estagiário da propina na Lockheed.

      Aliás…

      Por mais que você berre corrupção no programa do F35, se aparecer alguém com propinas que fariam os seus amigos do PT se sentirem ofendidos não pela proposta de corrupção, mas pelos baixos valores e seja provado de verdade…

      Esta pessoa irá para o xadrez por longo tempo e sem tratamento VIP, como tem recebido os seus amados do PT pela Polícia Federal.

      • Posso estar enganado mas em nenhum momento a matéria ou o Gilberto fez qualquer ligação com o Brasil ou a deprimente política daqui. Sobre a possibilidade de existir alguma espécie de corrupção nesse contrato, é plausível tendo em vista a enorme quantia de dinheiro gasta sem o aparente controle.

        • Walfrido, o texto que você juntou aqui, oriundo do blog do "Nassífilis", termina por dar razão ao Rodrigo! Basta uma simples comparação dos valores, mesmo atualizados, e dos métodos para constatar que a empresa norteamericana está longe dos padrões estabelecidos pelo consórcio PT-Odebrecht-JBS.

          • O Brasil evoluiu o sistema……..
            Ta achando que as coisa não evoluem por aqui.
            E pode ter certeza que os americanos foram os professores com muitos escandalos de corrupção mundo afora.
            Hoje o sistema nos EUA evoluiu, as grandes empresas dão gordas comissões aos representantes comerciais e eles que se entendam com o comprador, assim não sujam as mãos.

            • É muito fácil fazer o Mr Google cair na isca…

              Hoje é sexta, estou de bom humor, o mundo vai acabar amanhã então vou ser bonzinho com você e relevar o fato da pessoa ler Luis Nassif, mais um comunista lixo deste país, não merece nenhum tipo de crédito.

              Este caso da LM lá nos anos 70, foi o pé na porta para a criação de uma série de leis anti corrupção nos EUA.

              Nós estamos quase já passando dos 45 anos do acontecido…

              Mas vamos lá ao que interessa

              Você critica o Moro, por mandar vagabundo( os que você gosta) para a cadeia e com isto "quebrar" o país.

              Lá nos EUA não tem isto.

              Se for condenado vai para a cadeia do mesmo jeito e a qualquer hora, algemado e com roupa de presidiário.

              Aqui tem a figura do condenado e preso VIP.

              • Engano seu, a Máquina Troll invadiu o mundo real se fingindo de gente.

                • kkkk, é ele mesmo , o ultimo comentario ai de cima é identico a um outro postado meses atras la no ** , lamentavel !

    • Giba, como de costume você é a personificação da ignorância e desonestidade a serviço de uma causa. Quando a produção do F-35 estiver a pleno uma exemplar de produção dotado do Software 3F será bem mais barato de adquirir que foi um dos primeiros exemplares com capacidades limitadas. Isso se dá pela escala de produção e também pelo fato dos primeiros exemplares suportarem o custo do desenvolvimento da aeronave.

      Quanto à aeronaves de pré-serie e LRIP ( e não "protótipos" como você desonestamente pinta) é absolutamente comum que muitas delas jamais sejam modificadas para os esquadrões operacionais. Aconteceu em outros programa como foi o caso do F-15 (onde 7 das aeronaves de pré-série voltaram para o fabricante onde foram modificadas e integraram o primeiro lote de aeronaves entregues à Israel. E embora atualizadas não estavam no mesmo padrão dos exemplares da USAF) e do Panavia Tornado (eram tantos que foi possível formar uma unidade de treinamento trinacional sediada na Grã-Bretanha). Até mesmo no programa da jaca podre do Rafale isso aconteceu.

    • Encaminhe as provas aos promotores americanos.

      Caso contrário, fica parecendo que vc está apenas tentando justificar a turma vermelha.

    • Realmente quando o assunto é propina vc e sua turma estão anos luz na frente de qualquer outro mortal , mas o mais interessante é ler comentarios de mortadelas criticando a irresponsbilidade ,a ganância e a incompetência daqueles que são : O maior conglomerado de produtos militares de ponta , a maior e mais poderosa força aérea ,e a nação que possui 8 dos DEZ maiores centros de ensinos tecnológicos´do mundo , isso tudo nos força a concluir que suas observaçoes não passam da pura expressão de ódio e recalque , mais conhecido como sindrôme do vira -lata hipocrita e larápio ,uma vez que aquelas que vc idolatra não chegam nem aos pés deste Imperio , uma coisa é contestar a santidade americana , a outra é postar bobagens esquerdopatas e idiotas , vc tá errado , deixem eles com a propina deles pra lá , ela não impediu que a nação se tornasse o maior centro de consumo e de investimentos da galaxia ! É o fim da picada , um latrina embutido vira-lata criticando a corrupção americana ,kkkkkkkk , é um piadista !

