Relacionamos para nossos leitores as matérias que mais “bombaram”, mês a mês.

JANEIRO

A Boeing e a Airbus estão buscando comprar fabricantes regionais porque seus próprios jatos de nível de entrada são muito grandes para serem eficientes, de acordo com a Embraer, que está em negociações com a fabricante dos EUA.

FEVEREIRO

Com o pedido de orçamento do exercício de 2019, a Força Aérea dos EUA está iniciando uma revisão de sua frota de bombardeiros, planejando estender o B-52 além de 90 anos de serviço ao retirar seus B-1 e B-2 mais jovens do que o previsto, no início da década de 2030, uma vez que receberá novas aeronaves B-21 furtivas. A Força Aérea está visando uma frota de bombardeiros de cerca de 175 aeronaves em geral, embora as autoridades do serviço dissessem que o número poderia subir com orçamentos mais generosos.

MARÇO

O ano de 2018 promete trazer bons voos para a área operacional da FAB com a entrega prevista do primeiro KC-390. A nova aeronave multimissão de transporte da Força Aérea Brasileira já está 97% desenvolvida e, neste primeiro semestre, encerra a fase de testes em voo e certificação. As duas primeiras unidades estão confirmadas para serem entregues à Ala 2, em Anápolis (GO). Ao todo, 28 aeronaves adquiridas pelo governo brasileiro irão compor a frota da aviação de transporte da FAB.

ABRIL

Quando um único F-35 uso seus sensores, computadores de bordo e sistemas de mira para encontrar, rastrear e destruir dois drones aéreos ao mesmo tempo com mísseis ar-ar, o emergente caça de 5ª geração entra em uma nova era para missões de ataques ofensivos.

MAIO

A história do F-5EM na FAB por vezes é contada de forma injusta e pejorativa. A verdade é que o “Mike” foi um ato de desespero e inteligência.

JUNHO

As origens do F-16 remontam aos anos 1960 quando a Força Aérea dos EUA planejava colocar em serviço dois novos caças.

JULHO

Foi noticiado na mídia internacional que a Rússia teria cancelado a produção em massa do seu caça furtivo de quinta geração Su-57.

AGOSTO

A Base Aérea de Anápolis, localizada a 55 km de Goiânia e a 68 km da Capital Federal, vai ser a primeira cidade a receber as mais novas aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB). Parte do processo de atualização da FAB, a base está passando por adequações e deve receber mais de 30 aeronaves supersônicas Gripen e duas unidades do cargueiro KC-390.

SETEMBRO

Construir um porta-aviões é um processo longo e trabalhoso, que custa bilhões de dólares e leva anos para ser concluído. Desde a última catalogação de todos os porta-aviões no mundo, as marinhas do mundo receberam apenas dois novos porta-aviões, mas vários outros estão se preparando para entrar em operação, estão nos estaleiros em construção ou foram anunciados.

OUTUBRO

Fabricante russo de navios apresenta seu conceito de porta-aviões catamarã. O fabricante afirmou que a parte submersa do navio é a “principal característica distintiva do projeto”.

NOVEMBRO

Um impressionante sobrevoo com duas aeronaves Airbus A380 e dois Boeing 737, junto da esquadrilha de demonstração aérea dos Emirados Árabes Unidos, chamou atenção dos moradores de Dubai esta semana. Mas até o momento nenhuma informação oficial sobre o motivo do voo foi divulgada pelas companhias aérea envolvidas.

DEZEMBRO

Um Boeing 777 da Latam, que havia decolado do Aeroporto de Guarulhos, São Paulo, e seguia para Londres, fez um pouso de emergência no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, na madrugada de quinta-feira (20/11). O piloto reportou uma pane elétrica. Aeroporto suspendeu pousos e decolagens até a retirada da aeronave.


Obrigado a você, amigo leitor do CAVOK pela companhia em 2018!

1 COMENTÁRIO