Saab

Inicio Tags Lockheed Martin F-35B Lightning II

Tag: Lockheed Martin F-35B Lightning II

IMAGENS: Frota F-35 do Reino Unido atinge a Capacidade Operacional Inicial

5
Em cerimônia na Base da RAF da Marham, o F-35B foi declarado operacional (IOC) na Real Força Aérea britânica.

O secretário da Defesa do Reino Unido, Gavin Williamson, revelou hoje que o poder aéreo de combate da Grã-Bretanha alcançou novos patamares enquanto falava em um novo hangar que exibia cem anos de jatos de combate. Falando na Base da RAF de Marham, o Secretário de Defesa anunciou que a frota de F-35 do país atingiu a Capacidade Operacional Inicial (IOC) e o Reino Unido agora tem nove jatos F-35 Lightning II prontos para serem implantados em operações em todo o mundo.

Anúncios

IMAGENS: Jatos F-35 da RAF participam de primeiro exercício conjunto, com F-15Es e Rafales

0
Aeronaves de combate F-35B (RAF), F-15E (USAFE) e Rafale (Força Aérea Francesa), participaram do primeiro exercício conjunto Point Black, realizado no Reino Unido. (Foto: USAFE)

Os jatos furtivos F-35B Lightning II da Real Força Aérea britânica (RAF – Royal Air Force) atingiram mais um marco significativo ao conduzir seu primeiro exercício conjunto, com os F-15E Strike Eagles da USAF baseados em Lakenheath, no Reino Unido, e os Rafales da Força Aérea Francesa, baseados em Mont de Marsan, França, sobre o céu de East Anglia e do Mar do Norte.

Japão deve comprar 100 caças F-35 adicionais, incluindo alguns F-35B

19
O Japão deve realizar em breve um compra de 100 caças F-35, visando a substituição de seus F-15.

O Japão está se preparando para encomendar 100 adicionais jatos furtivos F-35 dos EUA para substituir alguns de seus antigos F-15, segundo fontes.

Reino Unido dobra frota de caças F-35 com nova encomenda de 17 aeronaves

0
Com o novo pedido, o Reino Unido confirmou até o momento a compra de 35 caças F-35B.

O Ministério da Defesa Britânico encomendou um segundo lote de 17 aviões de combate Lockheed Martin F-35B Lightning II. Isso corresponde aos 12º e 14º lotes do programa inicial de produção de baixa taxa (LRIP).

HMS Queen Elizabeth inicia segunda fase de testes com caças F-35B

0
Caças F-35B Lightning II da Força Integrada de Testes F-35 estão participando da segunda fase de testes embarcados no HMS Queen Elizabeth.

O porta-aviões britânico HMS Queen Elizabeth recebeu novamente a bordo os jatos F-35B Lightning II para uma segunda parte de testes de voo. O objetivo é testar a aeronave em condições de vento mais desafiadoras e praticar a equipe embarcada no navio para o manuseio e carregamento da aeronave com armas.

VÍDEO: Caças F-35B do USMC reabastecidos em voo sobre o Mar da China Oriental

7
Caça F-35B Lightning II do VMFA-121 reabastece em voo com um KC-130J sobre o Mar da China Oriental. (Foto: Gunnery Sgt. T. T. Parish / 31st Marine Expeditionary Unit)

O Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA e as aeronaves F-35B com o Esquadrão de Caças de Ataque dos Fuzileiros 121 (VMFA-121) “flexionaram seus músculos” no 23 de outubro, completando uma missão de reabastecimento aéreo de três aeronaves acima do Mar da China Oriental. O USMC divulgou um belo vídeo da operação, que pode ser visto a seguir.

VÍDEO: Voyager reabastece o F-35B em voo pela primeira vez no Reino Unido

10
Os F-35Bs encomendados até hoje pela Grã-Bretanha foram reabastecidos em voo usando uma configuração de mangueira e cesto, que é uma grande diferença em relação a sonda usada para reabastecer a variante convencional F-35A encomendada pela maioria das outras operadoras europeias. (Foto: RAF)

O avião de reabastecimento aéreo e transporte A330 MRTT Voyager da RAF (Real Força Aérea britânica) completou o primeiro reabastecimento em voo no Reino Unido dos caças F-35B Lightning II.

VÍDEO: F-35B faz história a bordo do HMS Queen Elisabeth com o primeiro SRVL

10
Caça F-35B chega para executar um pouso SRVL a bordo do HMS Queen Elisabeth, o primeiro do tipo para o jato STOVL.

A história da aviação foi feita a bordo do HMS Queen Elizabeth neste final de semana, quando um jato fez o primeiro Shipborne Rolling Vertical Landing (SRVL). Este procedimento permite que o F-35B retorne ao navio transportando armas e combustível, cujo peso seria demais para um pouso vertical.

Caças F-35B do USMC operam ‘surpreendentemente bem’ durante a implantação de combate no Oriente Médio

6
Dois F-35B Lightning II do VMFA-211, 13º MEU, voam sua missão de combate sobre o Afeganistão, no dia 27 de setembro de 2018. (Foto: U.S. Air Force / Staff Sgt. Corey Hook)

O mais avançado caça a jato do Pentágono, e também o programa de armas militares mais caro da história do departamento, está superando as expectativas durante a primeira grande operação de combate no Oriente Médio.

