Helicópteros de ataque Ka-52 serão atualizados. (Foto: Russian Helicopters – Imagem ilustrativa)

Helicópteros de ataque Ka-52 ‘Alligator’ serão atualizados com base nos resultados do seu uso em combate na Síria, disse o CEO da Russian Helicopters, Andrei Boginsky, na segunda-feira.

Eles [os requerimentos de atualização] foram formulados com base nos resultados na Síria. Já estamos trabalhando na substituição de geradores para que eles possam gerar mais energia. Os trabalhos abrangentes nos Ka-52 e Mi-28 incluem a modernização dos sistemas optoeletrônicos, que está relacionado à identificação e detecção de alvos,” disse o CEO.

A fabricante Russian Helicopters já tem um plano aprovado pelo Ministério da Defesa da Rússia para a atualização dos helicópteros Ka-52 e Mi-28, disse Boginsky.

O helicóptero de ataque/reconhecimento Ka-52 “Alligator” é projetado para destruir tanques, veículos blindados e não blindados, helicópteros e outras aeronaves inimigas na linha de frente e na profundidade tática, em quaisquer condições climáticas.


FONTE: TASS

4 COMENTÁRIOS

  1. É as vezes vejo o pessoal aqui elogiar os aparelhos russos como sendo de outro mundo e melhor do que outros que estão sendo usados em guerra, gente isso é ilusório e esta reportagem é um bom exemplo, mesmo que a ideia seja ótima não interessa se é aparelho russo, americano, chinês ou marciano, sempre que for usado em uma guerra vai ser descoberto problemas que devem ser sanados e mesmo que já tenha sido usado em alguma guerra como no caso destes aparelhos, quando for usado novamente vai ter mais atualizações a ser feita. O negócio é ver o que melhor se encaixa no perfil de trabalho e o custo benefício chega deste papo cansativo de que os aparelhos americanos ou russos são melhores , abraços a todos.