Tags Post com a tag "Phenom"

Tag: Phenom

Embraer entrega 100º jato Phenom 100

0
O 100° jato Embraer Phenom 100. (Foto: Embraer)

A Embraer entregou na última sexta-feira o 100º jato Phenom 100 à JetSuite, empresa norte-americana de fretamento de jatos executivos. A aeronave comemorativa é a sexta entregue à este cliente.

“A entrega do 100º jato Phenom 100 em pouco mais de um ano após a sua
certificação representa uma importante conquista para a Embraer”, disse Luís Carlos Affonso, Vice-Presidente Executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Executiva. “Estamos muito felizes em ter entregado este avião comemorativo para a JetSuite e contribuir para seu negócio inovador e em expansão.”

Alex Wilcox (E), CEO da JetSuite, e Luís Carlos Affonso, Vice-Presidente Executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Executiva, durante entrega do 100º jato Phenom 100. (Foto: Embraer)

“A JetSuite está honrada em receber esta aeronave especial da Embraer. Estamos satisfeitos com nossa parceria e gratos pelo suporte da Embraer e pelo confiável e revolucionário jato que eles produziram”, disse Alex Wilcox, CEO da JetSuite Air. “Nossos novos jatos Phenom 100 proporcionam vôos
muito mais agradáveis que as aeronaves de nossos competidores – mais antigas e menos eficientes –, e freqüentemente pela metade do custo. Nossos clientes partilham de nosso entusiasmo pelo Phenom. Após voar pela primeira vez, passam a requisitá-lo sempre.”

O Phenom 100 foi certificado em dezembro de 2008 e tornou-se o jato mais rápido da sua categoria. Com um nível de conforto sem paralelo, o jato possui a cabine de comando mais moderna do mercado e um projeto de cabine diferenciado. Outro diferencial competitivo é o lavatório traseiro. O alcance de 2.182 km (1.178 milhas náuticas), incluindo reservas de combustível NBAA IFR, possibilita ao Phenom 100 voar sem escalas de Nova York para Miami, nos Estados Unidos; de Londres para Roma, na Europa; ou de Brisbane para Melbourne, na Austrália. A aeronave voa em mais de dez países e já acumulou mais de 7 mil horas de vôo.

A JetSuite Air atua na região oeste dos Estados Unidos com uma frota de aeronaves Phenom 100 novas e tem a frota mais jovem do mercado. Fundada por um experiente grupo de empreendedores do segmento de companhias aéreas, incluindo vários fundadores da JetBlue, a JetSuite Air prioriza serviço e segurança e conta com os mais novos aviões, operados por alguns dos mais experientes pilotos do mundo e que acumulam uma média superior a 8 mil horas de vôo.

Os maiores mercados da JetSuite são a grande Los Angeles e Orange County e a região da Baía de São Francisco, no Estado da Califórnia; Las Vegas, em Nevada; e Phoenix/Scottsdale, no Arizona. A empresa oferece vôos sem escalas, ou com uma parada, para praticamente todos as regiões a oeste do Mississipi. Mais detalhes estão disponíveis em www.jetsuite.com.

Anúncios

Embraer participa do Singapure Airshow 2010

0
Embraer Legacy 600

A Embraer participará do Singapore Airshow 2010, que será realizado no Centro de Exposições Changi, de 2 a 7 de fevereiro, em Singapura. Presente há dez anos na Ásia Pacífico, a Embraer ocupará o chalé CD51 e promoverá toda a linha de produtos para os segmentos de aviação comercial, executiva e de defesa. Os jatos executivos Legacy 600 e Phenom 100 estarão na exposição estática, bem como os modelos em tamanho real do Legacy 500 – pela primeira vez na Ásia – e do Phenom 300.

Embraer Phenom 100

A Embraer realizará uma coletiva de imprensa direcionada ao mercado de aviação executiva na segunda-feira, dia 1º de fevereiro, às 14 horas, na Sala de Conferências 4.

A presença da Empresa na Ásia Pacífico cresceu de forma constante desde que o Bandeirante – o primeiro avião comercial da Embraer – começou a voar na região em 1978. Hoje, mais de 45 E-Jets – família de jatos com capacidade de 70 a 122 assentos – estão em operação, com uma decolagem a cada quatro minutos. Em 2009, estas aeronaves transportaram cerca de 5 milhões de passageiros para 105 destinos e registraram mais de 100 mil horas de vôo na região, que continua sendo um mercado muito importante para a Embraer. Além da venda de aeronaves
comerciais, executivas e de defesa, a Empresa nomeou centros de serviços autorizados para oferecer manutenção, reparo e revisão geral (Maintenance, Repair and Overhaul – MRO).

