Saab

Inicio Tags ágata

Tag: ágata

FAB: Jatos RA-1 realizam missão de reconhecimento aéreo na fronteira do Brasil com o Paraguai

38
A operação contou com o apoio da aeronave RA-1 AMX. (Foto: Ten. Enilton / Agência Força Aérea)
A operação contou com o apoio da aeronave RA-1 AMX. (Foto: Ten. Enilton / Agência Força Aérea)

A Força Aérea Brasileira (FAB) realizou, no último domingo (19/06), missão de Reconhecimento Aéreo com aeronaves RA-1 “AMX” em apoio à Marinha do Brasil e ao Exército Brasileiro durante a Operação Ágata 11.

Anúncios

VÍDEO E IMAGENS: Helicóptero AH-2 da FAB intercepta aeronave em Rondônia durante a Operação Ágata 7

36
Helicópteros AH-2 Sabre foram usados para interceptar uma aeronave sobre Rondônia. (Foto: Sgt. Johnson Barros / Agência Força Aérea)
Helicópteros AH-2 Sabre foram usados para interceptar uma aeronave sobre Rondônia. (Foto: Sgt. Johnson Barros / Agência Força Aérea)

Um helicóptero da Força Aérea Brasileira (FAB) interceptou, na manhã de quinta-feira (23/5), um avião de pequeno porte não identificado pelos radares a cerca de 200 km da cidade de Porto Velho, capital de Rondônia. O acionamento ocorreu por volta das 9 horas. O helicóptero de ataque AH-2 Sabre do Esquadrão Poti (2º/8º GAV) decolou em menos de 10 minutos da Base Aérea de Porto Velho (BAPV). Veja o vídeo da entrevista a seguir.

Força Aérea Brasileira emprega Bandeirante modernizado a partir de Maringá durante a Operação Ágata 5

6
A aeronave C-95BM do 5° ETA está sendo operada a partir de Maringá na Operação Ágata 5. (Foto: Sgt. Johnson Barros / Agência Força Aérea)

Sistemas de refrigeração, mecânico e hidráulico novos e uma moderna concepção de navegação e comunicação estão entre as características do C-95BM Bandeirante empregado pela Força Aérea Brasileira na quinta edição da Ágata. A aeronave de fabricação nacional voa pelo Quinto Esquadrão de Transporte Aéreo (5º ETA – Pégaso) e está operando a partir de Maringá (PR). Na operação, realiza missões de transporte de pessoal e em apoio à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

“Dentro da Ágata 5, também fazemos missões de misericórdia, para transporte de médicos e dentistas até comunidades carentes onde são realizadas ações cívico sociais. Além disso, estamos prontos evacuações aeromédicas em caso de algum acidente ou incidente com aeronaves”, explica o 1º Tenente Aviador Marcelo Augusto Xavier de Almeida.

A aeronave C-95 Bandeirante modernizada está partindo de Maringá para as missões da FAB na Operação Ágata 5. (Foto: Sgt. Johnson Barros / Agência Força Aérea)

Segundo o Tenente Almeida, o avião ainda pode cumprir missões de transporte aéreo logístico, lançamento de paraquedistas e infiltração e exfiltração aéreas. Possui velocidade de cruzeiro de 350 quilômetros por hora.

O Bandeirante passou por um processo de modernização, foi equipado com novos aviônicos e, em dezembro de 2011, já estava voando. A modernização, associada ao correto gerenciamento do programa, garantirá a operação da aeronave por mais 20 anos na FAB.

Fonte: Agência Força Aérea

Cavok nas redes sociais

61,792FãsCurtir
340Inscritos+1
6,300SeguidoresSeguir
2,505SeguidoresSeguir
10,510SeguidoresSeguir
2,390InscritosInscrever
Anúncios