Saab

Inicio Tags Air shows

Tag: air shows

Marinha dos EUA considera cancelar demonstrações de voo de 2019 com Super Hornet

0

A Marinha dos EUA está considerando cancelar todos os shows restantes em 2019 para a sua Equipe de Demonstração F/A-18 Super Hornet, conforme revelado pelo serviço na quinta-feira (27/06).

Anúncios

USAF apresenta a Capitã Zoe “SiS”Kotnik para comando do F-16 Viper Demo Team

3
A capitã da Força Aérea dos EUA, Zoe “SiS” Kotnik, comandante e piloto da Equipe de Demonstração F-16 Viper (VDT), sorri após um voo de certificação na Base Conjunta Langley-Eustis, Virgínia, no dia 29 de janeiro de 2019. Kotnik realizou mais de 30 missões práticas antes da certificação. (Foto: U.S. Air Force / Senior Airman Kathryn R.C. Reaves)

A capitã da Força Aérea dos EUA, Zoe “SiS” Kotnik, é a nova piloto do F-16 Viper Demo Team. Ela também é a primeira piloto de equipe de demonstração tática com aeronave única da Força Aérea dos EUA.

Agenda de shows aéreos 2019 e 2020 dos Thunderbirds da USAF

0
Equipe de demonstração dos Thunderbirds da USAF, sobrevoando o Cabo Canaveral, na Flórida.

A equipe de demonstração aérea da Força Aérea dos Estados Unidos (USAF), os Thunderbirds, divulgou uma temporada longa e movimentada para os próximos dois anos, e como sempre, com eventos confirmados nos Estados Unidos e no Canadá. A novidade este ano é a visita com demonstração na Colômbia, na F-Air Colombia 2019.

F-35A será demonstrado na sua capacidade máxima na temporada de shows aéreos de 2019

0
O Capitão Andrew “Dojo” Olson, piloto para o F-35 Demo Team executa uma subida com o F-35A Lightning II em Fort Worth, Texas. (Foto: U.S. Air Force / Senior Airman Alexander Cook)

A F-35 Heritage Flight Team está oficialmente em transição para ser a Equipe de Demonstração do F-35 para a temporada de shows aéreos de 2019, levando seu atual perfil de voo a novas alturas.

Equipe francesa Couteau Delta cancela apresentações em 2019

4
A equipe de demonstração Couteau Delta da Força Aérea Francesa fará a suspensão de suas atividades em shows aéreos em 2019. (Foto: Couteau Delta Tactical Display)

A equipe francesa Couteau Delta Tactical Display composta por dois Mirage 2000Ds anunciou na sua página no Facebook cancelou sua participação nos shows aéreos da temporada 2019.

Red Arrows marcará presença em shows aéreos nos EUA em 2019

1
A equipe dos Red Arrows voa em formação com um F-22 Raptor. (Foto: U.S. Air Force)

A equipe de demonstração britânica Red Arrows está pronta para realizar sua maior turnê da América do Norte quando pintarão os céus dos EUA e Canadá de vermelho, branco e azul.

Esquadrilha da Fumaça se reunirá com profissionais de aviação para a 2ª Convenção Asa Brasil

0
A Convenção para Agenda de Show Aéreo Brasileira – ASAS BRASIL, reúne pilotos e profissionais da aviação para discutir diversos assuntos voltados para realização de shows aéreos no país. Na foto acima, Francis Barros, experiente piloto de acrobacia, deixa sua contribuição na primeira edição no ano passado.

A “2ª Convenção para Agenda de Show Aéreo Brasileira” – Asa Brasil – já tem data marcada para acontecer em São Paulo, nos 11 e 12 de novembro, no Aeroclube de São Paulo. O encontro visa reunir profissionais que se envolvem, das mais diversas formas, com eventos da área de aviação para discutir e analisar a importância de se ter uma programação de shows aéreos de qualidade pelo país, como forma de facilitar a organização desse tipo de atividade.

Avião cai no mar durante apresentação na região do Farol da Barra, em Salvador [atualizado – 31/10 às 20:15 hs]

12
AlWsMXk5D0U8B_qAmCLU-ZnSaaDygWI2v17DdjzHhJT--620x425
Aeronave fazia parte da comemoração pelo Dia do Aviador e Mês da Asa. (Foto: Toda Bahia)

Um avião caiu no mar durante apresentação da “Esquadrilha Textor Show”, por volta das 15h45 deste sábado (31). O acidente aconteceu perto do Farol da Barra.