A sede da Embraer na Ásia Pacífico comemora dez anos em Singapura. Entretanto, as aeronaves da Empresa operam na região há mais de 30 anos, desde a introdução do Em 2007, a Embraer estabeleceu um centro de treinamento de primeira linha e um centro regional de distribuição de peças em Singapura. A Empresa conta também com representantes para apoio às operações em campo e escritórios locais em toda a região, totalizando um

Dentre os clientes da Embraer na Ásia Pacífico, podemos citar a Air North, Skippers Aviation, Network Aviation, Regional Pacific Airlines, Aerolink e Virgin Blue (a maior operadora de E-Jets da Embraer na região), na Austrália; Air Rarotonga, nas Ilhas Cook; Southwest Air, em Papua-Nova Guiné; Premiair, na Indonésia; Mandarin Airlines, em
Taiwan; Paramount Airways, na Índia; JAL e Fuji Dream Airlines, no Japão; e Royal Thai Navy e Royal Thai Army (Marinha e Exército tailandeses).

Fonte: Embraer

FlairJet lança voos comerciais executivos com aeronaves Embraer Phenom 100

0
Dois jatos executivos Embraer Phenom 100 da FlairJet

A empresa aérea FlairJet, do Reino Unido, que gerencia voos com aeronaves executivas, se tornou o primeiro operador comercial da Europa dos jatos executivos leves Embraer Phenom 100, após a entrega do certificado de operação da aeronave pela Autoridade de Aviação Civil do Reino Unido no final de dezembro. O primeiro voo comercial da aeronave Phenom 100 na FlairJet foi no dia 7 de janeiro.

A operadora FlairJet, que está baseada no aeroporto de Oxford, recebeu a primeira aeronave Phenom 100 no dia 29 de outubro e a segunda no dia 6 de novembro. As aeronaves são gerenciadas pela FlairJet em nome de seus proprietários.

A Flairjet, a qual planeja receber sua própria aeronave Phenom 100 em 2012 – planeja também expandir sua frota de aeronaves gerenciadas e espera se tornar a primeira operadora comercial europeia dos jatos leves Phenom300 também da Embraer.

Fonte: FlairJet – Traduçãoe Adaptação do texto: Cavok

Embraer vende Phenom 100 para Universidade Purdue, nos Estados Unidos

0
Phenom 100 da Embraer
Phenom 100 da Embraer

Embraer está satisfeita em anunciar que a Universidade Purdue, em West Lafayette, no Estado de Indiana, nos Estados Unidos, comprou um jato Phenom 100 como parte do programa de substituição da frota do Departamento de Tecnologia de Aviação. O jato foi escolhido após um extenso processo de seleção e avaliação.

A atual frota do Departamento de Tecnologia de Aviação tem mais de 10 anos de idade e é esperado que seja substituída em meados de 2010. A parceria entre a Purdue e a Embraer, por meio da aquisição do jato da categoria entry level Phenom 100, permitirá aos estudantes a distinção de receber habilitação para jatos da Federal Aviation Administration (FAA), autoridade aeronáutica dos Estados Unidos, que nenhum outro programa oferece.

A frota de aeronaves selecionadas compartilhará sistemas aviônicos avançados, o que permitirá aos estudantes progredir mais naturalmente dos aviões de treinamento para os jatos. Os aviônicos do Phenom 100 oferecem operação altamente intuitiva, pelo fato de terem sido projetos por pilotos para pilotos. O alto nível de integração entre os aviônicos e todos os outros sistemas da aeronave garante que as informações estejam sempre disponíveis de forma precisa e atualizada.

A certificação do Phenom 100 para um único piloto também permitirá que o jato entry level da Purdue seja usado para viagens de negócio, com estudantes co-pilotando estes vôos sob a orientação de piloto instrutor que estará no comando, aumentando assim a experiência educacional.

Sobre a Universidade Purdue

O Campus localizado em West Lafayette, no Estado de Indiana, nos Estados Unidos, é a Universidade principal entre os seis campi do sistema da Universidade Purdue. A Purdue foi fundada em maio de 1869, a partir da cessão de um terreno para a Assembléia Geral de Indiana, beneficiada pelo Morril Act, com a doação de terra e de dinheiro pelo empresário John Purdue, de Lafayette, para estabelecer uma universidade de ciência, tecnologia e agricultura com seu nome.

