Tags Post com a tag "Operações Militares"

Tag: Operações Militares

IMAGENS: Aeronaves C-130 Hercules realizam pousos e decolagens em praia na Dinamarca

6
Aeronave C-130J Super Hercules da Força Aérea Dinamarquesa decola da faixa de areia da praia em Romo. (Foto: Thorbjørn Brunander Sund / danishaviationphoto.com)

Na quarta-feira, a Força Aérea Dinamarquesa iniciou um exercício conjunto da OTAN com aeronaves C-130 Hercules na praia de Lakolk, na ilha de Rømø, onde foram realizados pousos e decolagens numa faixa de areia a beira mar, como parte do Curso de Instrutores de Armas de Transporte (TWIC).

Anúncios

FAB realiza Exercício Operacional Tápio na Ala 5, em Campo Grande (MS)

8
Atividades visam adestrar os esquadrões aéreos e unidades de Infantaria.

A Força Aérea Brasileira (FAB) promove, até o dia 17 de maio, a segunda edição do Exercício Operacional Tápio (EXOP Tápio), na Ala 5, em Campo Grande (MS). Em um cenário fictício, o exercício, que teve início dia 23 de abril, empregará um conjunto de 16 ações que visam adestrar os esquadrões aéreos e unidades de Infantaria do Comando de Preparo (COMPREP) em um contexto operacional de missão de paz da Organização das Nações Unidas (ONU).

IMAGENS: Bombardeiros russos Tu-160 chegam na Venezuela para manobras militares conjuntas

45
Dois bombardeiros russos Tu-160 pousaram hoje na Venezuela, onde realizarão exercícios conjuntos.

As Forças Aéreas da Rússia e da Venezuela realizarão manobras conjuntas com o objetivo de proteção do país sul-americano, que alerta sobre uma iminente ação militar por parte dos EUA. Dois bombardeiros russos Tupolev Tu-160, um avião de transporte militar Antonov An-124 Ruslan e um avião Ilyushin Il-62 chegaram à Venezuela, informou o Ministério da Defesa da Rússia nesta segunda-feira.

FAB: Missões do Exercício CRUZEX são treinadas em cenário simulado

2
Esquadrão Arara se prepara para Exercício Cruzex em cenário simulado.

Os tripulantes do Esquadrão Arara (1°/9° GAV), sediado na Ala 8, em Manaus (AM), realizam, até quinta-feira (11), treinamento para o Exercício CRUZEX FLIGHT 2018, em um cenário simulado, desenvolvido pelo Centro de Computação da Aeronáutica de São José dos Campos (CCA-SJ). Os voos de preparação ocorrem no Simulador de Voo da Aeronave C-105 Amazonas, gerenciado pelo Grupo Logístico da Ala 8 (GLOG 8).

FAB: Tudo pronto para combate a tráfegos ilícitos na fronteira

2
Uma aeronave E-99 foi deslocada para Base Aérea de Campo Grande.

A Força Aérea Brasileira (FAB) inicia, nesta sexta-feira (24/3), uma das maiores operações de patrulhamento de fronteira já realizadas pela instituição – com duração de pelo menos um ano e abrangendo uma extensa faixa de fronteira. A Ostium tem o objetivo de intensificar o trabalho da FAB no controle do espaço aéreo, especialmente no que se refere à repreensão de crimes transfronteiriços, como o narcotráfico.

IMAGENS: Irã realiza grande exercício militar com seus caças F-14 e MiG-29

22
Um caça F-14 Persian Cat decola durante o exercício militar próximo a Teerã, no melhor estilo Top Gun. (Foto: Mehdi Bolourian / FARS)
Um caça F-14 Persian Cat decola durante o exercício militar próximo a Teerã, no melhor estilo Top Gun. (Foto: Mehdi Bolourian / FARS)

A Força Aérea do Irã (IRIAF) realizou com sucesso durante três dias um exercício militar de guerra eletrônica de grande escala, na província central de Isfahan. Os exercícios que envolveram um grande números de aeronaves militares como F-14, F-4 e MiG-29, começaram na terça-feira (18/10) e terminaram ontem. O exercício foi batizado de Fada’eeyan-e Harim-e Velayat 6 (os devotos do Santuário Velayat 6). Veja o vídeo a seguir e outras belas imagens dos caças Tomcats, os únicos ainda em operação no mundo.

