Tags Post com a tag "BAFL"

Tag: BAFL

ASPIRANTEX 2019: FAB apoia exercício da Marinha do Brasil

1
Base Aérea de Florianópolis apoia exercício da Marinha do Brasil.

A Base Aérea de Florianópolis (BAFL) apoiou a Operação Aspirantex 2019, da Marinha do Brasil, que ocorreu no período de 11 a 30 de janeiro, na área marítima compreendida entre Rio de Janeiro (RJ) e Montevidéu, no Uruguai. Cerca de 40 militares e duas aeronaves AF-1 do Primeiro Esquadrão de Aviões de Interceptação e Ataque (VF-1) estiveram alocados na BAFL.

Esquadrão Gordo da FAB realiza treinamento em Florianópolis

1
A aeronave C-130 Hercules do Esquadrão Gordo na Base Aérea de Florianópolis. (Foto: Juliano Damásio / AirFln)

Um avião C-130 Hércules do Primeiro Esquadrão do Primeiro Grupo de Transporte (1º/1º GT) realizou um treinamento em Santa Catarina entre os dias 03 e 05 de dezembro. A Operação MANESAR II acontece anualmente a partir da Base Aérea de Florianópolis (BAFL) visando à formação e manutenção operacional dos militares do Esquadrão Gordo, sediado no Rio de Janeiro, em missões de Busca e Resgate na aeronave C-130 Hércules.

O treinamento consiste na busca de pontos em mar e terra e no lançamento de kits de sobrevivência, com utilização de sinalizadores de fumaça. Os pilotos e observadores especializados em busca e resgate são fundamentais em operações envolvendo acidentes.

Foram esses militares que trabalharam nas missões que encontraram partes da fuselagem do voo AF 447 e também atuaram no acidente do voo Gol 1907.

Fonte: Seção de Comunicação Social da Base Aérea de Florianópolis, via AirFln

Agradecemos as contribuições até o momento. Graças à colaboração de algumas pessoas estamos conseguindo manter o site no ar, pois o valor necessário para manter o Cavok no ar é alto. Continuamos pedindo a ajuda de todos com as contribuições, que podem ser de qualquer valor. Se cada um ajudar um pouco, poderemos assim manter esse local como o melhor site de aviação do Brasil. Continuamos também lutando para conseguir um patrocínio, que ajudaria bastante nas despesas mensais do site. Para contribuir, utilize as formas de pagamento online abaixo ou nos botões localizados na barra lateral. Quem quiser também poderá doar através de depósito na conta corrente: Banco do Brasil – Agência: 0181-3 – C/C: 12.742-6 – Favorecido: Fernando Valduga. Desde já meu muito obrigado!




Enhanced by Zemanta

SHOW AÉREO: Portões Abertos na Base Aérea de Florianópolis – Santa Catarina/Brasil

0
Os Portões Abertos da Base Aérea de Florianópolis contou em 2012 com a apresentação da Esquadrilha da Fumaça. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)

No último dia 14, a Base Aérea de Florianópolis (BAFL) promoveu o tradicional “Portões Abertos“ e cerca de 35 mil pessoas compareceram no evento, que é aberto à comunidade e faz parte das comemorações alusivas à Semana da Asa. Realizada desde os anos 40, a Semana da Asa relembra o primeiro voo de Santos Dumont, realizado no dia 23 de outubro de 1906. Confira a seguir algumas fotos desse grande evento, que ocorreu na casa do Esquadrão Phoenix da Força Aérea Brasileira, que completou 30 anos este ano.

O principal hangar da Base Aérea de Florianópolis. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)
A aeronave C-130H do Esquadrão Cascavel ocupou o pátio da base. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)
Vista do pátio de aeronaves com um P-95B sobrevoando a base. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)
Aeronaves particulares e de escolas de treinamento também compareceram ao evento na base. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)
Vista geral do pátio da Base Aérea de Florianópolis com uma aeronave P-95B Bandeirulha em primeiro plano. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)
O evento em Florianópolis também contou com demonstração de paraquedismo. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)

A base aérea de Florianópolis expôs aos visitantes vários modelos de aeronaves como: Embraer P-95B Bandeirulha, Cessna C-98 Caravan, Embraer A-1, F-5 Tiger, T-27 Tucano, C-130 Hercules, Cessna C-95BM Bandeirante e helicópteros da Força Aérea e da Marinha Brasileira.