As primeiras aulas foram realizadas em 16 de setembro de 1874, com três edifícios, seis instrutores e 39 estudantes. Hoje, a Purdue tem o segundo maior número de inscrições de qualquer outra universidade em Indiana, e tem uma das maiores populações de estudantes internacionais comprada a outras universidades públicas nos Estados Unidos. O Parque do Descobrimento e o Parque de Pesquisa da Universidade Purdue concentram centenas de laboratórios e empresas de medicina, biotecnologia e nanotecnologia. A Purdue foi a primeira universidade no mundo a ter e oferecer um programa aeronáutico.

A Purdue oferece programas tanto de graduação como de pós-graduação em mais de 200 cursos. A universidade tem tido influência na história da aviação dos Estados Unidos, estabelecendo o primeiro crédito oferecido em treinamento de vôo, o primeiro nível de licenciatura de quatro anos na aviação, e o primeiro aeroporto universitário (Purdue University Airport). Na metade do século 20, a Purdue expandiu o programa de aviação para abranger avançadas tecnologias aeroespaciais, o que fez surgir o apelido da Purdue: o berço dos astronautas.

Vinte e dois formandos da Purdue são astronautas, incluindo Gus Grissom (um dos astronautas originais da Mercury 7), Neil Armstrong (a primeira pessoa a andar na lua), e Eugene Cernan (o homem que andou na lua mais recentemente).

Fonte: Embraer

Embraer recebe certificado de tipo da FAA, dos EUA, para o jato Phenom 300

0
Embraer Phenom 300
Embraer Phenom 300

logo_phenom300O jato executivo Phenom 300, da categoria light, da Embraer, foi certificado hoje pela Federal Aviation Administration (FAA), autoridade aeronáutica dos Estados Unidos, que concedeu o Certificado de Tipo seguindo a mesma ação da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) em 3 de dezembro. Todas as metas do projeto foram atingidas ou superadas, e as primeiras entregas começarão nas próximas semanas.

O alcance máximo do Phenom 300, originalmente projetado em 3.334 quilômetros (1.800 milhas náuticas), foi estendido para 3.650 quilômetros (1.971 milhas náuticas) com seis ocupantes e reservas NBAA IFR. O desempenho de pista também foi melhorado significativamente sobre as metas iniciais. O comprimento de pista para decolagem, com o jato no peso
máximo de decolagem, é agora de 956 metros (3.138 pés), consideravelmente melhor do que o planejado de 1.127 metros (3.700 pés), enquanto a distância de pista para pouso com o peso máximo de aterrissagem foi melhorada para 799 metros (2.621 pés), ou 100 metros (329 pés) a menos do que a meta inicial de 899 metros (2.950 pés).

Interior do Phenom 300 da Embraer
Interior do Phenom 300 da Embraer

Para vôos de e para aeroportos com restrições devido à altas temperaturas ou grandes altitudes, o Phenom 300 excedeu as metas de alcance. Por exemplo, o avião pode decolar com peso máximo de decolagem e atingir a capacidade máxima de alcance a partir de Aspen, no Estado do Colorado, nos Estados Unidos. O desempenho de subida também superou as expectativas, permitindo à aeronave decolar ao nível do mar com peso máximo e alcançar o teto operacional de 45 mil pés em apenas 26 minutos. Equipado com dois eficientes motores Pratt & Whitney Canada PW535-E, o consumo de combustível do Phenom 300 é até 6% melhor do que o originalmente estimado.

A velocidade máxima de 453 nós (True Air Speed – TAS) foi validada durante a campanha de testes de certificação. Certificado sem restrições, o Phenom 300 está apto a voar de acordo com as Regras de Vôo Visual (Visual Flight Rules – VFR) e Regras de Vôo por Instrumentos (Instrument Flight Rules – IFR), dia e noite, e em condições conhecidas ou previstas de gelo.

Para a distribuição de peças, os clientes norte-americanos podem contar com os centros de distribuição da Embraer em Louisville, no Estado do Kentucky, operado pela UPS Supply Chain Solutions, e Fort Lauderdale, no Estado da Flórida. A Empresa também possui centros no Brasil, na França, em Cingapura e nos Emirados Árabes Unidos. A joint venture Embraer CAE Training Services oferece treinamento de pilotos e manutenção para o Phenom 100 e o Phenom 300.

A estrutura de suporte ao produto da Empresa abrange operações de vôo e assistência técnica e de manutenção, bem como um novo Contact Center, que reduz o tempo de permanência em solo aplicando os recursos apropriados de forma rápida e eficiente em situações críticas.

