1078821980 600x325 - Rússia se compromete na reativação da frota de aeronaves da Cubana
Um Ilyushin Il-96-300 da companhia aérea Cubana de Aviación.

O Kremlin concordou em restaurar a aeronavegabilidade da frota de jatos russos e ucranianos da companhia aérea Cubana de Aviación e abrir um centro local de manutenção e reparo para apoiar a transportadora de bandeira cubana.

As partes assinaram o acordo durante uma visita oficial a Havana por Yuri Borisov, vice-premier responsável pelo complexo militar-industrial da Rússia. “Encontramos uma maneira adequada de sair da situação [difícil] de ver a frota de transportadores cubanos a ser restaurada em condições de voo”, proclamou.

Antes da assinatura, especialistas russos avaliaram a condição de cinco Ilyushin Il-96-300s, três Tupolev Tu-204 e seis Antonov An-158 fornecidos à Cubana entre 2005 e 2015. Um plano abrangente para colocá-los de volta em operação especifica, a quantia de trabalho a ser feito e as peças de reposição necessárias. Também contém uma lista de acordos técnicos e contratos destinados a colocar o processo em movimento. Moscou fornece a maior parte do financiamento sob as garantias soberanas de Cuba.

15266911545aff7552cb881 1526691154 3x2 md 600x400 - Rússia se compromete na reativação da frota de aeronaves da Cubana
Antonov An-158 da Cubana, em foto de 2013.

Um dos principais atrativos para a criação de um centro local de MRO para realizar a maior parte dos centros de trabalho é a redução de custos por meio do trabalho cubano de baixo custo. Enquanto isso, Moscou e Havana concordaram com um plano para aumentar a eficiência na infraestrutura de Cuba até 2030.

No início deste século, a Cubana instituiu uma grande renovação da frota e abriu muitas novas rotas para a Europa e a América Latina usando os jatos russos recém-fornecidos. Nos últimos cinco anos, no entanto, os encargos financeiros da operadora aumentaram, resultando em escassez de dinheiro. A Cubana enfrentou tempos difíceis como resultado das dificuldades políticas e econômicas na Rússia e na Venezuela, as duas fontes de dinheiro sobre as quais a transportadora contava para sua expansão. A companhia aérea tem lutado para cumprir as obrigações de aluguel de jatos e pagar créditos tomados anteriormente para renovar a infra-estrutura terrestre em meio à queda das receitas após o acidente de maio de 2018 com um Boeing 737-200 da Global Air, resultando em 112 mortes.

Cubana Tupolev Tu 204 100E 600x399 - Rússia se compromete na reativação da frota de aeronaves da Cubana
Tupolev Tu-204-100E da Cubana.

Desde o início do ano passado, a maioria dos jatos narrowbody e widebody das companhias cubanas aguardam os cheques C, que Moscou concordou em financiar. Separadamente, todos os seus seis jatos regionais Antonov An-158 permaneceram imobilizados devido a falhas técnicas e desentendimentos entre a empresa locadora russa IFC, a fabricante e principais vendedores na Ucrânia, como resultado da recente crise nas relações políticas entre Moscou e Kiev.


Fonte: AIN Online

Anúncios

12 COMENTÁRIOS

  1. hahha, russia, que piada.
    pararam nos anos 70.
    pais corrupto sem futuro

  2. Do louco voar em uma Via desta.
    Da para confiar , na manutenção , e dados destas companhia.
    Pergunte ao Tio Sam

    • Tupolev nos olhos dos outros é refresco. O Tu-204 tem 85 aeronaves construídas. Apenas uma dúzia em operação. Mesmo voando tão pouco, tem histórico de acidentes graves.

      • De onde tirou estes dados?
        O Tu-204 é um avião conhecido por ser seguro e só tem dois acidentes, e só um com vítimas.
        Ainda é fabricado em rítimo lento, 3 por ano.

      • São todas aeronaves boas e confiáveis.
        Só não estão no mesmo nível das atuais aeronaves da Boeing, Airbus, Embraer, Bombardier, ATR, em termos de tecnologia, conforto e economia. De fato, são anti-econômicas comercialmente, mas em um pais onde não há competição e o Estado banca, isso não deveria ser problema.

        • Concordamos em quase tudo.

          O nível de segurança não é dos melhores.

  3. Uma frota relativamente nova. Mas, acabou o dinheiro do Brasil e Venezuela, e o regime cubando não é auto-sustentável.

    • Eu jurava que lá era o paraíso na terra. Foi o que o meu professor de história disse.

Comments are closed.