As aeronaves japonesas da Segunda Guerra Mundial vão encenar o "Tora! Tora! Tora!" durante o AirVenture 2012. (Foto: Ricardo von Puttkammer / Cavok)

A encenação aérea “Tora! Tora! Tora!” dos acontecimentos do dia 7 de dezembro de 1941 – uma dos mais deslumbrantes apresentações aéreas de warbirds que ainda voam atualmente – será parte do EAA AirVenture Oshkosh na tarde dos Warbirds mostrado pela primeira vez em 2012.

O “Tora! Tora! Tora!” é uma recriação do ataque a Pearl Harbor, encenado com os voluntários e aeronaves da Força Aérea Comemorativa (CAF), que incluem operações de terra, manutenção, pilotos e especialistas em pirotecnia. Sua finalidade é criar uma aula de história dinâmica sobre o evento que fez com que os Estados Unidos entrassem na Segunda Guerra Mundial. A recriação é geralmente desempenhada com shows aéreos em todo o país, complementado com uma narração profissional, pirotecnia, e dezenas de aviões da era da Segunda Guerra Mundial.

O espetáculo de pirotecnia com aeronaves promete ser um dos pontos altos do AirVenture 2012. (Foto: Ricardo von Puttkammer / Cavok)

A performance do “Tora! Tora! Tora!” está marcada para a sexta e sábado, 27-28 julho, no final de semana final do EAA AirVenture 2012. É parte de uma programação de uma semana dos artistas aéreos mais experientes do mundo que mostram suas habilidades.

As aeronaves da Segunda Guerra Mundial recriam o ataque a Pearl Harbor. (Foto: Ricardo von Puttkammer / Cavok)

“A apresentação “Tora! Tora! Tora!” é um evento aéreo espetacular que está vindo para Oshkosh, mas é mais do que isso”, disse Jim DiMatteo, vice-presidente de recursos e atrações do AirVenture. “O vôo incrível e a pirotecnia reforçam a história por trás dos acontecimentos de dezembro de 1941, que mudou para sempre o curso da história mundial e norte-americana.”

O show aéreo “Tora! Tora! Tora!” começou em 1972 após o lançamento do filme de mesmo nome. Ele não se destina a glorificar a guerra, mas sim ajudar aqueles que nasceram depois da Segunda Guerra Mundial a compreender melhor que a guerra não discrimina na dor que ela inflige sobre as pessoas de ambos os lados. A CAF tem trabalhado com os veteranos norte-americanos e japoneses para garantir um retrato fiel e realista dos acontecimentos em Pearl Harbor. O espetáculo recebeu alguns dos mais prestigiados prêmios concedidos a artistas de show aéreo, incluindo o Prêmio Art Scholl do Showmanship do Conselho Internacional de Shows Aéreos (ICAS).

Anúncios

2 COMENTÁRIOS

  1. Tá, verdade que nao se tem equipamento japonês assim, de maõ cheia por aí… daí a necessidade de se valer desse T-6… mas que o espetáculo tem cara se ser sensacional, tem, não dá pra deixar de concordar…

Comments are closed.