Thunderbirds divulga calendário da temporada 2012

7
Os Thunderbirds da USAF, com seus caças F-16, farão mais de 60 apresentações em 2012, incluindo duas no Canadá. (Foto: Ricardo von Puttkammer / Cavok)

Os Thunderbirds da Força Aérea dos EUA anunciaram no dia 7 de dezembro a sua programação para temporada 2012. A equipe está definida para executar mais de 60 apresentações em 33 locais, incluindo dois shows no Canadá.

A equipe, oficialmente conhecida como o Esquadrão de Demonstração Aérea da Força Aérea dos EUA (USAF), novamente fará sua apresentação de abertura da temporada realizando uma passagem em formação durante a 54ª edição das 500 milhas de Daytona, prova de abertura da NASCAR, no dia 26 de fevereiro. O restante da programação é a seguinte:

17 de março: Marine Corps Air Station Yuma, Arizona
31 de março e 01 de abril: Lakeland, na Flórida (Sun’n Fun)
14-15 abril: Davis-Monthan AFB, Arizona
21-22 abril: Barksdale AFB, Louisiana
28-29 abril: Fort Lauderdale, Flórida
05-06 maio: Shaw AFB, S.C.
12-13 maio: Joint Base McGuire-Dix-Lakehurst, New Jersey
19-20 maio: March Air Reserve Base, California
23 de maio: Colorado Springs, Colorado (passagem em formação na cerimônia de graduação da Academia da Força Aérea dos EUA)
26-27 maio: Hill AFB, Utah
2-03 junho: Rockford, Illinois
09-10 junho: Ocean City, Maryland
16-17 junho: North Kingstown, R.I.
23-24 junho: Indianapolis, Indiana
30 de junho e 01 de julho: Battle Creek, Michigan
07-08 julho: Gary, Indiana
21-22 julho: Joint Base Lewis-McChord, Washington
25 de julho: Cheyenne, Wyoming
28-29 julho: Joint Base Elmendorf-Richardson, Alaska
04-05 agosto: Hillsboro, Oregon
11-12 agosto: Abbotsford, British Columbia, Canadá
17 de agosto: Atlantic City, New Jersey
25-26 agosto: Brunswick, Maine
01-02 setembro: Davenport, Iowa
08-09 setembro: Sacramento, California
15-16 setembro: Scott AFB, Illinois
22-23 setembro: Salinas, California
29-30 setembro: McConnell AFB, Kansas
6-7 outubro: Fort Worth, Texas
13-14 outubro: Daytona Beach, Florida
20-21 outubro: El Paso, Texas
27-28 outubro: Moody AFB, Georgia
3-4 novembro: Homestead Air Reserve Base, Florida
10-11 novembro: Nellis AFB, Nevada

“Estamos muito animadoa sobre a próxima temporada para representar nossos companheiros aviadores americanos”, disse o tenente-coronel Greg Moseley, que vai comandar e liderar a equipe na temporada de apresentações de 2012. “Nós nos sentimos honrados em contar a história dos aviadores da Força Aérea dos EUA servindo nas linhas de frente pela liberdade em todo o mundo. Vamos com orgulho representar cada aviador com o mesmo orgulho, precisão e profissionalismo, em que exercem as suas funções a cada dia.”

A partir de 2012, os Thunderbirds vão comemorar seus 59 anos de existência, que remonta a 1953 quando a equipe voou na aeronaves F-84G Thunderjets. Esta temporada marcará a 30ª temporada que o esquadrão se apresenta com o caça F-16 Fighting Falcon.

A equipe de Thunderbirds é uma unidade do Comando de Combate Aéreo da USAF, composta de oito pilotos, incluindo seis pilotos de demonstração, quatro oficiais de apoio, quatro civis e mais de 100 pessoas alistadas servindo em cerca de 30 especialidades trabalhando pela força aérea.

Uma demonstração aérea Thunderbirds é uma mistura de formação de vôo e rotinas no solo. Os pilotos realizam cerca de 40 manobras numa demonstração. O show inteiro, incluindo a cerimônia de início no solo, dura cerca de uma hora. A temporada de show aéreo ocorre normalmente de março a novembro, com os meses de inverno usados principalmente para treinar novos membros da equipe.

EVENTO: Base Aérea de São Paulo comemora 70 anos com portões abertos

1
Essa é a primeira vez que a Base Aérea de São Paulo realiza um evento do tipo Portões Abertos para o público em geral.

A BASP (Base Aérea de São Paulo) terá seu primeiro Portões Abertos no próximo sábado, dia 17 de setembro, das 9h às 16h, para comemorar os 70 anos de existência da unidade. A Base localizada ao lado da pista do Aeroporto Internacional de São Paulo, Guarulhos, permite também que os visitantes possam ver o pouso e decolagens de aeronaves comerciais, uma boa oportunidade para quem gosta de fotografar.

