O sistema de detecção de minas COBRA instalado em um drone MQ-8B Fire Scout.

O sistema AN/DVS-1 COBRA (Coastal Battlefield Reconnaissance and Analysis) foi desenvolvido para a detecção e a localização de minas ou de outros obstáculos no meio ambiente costeiro. O COBRA MkI baseia-se em um sensor multi espectro que opera em seis bandas que vão desde UV a infravermelho. O sistema está incorporado em um drone de asa rotativa MQ-8B Fire Scout.

Um MQ-8B Fire Scout com o sistema COBRA decola do deck do LCS-3 USS Fort Worth. (Foto: U.S. Navy / Mass Communication Specialist 2nd Class Antonio P. Turretto Ramos)

O conceito do COBRA foi concebido durante a década de 1990. A Marinha dos EUA lançou o programa em 2004 e, em 2009, uma primeira versão do sistema foi considerada suficientemente madura para lançamento de uma fase de desenvolvimento e produção.

A ideia é ser capaz de conduzir a partir do ar o reconhecimento de uma área próxima à costa, especialmente para um desembarque anfíbio, sem o risco de explosão direta ao pessoal em um ambiente potencialmente minado. O COBRA é um dos componentes do módulo de guerra do navio de combate costeiro da Marinha dos EUA (LCS – Littoral Combat Ship).

Espera-se que o sistema COBRA seja implantado logo a bordo de um LCS para um período de testes operacionais.

Anúncios