  3. E tem gente que queria o Brasil metido neste projeto.
    Nenhum caça de 5° Geração deve ser comprado até estar com o projeto maduro, seja russo, americano ou chinês.
    E se a SAAB resolver fazer o seu no futuro, que o Brasil tenha a serenidade de não participar do desenvolvimento, depois de estar voando e operacional compra.

    • Vc não consegue mais esconder seu ranço ideológico , não fazem 6 dias que vc postou elogios a participação da India no projeto Pak-fa ,so para citar um , isso joga por terra este seu posicionamento fake !

      • Se a Índia quer participar do projeto, torço para que seja feliz.
        Mas para o Brasil eu prefiro a compra de um avião testado e aprovado.
        Qual a dúvida?

  4. Esse projeto F-35 é um poço sem fundo, praticamente toda vez que vejo uma notícia dele o assunto é "aumento nos custos de produção" ou então "problemas técnicos" que terão que ser corrigidos somando mais alguns milhões ao programa…
    Será que chineses e russos tem problemas semelhantes nos seus furtivos ou o F-35 é tão problemático assim por ser um programa com várias variantes?

    • Meu caro Klug, não se deixe emprenhar pela propaganda falsa da Sputnik. Aliás o termo "Sputnice", sinônimo de jornalismo chapa branca mentiroso, acabou por viralizar. O programa do F-35 tem problemas? Sem dúvida! Ocorre que os EUA tratam do mesmo com transparência bem diferente dos russos (cujo regime é um autocracia onde o déspota Putin comanda o país com mão de ferro junto com uma trupe de oligarcas) e chineses (ditadura comunista). O próprio projeto do caça de 5ª geração russo (T-50 agora designado Su-57) enfrenta inúmeros problemas relacionados ao radar, motores e o próprio RCS da aeronave. Ao mesmo tempo os chineses sequer conseguiram desenvolver um turbofan viável para seus caças de 5ª geração sendo totalmente dependentes dos russos.

  5. O engraçado é a defesa insistente de alguns colegas. Rsrs

    Com certeza o Lightining é o futuro da aviação de combate dos EUA, o problema está na qualidade e no custo que será esse futuro. Não há mais como voltar atrás, agora é tentar minimizar os problemas e ir tocando até que uma nova solução seja desenvolvida.

    Guardem isto, a linha do F-16 continuará ativa por muito mais tempo ainda. E a Boeing, com os seus Super Honets e Eagle, agradece a elevação dos custos de produzir e desenvolver um novo caça, que a Lockheed Martim resolveu fazer (assim, para tentar embolsar mais dinheiro do contribuinte estadunidense).

    E o pessoal sonhando com F-35 na FAB. KKKKKK

    Até mais

    • Cara, o FX-2 já acabou e a Jaca francesa perdeu! Mas venderam para à Índia (à custa de muita propina), Egito (graças à suspensão da venda de armas pelos EUA) e Qatar (motivos políticos). De toda sorte hoje, com todos os problemas que conhecemos, o F-35 já está efetivamente mais barato que a Jaca. E tudo isso sendo uma aeronave de 5ª geração BEM mais capaz que o aparelho gaulês. Não é à toa que muito provavelmente os belgas não irão cair no 171 da proposta por fora feita pelos franceses (hábito ao que tudo indica adquirido ao negociar com indianos e brasileiros).

      No mais você, tal como o tigroso Giba, faz uma leitura desonesta e oportunista da matéria. Aparelhos de pré-série que não são elevados ao padrão operacional são uma realidade na indústria faz tempo. Aconteceu com o F-15, F-16, Tornado e outros programas.

      • Não disse?!?! Rsrsrs

        Hilário é que até o finado F-X2 justificativa. Vira pág, meu amigo!!! Fica a dica.

        Depois sou eu a viúva. Kkkkkkkk

    • Ai esta mais um que vai novamente quebrar a cara vermelha , kkk, assim que tiver cadência na produção da versão 3f vc verá o presso despencar ,kkkk, no mais , prefiro a opinião dos : Turcos ,Italianos , Ingleses,Israelenses ,Coreanos ,Japonese e australianos , certamente os mais desenvolvidos tecnologicamente , e que tambem possuem os melhores centros de ensino estão com razão , somente a esquerdalha da patria educadora estão vendo cabelo no *** ovo !