 

A entrada é gratuita, mas a FAB pede que os visitantes levem um quilo de alimento não perecível. As arrecadações serão repassadas a entidades carentes.

Dentre as atrações previstas estão:

– Exposição de aviões
– Palestras
– Gincanas
– Aeromodelismo
– Balonismo
– Atividades médicas e odontológicas
– Desfile de viaturas antigas
– Demonstração do Canil
– Recreação

A Base Aérea fica na avenida Monteiro Lobato, 6.365, junto ao aeroporto internacional de São Paulo, em Guarulhos. Para chegar no local existem duas opções:

– Pedestres: Portão 1 – Av. Monteiro Lobato, 6365 – Cumbica
– Veículos: Portão 3 – Rod. Hélio Smidt, s/n Ref: Hotel Caesar Park

VÍDEOS E IMAGENS: Começa a celebração dos Centenário da Aviação Naval dos EUA

9
Vista geral do evento que iniciou as celebrações do Centenário da Aviação Naval dos EUA, realizado na Estação Naval de North Island, California. (Foto: U.S. Navy)

A U.S. Navy iniciou nesse final de semana, nos dias 12 e 13 de fevereiro, o período de um ano onde a nação norte americana celebrará  e comemorará o centenário da Aviação Naval dos EUA. A Estação Naval de North Island, em San Diego, na California, foi o local escolhido para o início das celebrações. Vejam a seguir mais imagens e dois vídeos do evento desse final de semana.

Apelidado de “Berço da Aviação Naval”, North Island foi onde o primeiro hidroplano decolou com sucesso em 1911 e onde a Marinha dos EUA começou a treinar seus primeiros pilotos.

O Esquadrão de Demonstração Aérea da U.S. Navy, os Blue Angels, durante sobrevoo na Baía de San Diego. (Foto: Mass Communication Specialist 2nd Class Roland A. Franklin / U.S. Navy)

Durante o final semana, o Esquadrão de Demonstração Aérea da U.S. Navy, os Blue Angels, lideraram o “Desfile em Voo” que incluiu aeronaves desde a Segunda Guerra Mundial até os caças, aeronaves de ataque e de transporte dos dias atuais.

Três eventos importantes para história da U.S. Navy também foram realizados nessas duas últimas semanas: o primeiro pouso num porta-aviões da aeronave E-2D Advanced Hawkeye, o primeiro voo do X-47B UCAV, e o primeiro voo de um piloto de testes da Marinha dos EUA a bordo do F-35C.

No dia 3 de fevereiro, o primeiro Northrop Grumman E-2D Advanced Hawkeye AEW com sucesso pousou no convés de voo do porta-aviões USS Harry S. Truman. O mais novo Hawkeye representa uma grande mudança de como a Marinha dos EUA conduzirá o controle e comando do gerenciamento de batalha no futuro.

Ainda no mesmo dia, em Patuxent River, o piloto de testes da U.S. Navy, Tenente Coronel Eric “Magic” Buus, voou pela primeira vez com a versão embarcada do JSF, o Lockheed Martin F-35C Lightning II, que será o mais moderno caça e o primeiro com capacidade stealth a operar a bordo dos porta-aviões da Marinha norte americana.

O Sistema de Combate Aéreo Não-Tripulado X-47B exposto em North Island, durante as celebrações do Centenário da Aviação Naval dos EUA. (Foto: Northrop Grumman)

E no dia 4 de fevereiro, a U.S. Navy e a Northrop Grumman conduziram o primeiro voo do Sistema Aérea de Combate Não-Tripulado de Demonstração (UCAV-D) X-47B, a partir da Base Aérea de Edwards, California. O X-47B será a primeira aeronave não tripulada do tamanho de um caça a decolar e pousar de porta-aviões.

As festividades do Centenário da Aviação Naval dos EUA incluiram uma exposição estática na Estação Naval de North Island e um desfile sobre a Baía de San Diego, onde cerca de 190 aeronaves contaram a história da aviação naval. Juntamente com os Blue Angels liderando o desfile, cerca de 30 aeronaves históricas voaram juntas.

Dentre as aeronaves na exposição estáticas, estavam os modelos não tripulados X-47B UCAS-D, RQ-4A Broad Area Maritime Surveillance Demonstrator (BAMS-D), e MQ-8B Fire Scout, bem como as aeronaves tripuladas E-2C Hawkeye, C-40 Clipper, E-6B Mercury, E-3B Viking, LC-130 Hercules, C-2A Greyhound, F-5E Tiger II, F-16N Falcon, P-3C Orion, F/A-18F Super Hornet, F/A-18C Hornet, EA-18G Growler, EA-6B Prowler, T-38 Talon, TBM Avenger e o HU-16 Albatross.