Marinha do Brasil realiza Operação MISSILEX 2016

18
MAS PENGUIN lançado pelo SH-16
Lançamento do míssil Ar-Superfície (MAS) PENGUIN a partir do helicóptero SH-16 Seahawk da Marinha do Brasil

A Marinha do Brasil realiza na área marítima compreendida entre o Rio de Janeiro (RJ) e Vitória (ES), a Operação MISSILEX 2016, sob coordenação do Comando da 1ª Divisão da Esquadra (ComDiv-1). A Operação, que começou no dia 11 de abril e vai até o dia 20, tem como objetivo realizar exercícios no mar, de caráter estritamente militar, concernentes às tarefas básicas do Poder Naval, executar lançamentos de mísseis sobre o casco de uma ex-corveta, com o propósito de afundá-lo, além de efetuar testes exploratórios em proveito da Avaliação Operacional da aeronave SH-16 Seahawk.

O Grupo-Tarefa (GT) é composto pelas Fragatas “União” (F45), “Constituição” (F42) e “Rademaker” (F49); pelo Navio de Desembarque de Carros de Combate (NDCC) “Almirante Saboia” (G25); pelas aeronaves AH-11, UH-13, SH-16, UH-15 e AF-1; e por uma aeronave P-3 AM, da Força Aérea Brasileira (FAB).

Na tarde do dia 12 de abril, duas aeronaves SH-16, recém-adquiridas pela Marinha do Brasil e pertencentes ao 1º Esquadrão de Helicópteros Antissubmarino (HS-1), lançaram dois Mísseis Ar-Superfície (MAS) PENGUIN sobre o casco de uma ex-corveta, causando danos significativos ao alvo.

Impacto do MAS PENGUIN no alvo
Impacto do MAS PENGUIN no alvo

Na sequência, a F45 – Capitânia do GT – lançou o Míssil Superfície-Superfície (MSS) EXOCET sobre o casco da ex-corveta, afundando-o em poucos minutos.

MSS EXOCET lançado pela F45
MSS EXOCET lançado pela F45
Impacto do MSS EXOCET no alvo
Impacto do MSS EXOCET no alvo

Ressalta-se que o êxito obtido pela Esquadra, na execução do exercício de lançamento de mísseis, só foi possível em função do apoio prestado por diversas Organizações Militares do Setor do Material, que prepararam o armamento e o alvo, e pelos Rebocadores de Alto-Mar “Tridente” e “Guillobel”, subordinados ao Comando do 1º Distrito Naval, que conduziram o casco até a área de operação.

Lançamento de bombas e tiro sobre alvo de superfície durante a Operação MISSILEX 2016

No dia 13 de abril, em continuidade aos exercícios planejados pelo Comando da 1ª Divisão da Esquadra na Operação MISSILEX 2016, dois caças AF-1 pertencentes ao 1º Esquadrão de Aviões de Interceptação e Ataque (VF-1) participaram do lançamento de bombas BAFG-230 sobre “Killer Tomato”. Uma aeronave AF-1 (A-4 Skyhawk), modernizada recentemente, executou o lançamento de quatro bombas sobre o alvo. A realização desse exercício contribuiu para o adestramento das tripulações e dos pilotos da Esquadra no lançamento desse tipo de armamento.

Na mesma manhã do dia 13 de abril, as Fragatas “União” e “Constituição” realizaram exercício de tiro de superfície sobre alvo “Killer Tomato”, com canhão de 4,5”.

Caça AF1 modernizado lança bombas BAFG-230
Caça AF1 modernizado lança bombas BAFG-230
Tiro de canhão de 4,5 da Fragata União
Tiro de canhão de 4,5” da Fragata “União”

divider 1

FONTE: Marinha do Brasil

EDIÇÃO: Cavok

Cavok nas redes sociais

60,381FãsCurtir
340Inscritos+1
5,867SeguidoresSeguir
9,047SeguidoresSeguir
1,863InscritosInscrever
Anúncios
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.