  6. Será que os norte-americanos estão se sentindo menos envergonhados com a corrupção da Lockheed porque sabem que o PT teve escândalos maiores ou eles não estão nem ai para os problemas do Brasil?

    Os escândalos de corrupção do PT vão diminuir ou amenizar a corrupção Lockheed | USAF? Tem gente aqui tentando descontextualizar o assunto principal da notícia com uma coisa que não tem nada a ver.

    Não importa se o suborno foi de 10, 100 ou 1 milhão, corrupção é corrupção e quem quer esconder isso mostra que não tem compromisso com o senso de justiça e com os discursos moralistas que pregam em outros casos em que o corrupto não é da sua empatia.

    • Meu caro, Você leu as postagens anteriores? Quem inaugurou o mimimi foi o tigroso Giba, que além de simpatizante de OrCrim do ABC também é viúva da jaca francesa no FX-2. O que eu e outros comentaristas fizemos foi apenas e tão somente lembrá-lo do seu telhado de vidro e também de restabelecer a verdade dos fatos quanto à matéria.

    • Beleza, encaminhe as provas contra a LM aos promotores americanos.

      Não existem?

      Bem, no outro lado, há uma pilha de condenações.

      Triste pra vc.

    • E se houver corrupção por lá , oque isto tem a ver com a corrupção do ptralhas aqui ? A corrupção petralha gerol desempregos , tirou comida da mesa das pessoas , quebrou empresas , tudo aqui no brasil , não seje hipocrita , não misture as coisas , antes de se preocupar com os outros veja oque os seus amados fizeram aqui , a corrupção se torna mais grave quando te atinge pessoalmente , no seu caso a ação da PF e MPF acabou secando sua fonte de renda ilicita , por isto tentar colocar tudo no mesmo saco,kkkkk

  7. Acho patético inventar histórias.

    No mundo real, aquele que vcs insistem em ignorar, é necessário provar o que se fala.

  8. A matéria realmente explica a situação nos minimos detalhes , não ha nada de sputnisse nela ,deixando bem claro que outros projetos passaram pela mesma situação , f16 .f15 ,f 22 , ou seja é algo natural que as primeiras unidades produzidas não representam a plenitude do projeto , afinal não ha nada demais em utilizar estas versoes para treinamentos , desenvolver tecnivas de evasão e outras cousas , o próprio SU 57 terá entre 30 a 40 unidades produzidas com os monotores que não sao os definitivos , além é claro do software que só vai ficar pronto após 2025 , tudo dentro da normalidade de desenvolvimento , os mortadelas queremum motivo para se alegrar ,kkkk, estão stressados por causa da lava -jato !

  9. Pq estão acusando a fabricante como a responsavel pelo fracasso unicamente? Se o escopo for mal feito, não há empresa que faça algo bem feito!

    O F-35 tem muitos problemas, mas creio que a maioria se deve ao Governo dos EUA que quis ter uma Ferrari com utilidade de Dodge Ram, consumo de 1.0 e custo de carro chines! Logico que isso daria errado.

    Alem disso, o que esta acontecendo agora é que o Trump nunca foi muito fã do F-35 e não tem receio algum de não querer jogar para debaixo do tapete isso. Querer que o F-35 substitua quase 3/4 dos jatos de combate da USAF, USN e USMC foi um erro. Ele poderia ter sido um substituto do F-16/F-18 e ponto, com o F-22 substituindo o F-15 e ter outro jato que substituisse o A-10 e o AV-8. Pronto, estava resolvido. Mas alguma alma "iluminada" achou que poderia usar o F-35 para substituir todos eles.

    Pode ser resolvido? Certeza, mas será caro isso vai! Sem falar que enquanto gasta-se para resolver problemas, impede de pesquisar melhorias.
    Parafraseando com GoT, "os Russos e Chineses estão chegando!". Para quem nem no retrovisor aparecia, esses ja estão perto e daqui a pouco já irão dar seta ou sinal de luz para os EUA.

    Os caras discutindo PT com EUA e F-35 não é nem misturar alhos com bugalhos e sim com baralhos! Parem com isso.

  10. Por isso vai ter muito B-52, F-15, F-16, F-18 e A-10 voando por muitos anos a fio. Esse aviões irão para o deserto e acabaram por voltar por falta de disponibilidade suficiente dos caças de deveria substitui-los. O F-35 tem muito sugado o orçamento de tudo a sua volta e está muito aquém ainda…

Comments are closed.