Em julho, vocês acompanharão aqui no Cavok a cobertura completa do AirVenture 2011, que nesse ano celebrará o Centenário da Aviação Naval dos EUA com centenas de aeronaves presentes em Oshkosh, Wisconsin.

Nota do Editor: Ainda acho que deviam ter colocado um caça F-14 Tomcat novamente em voo para essa celebração. O caça que fez sucesso no filme Top Gun, fez falta no evento.

Al Ain Airshow terá três esquadrilhas de demonstração aérea

3
Um dos destaques do Al Ain Aerobatic Show deste ano é a esquadrilha de demonstração Baltic Bees Jet Team da Letônia, que voam com jatos tchecos L-39C Albatross.

O Al Ain Aerobatic Show que será aberto amanhã e segue até o dia 5 de fevereiro em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, apresentará três equipes de acrobacia aérea – a equipe com jatos civis Baltic Bees (L-39C Albatross) e as equipes militares Turkish Stars (Northrop F-5) e Saudi Hawks (BAe Hawks). Os recém anunciados Al Fursan (Os Cavaleiros) da Força Aérea dos Emirados Árabes Unidos, que voam com jatos Aermacchi MB339, não se apresentarã no show aéreo, mostrando que a equipe ainda não está totalmente preparada.

Resultado Cavok Foto Quiz 07 – Dassault-Breguet/Dornier Alpha Jet

39
O jato de treinamento Dassault-Breguet/Dornier Alpha Jet, de uso civil, matrícula N120AU, durante pouso no AirVenture 2010, em Oshkosh. (Foto: Fernando Valduga / Cavok)

Falei que seria mais fácil e muitas pessoas acertaram em cheio o modelo e até mesmo o prefixo da aeronave. O modelo da foto, o Dassault-Breguet/Dornier Alpha Jet, prefixo N120AU, é uma aeronave particular e que é utilizada em shows aéreos pelos EUA. Anteriormente era operado pela Luftwaffe (matrícula 41+20) sendo trazido para os EUA em 2005. O jato, desenvolvido entre a França e a Alemanha, foi amplamente utilizado para treinamento de pilotos de caça em diversos países europeus como Alemanha, Bélgica, França e Portugal, e ainda está em operação em vários países africanos. Na França, uma de suas versões é utilizada na famosa esquadrilha da Força Aérea Francesa, a Patrouille de France.

EDA marca presença nos principais Portões Abertos da FAB

0
A Esquadrilha da Fumaça fará apresentações no Nordeste no final do mês de outubro, durante o circuito nordeste 2010. (Foto: SO Waldemar Prieto Jr. / EDA)

O Esquadrão de Demonstração Aérea (EDA) aproveita as comemorações referentes ao Dia do Aviador e Semana da Asa, quando grande parte das Unidades da Força Aérea Brasileira (FAB) promove os seus tradicionais Portões Abertos, para planejar diversos “Circuitos”.

Os chamados “Circuitos” são viagens que contemplam demonstrações em locais mais distantes da sede da Esquadrilha da Fumaça. Para realizá-los, o EDA conta com uma aeronave de apoio para transporte de pessoal, de equipamentos de manutenção e de material de divulgação.

Durante os circuitos que a Esquadrilha da Fumaça fará no final de 2010, ela será apoiada por uma aeronave C-105 Amazonas. (Foto: Esquadrilha da Fumaça)

Confira abaixo os períodos dos Circuitos e as localidades atendidas:

09 a 13 de outubro – Circuito Sul

  • 09 de outubro – Portões Abertos da Base Aérea de Florianópolis (BAFL)
  • 10 de outubro – Portões Abertos da Base Aérea de Santa Maria (BASM)
  • 12 de outubro – Portões Abertos da Base Aérea de Canoas (BACO)

29 de outubro a 02 de novembro – Circuito Nordeste

  • 30 de outubro – Aniversário da Base Aérea de Salvador (BASV)
  • 31 de outubro – Evento Cívico-Militar em Recife/PE
  • 1 de novembro – Encontro de Aviação em Caruaru/PE

11 a 30 de novembro – Circuito Nordeste, Peru e Suriname

  • 12 de novembro – Evento Cívico em Campina Grande/PB
  • 13 de novembro – Portões Abertos da Base Aérea de Natal (BANT)
  • 14 de novembro – Portões Abertos da Base Aérea de Fortaleza (BAFZ)
  • 15 de novembro – Evento Cívico-Militar em São Luiz/MA
  • 21 de novembro – Festival Aerodesportivo em Lima, Peru
  • 25 de novembro – Dia da Independência em Paramaribo, Suriname
  • 28 de novembro – Evento Cívico- Militar em Manaus/AM

Além disso, o EDA solta fumaça em outras Unidades da FAB que não serão atendidas pelos Circuitos, mas que são mais próximas da sua sede. Assim, oito aeronaves T-27 Tucano se deslocam no final de semana para cumprir a missão e retornam à Pirassununga/SP.