Uma aeronave AMX A-1B do Esquadrão Poker, da Base Aérea de Santa Maria. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)
A aeronave F-5EM do Esquadrão Pampa, da Base Aérea de Canoas. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)
Aeronave de patrulha marítima P-3AM Orion do Esquadrão Orungam, da Base Aérea de Salvador. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)
Helicóptero H-34 Super Puma do Esquadrão Puma. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)
Aeronave de transporte C-97 Brasilia do 5° ETA sediado em Canoas. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)
Aeronave de transporte C-95BM Bandeirante do 5° ETA. (Foto: Lucas Tavares / Cavok)

Entre as atrações programadas e muito aguardadas estava a presença do Esquadrão do Esquadrão de Demonstração Aérea da Força Aérea Brasileira, popularmente conhecido como “Esquadrilha da Fumaça“. O evento também contou com a passagem baixa de aeronaves durante o dia, paraquedismo, apresentação da banda de música da Base Aérea de Florianópolis, entre outras atrações. Além disso, o evento contou com praça de alimentação, área de recreação para as crianças, entre outras atividades.

As sete aeronaves T-27 Tucano do Esquadrão de Demonstração Aérea como sempre encantaram o público com as manobras arrojadas. (Fotos: Lucas Tavares / Cavok)

Com a marca de 60 mil horas voadas, o Esquadrão Phoenix (2º/7º GAv), sediado na Base Aérea de Florianópolis (BAFL), completou 30 anos de existência. O Esquadrão é uma das quatro unidades aéreas da Aviação de Patrulha da Força Aérea Brasileira (FAB), e foi ativado oficialmente no dia 15 de fevereiro de 1982. As aeronaves Embraer P-95B Bandeirulha do Esquadrão Phoenix, equipadas com um moderno radar de busca de superfície, trabalham em cooperação operacional com a Marinha do Brasil, ajudando na localização de pessoas, aeronaves e embarcações em emergência no mar e fazendo a vigilância do Atlântico Sul contra embarcações que estejam poluindo ou pescando ilegalmente.

Agradecemos o apoio do amigo Lucas Tavares no relato do show aéreo e por ceder o uso das imagens ao Cavok Brasil.

Enhanced by Zemanta

Esquadrão Gordo realiza exercício operacional em Florianópolis

0
O Lockheed C-130H Hercules (L-382) “FAB2472” do Esquadrão Gordo taxia na pista em Florianópolis. (Foto: Juliano Damásio / Cavok)

A Base Aérea de Florianópolis (BAFL) foi sede, entre os dias 9 e 13 de setembro, do exercício operacional do Primeiro Esquadrão do Primeiro Grupo de Transporte (1º/1º GT). Duas aeronaves C-130 Hércules participaram do exercício MANESAR, que tem por objetivo a formação de novos pilotos e observadores na missão de busca e salvamento, além de realizar a manutenção operacional dos tripulantes.

O exercício é focado no treinamento de busca e salvamento no mar. (Fotos: 1° GTT)

Nos cinco dias de exercício, os militares treinaram padrões de busca no mar e na terra, bem como o lançamento de bote e fardo. O treinamento visou ao aprimoramento dos métodos de busca e resgate da Força Aérea Brasileira (FAB), utilizados em momentos de desastres naturais ou acidentes aéreos.

Fonte: BAFL

Enhanced by Zemanta

Esquadrão Coral (1º GTT) realiza exercício com aeronaves C-130 no Sul do país

3
A aeronave C-130 Hercules do 1° GTT está participando de exercício operacional em Florianópolis. (Foto: BAAF)

O Esquadrão Coral (1º GTT) realizou, no período de 31 de agosto e 5 de setembro, na Base Aérea de Florianópolis (SC), o exercício operacional Coral1/Coruja Laranja, com a finalidade de formar novos tripulantes e manter o preparo de militares para a missão de busca e salvamento, inclusive com o emprego de óculos de visão noturna (em inglês, NVG).

Durante o exercício, as tripulações realizaram missões em voos noturnos com as aeronaves C-130H Hercules.