O que sabemos sobre o primeiro acidente do F-35

7

Doze anos depois de seu primeiro voo, um F-35 finalmente caiu. A aeronave, a variante “B”, produzida com os requisitos do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA, caiu na Carolina do Sul.

USMC conecta F-35B a um foguete do sistema HIMARS

3
Caça F-35B foi usado para conectar seus sensores com um foguete do sistema HIMARS.

O Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA experimentaram uma maneira inovadora de usar seu sistema de artilharia de foguetes de precisão conhecido como HIMARS: conseguiram destruir um alvo conectando um F-35B com um foguete HIMARS pela primeira vez.

O Japão precisa de um porta-aviões?

36

Em 1983, o primeiro-ministro japonês, Yasuhiro Nakasone, prometeu ao presidente dos EUA, Ronald Reagan, tornar o Japão um “porta-aviões insubmersível”. A ironia era que o Japão não possuía um porta-aviões real há mais de 70 anos.

IMAGENS: Jatos F-35B realizam primeiros pousos noturnos no HMS Queen Elizabeth

1
Os caças F-35B Lightning II operando a bordo do HMS Queen Elisabeth a noite. (Foto: Royal Navy)

Os aviões de combate F-35 Lightning realizaram os primeiros testes de voo noturno a bordo do maior navio de guerra do Reino Unido, o HMS Queen Elizabeth.

Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA perde seu primeiro F-35B em acidente

23
Caça F-35B do VMFA-501, decolando da Estação Aérea de Beaufort, Carolina do Sul. (Foto: Benjamin McDonald / U.S. Marine Corps)

Um caça F-35B do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA (USMC) caiu nesta sexta-feira, no Condado de Beaufort, na Carolina do Sul, perto da Estação de Aviação dos Fuzileiros Navais de Beaufort, de acordo com um comunicado emitido pelo USMC.

Caças F-35 do USMC são usados pela primeira vez em combate

7
Um F-35B Lightning II do Marine Fighter Attack Squadron (VMFA) 211 é lançado do USS Essex (LHD 2). (Foto: U.S. Navy / Mass Communication Specialist Seaman Sabyn L. Marrs/Released)

Um caça F-35 dos EUA foi usado contra um alvo do Talibã no Afeganistão nesta quinta-feira, marcando o primeiro uso do avião furtivo em combate pelos Estados Unidos. O F-35B Lightning II do Corpo de Fuzileiros Navais realizou seus primeiros ataques de combate na área de responsabilidade do Comando Central dos EUA em apoio a Operação Freedom’s Sentinel no Afeganistão.

Caças F-35B do USMC devem realizar primeira missão de combate em breve

29
O F-35B pode realizar sua primeira missão de combate em breve. (Imagem ilustrativa)

Caças Lockheed Martin F-35B Lightning II do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA (USMC) podem realizar sua primeira missão de combate em questão de dias, disseram vários oficiais de defesa dos EUA à CNN.

Caças F-35B dos Fuzileiros dos EUA entram no teatro do Oriente Médio pela primeira vez

1
O suboficial da Marinha dos EUA, Alexander Turla, parte do Essex Amphibious Ready Group, lança um F-35B Lightning II do Marine Fighter Attack Squadron 211, da 13ª Unidade Expedicionária dos Fuzileiros Navais dos EUA, a bordo do navio de assalto anfíbio Essex (LHD 2) da classe Wasp, no dia 3 de setembro de 2018 (Foto: Cabo AJ Van Fredenberg / Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA)

Os F-35Bs que embarcaram na 13ª Unidade Expedicionária dos Fuzileiros Navais dos EUA, ou MEU, entraram recentemente na área de operações do Comando Central (CENTCOM) dos EUA pela primeira vez.

IMAGENS: F-35B da RAF realiza primeiros testes com armas construídas no Reino Unido

0
Um F-35B Lightning II armado da Força Aérea Real levou os céus para os primeiros testes com armas construídas no Reino Unido.

O Ministro da Defesa, Stuart Andrew, revelou que o programa F-35 do Reino Unido alcançou o marco histórico enquanto estava em uma visita à Agência de Eletrônica e Componentes de Defesa (DECA) no País de Gales (Reino Unido). A DECA está programada para se tornar um centro global de reparos para aeronaves stealth, fornecendo serviços cruciais de manutenção, reparo, revisão e atualização para aviônicos do F-35, componentes eletrônicos e elétricos, sistemas de combustível, mecânicos e hidráulicos.

Coreia do Sul estuda a capacidade de LPHs em operar o F-35B

8

A Marinha de guerra da Coréia do Sul deu mais um passo no sentido de dar a seus navios anfíbios da classe Dokdo a capacidade de operar com o F-35B, iniciando um estudo sobre como converter os navios.

HMS Queen Elizabeth parte para testes de mar nos EUA

3

Jatos F-35B do USMC farão parte dos testes.

Cavok nas redes sociais

62,406FãsCurtir
340Inscritos+1
6,414SeguidoresSeguir
2,505SeguidoresSeguir
10,510SeguidoresSeguir
2,780InscritosInscrever
Anúncios