Confira:

  • 26 de setembro – Portões Abertos do Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica (CIAAR)
  • 02 de outubro – Sábado Aéreo da Base Aérea de Brasília (BABR)
  • 03 de outubro – Portões Abertos da Base Aérea de Campo Grande (BACG)
  • 16 de outubro – Portões Abertos do Parque de Material Aeronáutico de Lagoa Santa (PAMA-
  • LS)
  • 23 de outubro – Portões Abertos da Escola de Especialistas da Aeronáutica (EEAR)
  • 24 de outubro – Domingo Aéreo do Parque de Material Aeronáutico de São Paulo (PAMA-SP)
  • 06 de novembro – Portões Abertos do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial
  • (DCTA)

Acompanhe a agenda do EDA, que ainda contempla outras localidades em
www.esquadrilhadafumaca.com.br ou www.eda.aer.mil.br.

Fonte: EDA

Nota do Editor: O site Cavok Brasil estará acompanhando a missão da Esquadrilha da Fumaça nos dias 10 e 12 de outubro, nas apresentações realizadas nas bases aérea de Santa Maria (BASM) e Canoas (BACO), respectivamente.

Piloto do Hawk de demonstração da RAF é suspenso após “manobras agressivas”

3
A aeronave BAE Hawk T1, utilizado nas apresentações solo, durante shows aéreos no Reino Unido, teve seu piloto oficial suspenso e a RAF precisou arranjar outro piloto para tarefa. (Foto: Fast-Air-co.uk)

Um piloto da RAF (Royal Air Force) foi suspenso das apresentações aéreas por aparentemente colocar uma pequena carga extra no seu trabalho. O Tenente Tom Saunder está agora realizando trabalhos burocráticos após alguém dar uma olhada no flight data recorder de seu jato BAE Hawk voado durante as apresentações aéreas e determinar que ele estava voando de forma muito agressiva. Devido ao incidente, a Royal Air Force mudou o piloto do Hawk T1 Solo Display para o resto da temporada 2010.

Num comunicado oficial emitido pela RAF é informado que: “É com considerável pesar que o Tenente Tom Saunders foi afastado de sua tarefa como piloto do Hawk Solo Display durante a temporada 2010. Isso vem após um incidente no qual ocorreu recentemente envolvendo a aeronave Hawk utilizada nas apresentações.”

O Hawk utilizado na apresentação, baseado na RAF Valley, em Anglesey, tem se tornado uma apresentação popular especialmente nas apresentações que ocorrem entre os meses de agosto e setembro. Apesar da RAF dizer que “não é possível encontrar outro piloto para a função a tempo pois seria necessário meses de treinamento para chegar num nível de alto desempenho”, no dia 19 de agosto da RAF confirmou que o piloto, Tenente Scott Griffith, estava confirmado para as apresentações restantes de 2010.

De acordo com o diário londrino Daily Telegraph, a RAF estava aparentemente preocupada que Saunders poderia “apagar” durante sua rotina de manobras devido a alta carga de força “G” registrada. “Ele foi um pouco desobediente que fez coisas que não devia fazer, puxando muita carga G sem avisar ninguém no solo sobre isso,” disse uma fonte da RAF ao jornal. “O que ele estava fazendo não é particularmente seguro e por não informar as pessoas sobre isso não foi uma coisa boa de se fazer.” A aeronave é certificada para +8 e -4Gs e não foi informado quais parâmetros ele alegadamente excedeu.

Duas chances para voar com os Thunderbirds

0
O Esquadrão de Demonstração Aérea da USAF, os Thunderbirds, estão oferecendo duas chances para civis voarem. (Foto: Fernando Valduga / Cavok)

Os Thunderbirds, da U.S. Air Force (Força Aérea dos Estados Unidos), estão oferecendo voos para indivíduos especiais através de seu programa “Herói Local” (Hometown Hero) e o tempo está correndo para quem quer ter a chance de voar com a equipe na Base Aérea de McConnell, no Kansas, ou em Salinas, na California, no mês de setembro.