Fonte: BAAF

Enhanced by Zemanta

Esquadrão Phoenix da FAB participa de treinamento no litoral de São Paulo

11
A aeronave P-95 Bandeirulha do Esquadrão Phoenix, sediado em Florianópolis, SC, está realizando uma missão operacional no litoral paulista. (Foto: BAFL)

Com o objetivo de incrementar a capacidade operacional de suas equipagens, o Segundo Esquadrão do Sétimo Grupo de Aviação (2º/7º GAV- Esquadrão Phoenix) iniciou no dia 14 de agosto a manobra CAMEX/TERRANOVA operando a partir do Núcleo da Base Aérea de Santos, litoral paulista.

Além de exercitar a sua principal missão, que é a patrulha marítima, também serão realizados treinamentos de busca que agregarão importantes conhecimentos aos novos tripulantes. Os voos ocorrerão em um cenário complexo, com grande quantidade de embarcações, plataformas petrolíferas e objetos flutuantes introduzidos pela própria atividade de prospecção, navegação marítima e pela proximidade aos maiores centros urbanos do país.

Enquanto em São Paulo, o esquadrão está baseado em Santos. (Foto: BAFL)

O ganho operacional de um deslocamento desse nível é considerável, pois a Unidade Aérea poderá executar suas ações de manutenção orgânica na Base Aérea de desdobramento mais próxima à área de exploração da camada pré-sal, identificando os óbices e facilidades para possíveis operações futuras a partir dessa localidade de posicionamento geográfico privilegiado.

Fonte: BAFL

Avião da P-95 da FAB localiza veleiro holandês à deriva no Sul do país

8
A aeronave de patrulha P-95 da Força Aérea Brasileira (FAB), do 2º/7º GAV - Esquadrão Phoenix. (Foto: Sandro Bandeira Colaço / Cavok)

Uma aeronave de Patrulha P-95 da Força Aérea Brasileira (FAB), do Segundo Esquadrão do Sétimo Grupo de Aviação (2º/7º GAV – Esquadrão Phoenix), localizou (1º/12) o veleiro holandês Rolleman, que se encontrava à deriva na região de Pelotas, a 350 km da costa.

O veleiro Rolleman, tripulado pelo holandês Albert Deschipper, de 72 anos, emitiu na quinta-feira (1º/12) pedido de socorro via satélite, desta vez no litoral do Rio Grande do Sul. A FAB foi acionada e utilizou uma aeronave P-95 Bandeirante Patrulha do Esquadrão Phoenix. O P-95 decolou da Base Aérea de Florianópolis (BAFL) às 16h40 para cumprir o padrão de busca solicitado pelo Salvaero, e às 18h25, localizou o veleiro. Uma embarcação mercante foi acionada, e a aeronave guiou-a até o ponto de resgate.

O veleiro holandês localizado pelo Bandeirulha da FAB. (Foto: Sargento Seelig / FAB)

“O mar estava muito revolto, e a visibilidade prejudicada. A embarcação estava bastante avariada, com as velas rasgadas. Foram realizadas chamadas pelo rádio, mas não se obtinha resposta. Ao perceber que havia um avião sobrevoando a área, o comandante do veleiro entrou em contato com a tripulação, demonstrando alívio e agradecimento por o termos encontrado”, contou um dos pilotos da aeronave, Tenente Aviador Wanderson Carlos de Oliveira.

Por causa das condições do mar e com o cair da noite não foi possível a embarcação mercante fazer o resgate do velejador na noite de ontem. Por esse motivo, a aeronave da FAB decolou novamente no início da manhã de hoje, às 4h30, da Base Aérea de Florianópolis, para dar apoio à missão de resgate.” Quando chegamos ao local, os ventos não estavam tão fortes, mas as ondas chegavam a quase seis metros de altura. A embarcação estava com as velas rasgadas.O velejador nos informou pelo rádio que ficou sem combustível, mas que o seu estado de saúde era bom”, ressaltou o Capitão Aviador Gustavo Henrique Tannino Vissentini, comandante da aeronave.

Fonte: Agência Força Aérea/BAFL

Cavok nas redes sociais

58,866FãsCurtir
340Inscritos+1
5,745SeguidoresSeguir
9,047SeguidoresSeguir
1,640InscritosInscrever
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.