O escolhido para voar como passageiro em McConnell será escolhido através de indicações que serão aceitas até a meia-noite de domingo, dia 11 de julho, para um voo que será realizado durante a semana de 20 a 24 de setembro. O California International Airshow realizado em Salinas estará marcando seu 30° aniversário nos dias 2 e 3 de outubro quando outro herói local poderá sentar num caça F-16 e efetuar um voo com o esquadrão mais famoso dos EUA. As indicações para este voo devem ser enviadas até o dia 16 de julho. As indicações podem ser de qualquer pessoa que deu o melhor para sua comunidade, mas essas pessoas deverão preencher um questionário confidencial que incluirá algumas perguntas médicas. Como seria lógico, existem algumas regras específicas e exigências.

Os Thunderbirds não levarão ninguém abaixo de 46 quilos ou acima de 111 quilos e renúncias serão exigidas se o indicado estiver dentro de cerca de 10 quilos acima dos limites do espectro. Existem outras restrições. Verifique os seguintes links para maiores detalhes. Para ver se você se encaixa nas exigências e se tem esperança de voar em McConnell, clique aqui — você encontrará um link com a ficha de inscrição nesse local. Para as regras e restrições em Salinas, clique aqui e indique seu herói local online, aqui. Para saber a agenda dos Thunderbirds em 2010, clique aqui.

Nota do Editor: A Esquadrilha da Fumaça no Brasil poderia criar o mesmo tipo de “promoção”. Ajuda a promover o esquadrão e ao mesmo tempo promove a solidariedade entre as pessoas.

IMAGEM DA SEMANA: Raptor e Mustang sobre Oshkosh

0
Um caça F-22A Raptor voa em formação com um P-51D Mustang durante o AirVenture 2008. (Foto: Fernando Valduga / Cavok)

Durante a edição 2008 do AirVenture em Oshkosh, a Força Aérea dos Estados Unidos (USAF) levou para o evento dois caças Lockheed F-22A- Raptor da Base Aérea Langley. Uma dessas aeronave efetuou demonstrações diárias sobre o Wittman Regional Airport, local onde a Convenção da EAA é realizada todos anos. Mas o ponto alto da apresentação sempre era a passagem em formação com um caça P-51D Mustang da Segunda Guerra Mundial. Interessante notar o tamanho das duas aeronaves que marcaram épocas na força aérea norte americana.

Esse tipo de voo em formação é conhecido nos Estados Unidos como Heritage Flight. O programa de Heritage Flights da USAF foi estabelecido em 1997 para comemorar o aniversário de 50 anos da Força Aérea dos EUA. Durante as demonstrações, os caças mais recentes do inventário norte americano voam em formação fechada com caças da Segunda Guerra Mundial, da Guerra da Coreia e do Vietnã, tais como o P-51 Mustang (da foto acima) e o F-86 Sabre. A missão do voo de apresentação é para mostrar a segurança e o orgulho da evolução do poder aéreo norte americano e apoiar o recrutamento de novos cadetes para a força aérea.

Todos pilotos que voam em formação com as aeronaves da USAF fazem parte de uma seleção feita pelo Air Combat Command e possuem autorização da USAF para tais voos em formação.

O caça F-22 Raptor, pertencente ao Esquadrão de Demonstração Raptor Demo Team, fica na Base Aérea de Langley, Virginia, e opera com duas unidades do caça stealth de quinta-geração da USAF. A bordo da aeronave o Major David “Zeze” Skalicky. O esquadrão está subordinado ao Air Combat Command (ACC) da USAF. O Air Combat Command também possui sob sua coordenação outros cinco esquadrões desse tipo, com as aeronaves de combate A-10 Thunderbolt, F-16, F-15E.

A aeronave North American P-51D Mustang “Excalibur”, N151W (s/n 45-11540), pertence a Jim Reed, de Chesterton, Indiana, e é uma das aeronaves autorizadas pela Força Aérea dos EUA a efetuar este tipo de apresentação. A North American Aviation no período de 1941-1945 produziu 15.486 aviões de caça P51 Mustang, e 60 anos depois, apenas cerca de 300 aeronaves sobreviveram. O “Excalibur” é uma delas.

Este ano está previsto novamente a vinda dos caças F-22 Raptor para o AirVenture, que será realizado entre os dias 26 de julho e 1º de agosto, na cidade de Oshkosh, Wisconsin.Os Raptor estiveram presentes ao evento nos anos 2006, 2007 e 2008.

O site Cavok estará presente ao evento e trará as informações diariamente com imagens e relatos de tudo que acontecerá no maior show aéreo do planeta.

O Portal Cavok viajará para Oshkosh com a agência Candiota Turismo, especializada nas viagens para o AirVenture. Se quiser saber mais sobre o evento, clique no link abaixo.

Embraer participa do Singapure Airshow 2010

0
Embraer Legacy 600

A Embraer participará do Singapore Airshow 2010, que será realizado no Centro de Exposições Changi, de 2 a 7 de fevereiro, em Singapura. Presente há dez anos na Ásia Pacífico, a Embraer ocupará o chalé CD51 e promoverá toda a linha de produtos para os segmentos de aviação comercial, executiva e de defesa. Os jatos executivos Legacy 600 e Phenom 100 estarão na exposição estática, bem como os modelos em tamanho real do Legacy 500 – pela primeira vez na Ásia – e do Phenom 300.

Embraer Phenom 100

A Embraer realizará uma coletiva de imprensa direcionada ao mercado de aviação executiva na segunda-feira, dia 1º de fevereiro, às 14 horas, na Sala de Conferências 4.

A presença da Empresa na Ásia Pacífico cresceu de forma constante desde que o Bandeirante – o primeiro avião comercial da Embraer – começou a voar na região em 1978. Hoje, mais de 45 E-Jets – família de jatos com capacidade de 70 a 122 assentos – estão em operação, com uma decolagem a cada quatro minutos. Em 2009, estas aeronaves transportaram cerca de 5 milhões de passageiros para 105 destinos e registraram mais de 100 mil horas de vôo na região, que continua sendo um mercado muito importante para a Embraer. Além da venda de aeronaves
comerciais, executivas e de defesa, a Empresa nomeou centros de serviços autorizados para oferecer manutenção, reparo e revisão geral (Maintenance, Repair and Overhaul – MRO).

A sede da Embraer na Ásia Pacífico comemora dez anos em Singapura. Entretanto, as aeronaves da Empresa operam na região há mais de 30 anos, desde a introdução do Em 2007, a Embraer estabeleceu um centro de treinamento de primeira linha e um centro regional de distribuição de peças em Singapura. A Empresa conta também com representantes para apoio às operações em campo e escritórios locais em toda a região, totalizando um

Dentre os clientes da Embraer na Ásia Pacífico, podemos citar a Air North, Skippers Aviation, Network Aviation, Regional Pacific Airlines, Aerolink e Virgin Blue (a maior operadora de E-Jets da Embraer na região), na Austrália; Air Rarotonga, nas Ilhas Cook; Southwest Air, em Papua-Nova Guiné; Premiair, na Indonésia; Mandarin Airlines, em
Taiwan; Paramount Airways, na Índia; JAL e Fuji Dream Airlines, no Japão; e Royal Thai Navy e Royal Thai Army (Marinha e Exército tailandeses).

Fonte: Embraer

Os bombardeiros B-17 ‘Flying Fortress’ comemorarão 75 anos de história com uma grande celebração durante o AirVenture 2010, em Oshkosh

0
A Fortaleza Voadora B-17 "Aluminum Overcast" da EAA, com um B-24 Liberator passando sobre ela, durante a apresentação Warbirds Extravaganza, no AirVenture 2006. (Foto: Fernando Valduga / Cavok)

A data exata dos 75 anos do primeiro voo do Boeing B-17 “Flying Fortress”, Fortaleza Voadora, terá uma celebração especial, durante o AirVenture 2010, no dia 28 de julho de 2010. O bombardeiro B-17 talvez seja o mais famoso e reconhecido bombardeiro da Segunda Guerra Mundial, e será uma das aeronaves centro das atenções durante o EAA AirVenture Oshkosh 2010, “The World’s Greatest Aviation Celebration,” que acontecerá entre os dias 26 de julho e 1º de agosto no Aeroporto Regional de Wittman, em Oshkosh, Wisconsin.

O Boeing Model 299 (XB-17) que originou o Boeing B-17, durante o primeiro voo de testes em 1935. (Foto: Boeing)

Apenas cerca de quinze memoráveis aeronaves B-17 permanecem em condições de voo pelo mundo, incluindo a renomada “Aluminum Overcast” da EAA, a qual leva a história da aviação direto para o público em diversos locais durante a temporada anual de shows aéreos. Potencialmente, pelo menos quatro aeronaves B-17 poderão se apresentar em Oshkosh durante a celebração dos 75 anos, no dia exato da celebração do primeiro voo do B-17 que ocorreu no dia 28 de julho de 1935.

“Nós estamos fazendo uma grande divulgação para todos proprietários de B-17 para unirem-se ao AirVenture este ano para uma celebração sem precedentes de 75 anos de história do bombardeiro,” disse Tom Poberezny, presidente da EAA e do AirVenture. “Os bombardeiros B-17 são bem conhecidos do público pelos seus serviços militares, bem como através de produções para o cinema e televisão nos últimos 70 anos. Nada se compara a ver e ouvir essas magníficas aeronaves pessoalmente, especialmente quando um número significativo podem estar presentes em um só local. E o lugar natural para essa celebração é o AirVenture, onde esse ano nós também estamos organizando um programa especial para saudar os veteranos de guerra”.

Uma programação especial de sobrevoos e também no solo, ao lados dos bombardeiros, está sendo preparada para a comemoração de 75 anos dos aviões B-17, juntamente com o programa especial no final da tarde da quarta-feira, dia 28 de julho, o dia que será celebrado os 75 anos do primeiro voo de testes do B-17. Além disso, os B-17 participarão dos shows aéreos dos Warbirds durante vários dias durante o AirVenture 2010.

De acordo com historiadores da Boeing Aircraft, o B-17 foi concebido de seu protótipo Model 299 até o primeiro voo de testes em apenas 12 meses. O B-17 foi um monoplano de asa baixa que combinava recursos aerodinâmicos do bombardeiro XB-15 e do avião de transporte Model 247. O B-17 foi a primeira aeronave militar da Boeing equipada com uma cabine de comando fechada ao invés de uma cabine aberta, e foi armada com bombas e cinco metralhadoras de calibre .30 montadas em casulos envidraçados.

Os primeiros B-17 foram vistos em combate em 1941, quando a Força Aérea Real Britânica recebeu vários B-17 para missões de bombardeiros de alta altitude. O B-17E, o primeiro modelo de produção em massa das Fortalezas Voadoras, carregava nove metralhadoras e 4.000 libras de bombas. Ele era muito mais pesado que o protótipo e carregava uma carga maior de armamentos. Ele também foi o primeiro avião da Boeing com uma distintiva cauda para melhorar o controle de voo e estabilidade durante os bombardeiros de altas altitudes. Cada versão nova podia transportar mais armamentos.

Boeing B-17 "Yankee Lady", durante o AirVenture 2007. (Foto: Fernando Valduga / Cavok)

As fábricas da Boeing construíram um total de 6.981 bombardeiros B-17 é vários modelos, e outros 5.745 foram construídos numa colaboração nacional pela Douglas e Lockheed (Vega). A maioria dos B-17 foram desmachados no final da Segunda Guerra Mundial. Alguns últimos bombardeiros Flying Fortress foram transformados em alvos aéreos nos anos sessenta – destruídos depois por mísseis militares feitos pela Boeing. O B-17 da EAA “Aluminum Overcast”, felizmente foi salvo da desmontagem quando foi adquirido como sobra de guerra por US$ 750 na metade da década de quarenta.

Fonte: EAA AirVenture – Tradução: Cavok

O Super Constellation da Breitling ficará no solo para manutenção durante a temporada de shows aéreos de 2010

0
O Super Constellation em voo de formação com quatro aeronaves Hunter.

O operador do Lockheed L-1049 Super Constellation (HB-RSC) baseado na Suíça, patrocinado pela Breitling, a ‘Super Constellation Flyers Association’ (SCFA), terá que deixar de voar com a aeronave histórica durante a temporada 2010 de shows aéreos devido a reparos necessários e manutenção.

Lockheed Super Constellation, patrocinado pela empresa suíça Breitling

Diversos pontos de corrosão foram encontrados nas asas durante a inspeção anual realizada em dezembro, necessitando a troca de peças internas do bordo de ataque das asas. A SCFA informa que “a corrosão progrediu mais na asa direita do que no lado esquerdo – considerando que a aeronave tem 55 anos de história, a corrosão não é surpresa ou algo extraordinário. esse tipo de problema é natural considerando a idade da aeronave.”

Os reparos custarão cerca de US$ 490 mil e precisará cerca de 5.000 horas de trabalho nos próximos seis meses, o que não tornará viável as apresentações aéreas com a aeronave, pelo menos num curto período de tempo, informa a SFCA, a qual tem a intençao de  retomar os voos em 2011.

Para maiores informações, visite o site oficial do Breitling Super Constellation.

Fonte: Air Pictorial – Tradução e Adaptação do texto: Cavok

Cavok nas redes sociais

62,290FãsCurtir
340Inscritos+1
6,370SeguidoresSeguir
2,505SeguidoresSeguir
10,510SeguidoresSeguir
2,560InscritosInscrever
Anúncios