A partir de 1º de Fevereiro de 2010, o preço de lista do Phenom 300 será de US$ 8,14 milhões em condições econômicas de 2010, para um avião na configuração básica FAA.

Fonte: Embraer

Embraer obtém certificação da ANAC para o jato Phenom 300

0
Embraer Phenom 300
Embraer Phenom 300

logo_phenom_certA Embraer recebeu hoje os certificados de tipo e de produção para o jato executivo Phenom 300, da categoria light, por parte da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), do Brasil, em cerimônia realizada na sede da Empresa, em São José dos Campos. O certificado de tipo por parte da Federal Aviation Administration (FAA), autoridade aeronáutica dos Estados Unidos, é esperado para as próximas semanas.

O alcance máximo do Phenom 300, originalmente projetado em 3.334 quilômetros (1.800 milhas náuticas), foi estendido para 3.650 quilômetros (1.971 milhas náuticas) com seis ocupantes e reservas NBAA IFR. O desempenho de pista também foi melhorado significativamente sobre as metas iniciais. A extensão de pista para decolagem, com o jato no peso máximo de decolagem, é agora de 956 metros (3.138 pés), consideravelmente melhor do que o planejado de 1.127 metros (3.700 pés), enquanto a distância de pista para pouso com o peso máximo de aterrissagem foi melhorado para 799 metros (2.621 pés), ou 100 metros (329 pés) a menos do que a meta inicial de 899 metros (2.950 pés).

Para vôos de e a partir de aeroportos com restrições devido à altas temperaturas ou grandes altitudes, o Phenom 300 excedeu as metas de alcance, o que resultou, por exemplo, em um alcance de mais de 3.704 quilômetros (2.000 milhas náuticas) a partir de Aspen, no Estado do Colorado, nos Estados Unidos. O desempenho de subida também superou as expectativas, permitindo à aeronave decolar ao nível do mar com peso máximo e alcançar o teto operacional de 45 mil pés em apenas 26 minutos. Equipado com dois eficientes motores Pratt & Whitney Canada PW535-E, o consumo de combustível do Phenom 300 é até 6% melhor do que o originalmente estimado.

A velocidade máxima de 453 nós (True Air Speed – TAS) foi validada durante a campanha de testes de certificação. Certificado sem restrições, o Phenom 300 está apto a voar de acordo com as Regras de Vôo Visual (Visual Flight Rules – VFR) e Regras de Vôo por Instrumentos (Instrument Flight Rules – IFR), dia e noite, e em condições conhecidas ou previstas de gelo. A aeronave também cumpre os requisitos de ruído externo, Estágio IV, tendo sido certificada com a margem cumulativa de 24 EPNdB.

O altamente intuitivo sistema Prodigy® flight deck, baseado nos aclamados aviônicos Garmin G1000, foi concebido a partir da experiência acumulada pela Embraer no desenvolvimento de projetos orientados a fatores humanos. Sua filosofia quiet and dark, combinada com características ergonômicas excepcionais, oferece completo alerta situacional e de automação, gerando baixa carga de trabalho, o que possibilita ao jato ser operado por apenas um piloto.

Interior do Phenom 300
Interior do Phenom 300

O interior do Phenom 300 foi certificado para oferecer espaço e conforto sem precedentes na categoria de jatos light. As janelas, o volume da cabine e o compartimento de bagagem são os maiores entre todos os jatos desta classe. A seção transversal Oval Lite beneficia os passageiros com amplo espaço para as pernas e a cabeça, com assentos totalmente reclináveis que podem se mover lateralmente e girar 180º oferecendo aos passageiros grande mobilidade na cabine. Com uma porta rígida, o lavatório traseiro é o único no segmento que possui serviço externo. O sistema de entretenimento a bordo oferece como opcionais monitores individuais e uma tela de 10,4 polegadas no teto. A generosa galley e o espaço de armazenamento do guarda-roupa adicionam conveniência a uma experiência premium de viagem.

Além de seus incríveis conforto e desempenho, o Phenom 300 também estabeleceu um novo patamar em termos de robustez, simplicidade na manutenção, e despachabilidade. Projetado para um ciclo de 35 mil horas de vôo, o avião também oferece outras características únicas que elevam o Phenom 300 ao mais alto nível entre os jatos light: SmartprobesTM, que aumentam a confiabilidade e reduzem as tarefas de manutenção; freios de carbono, que permitem 60% menos substituições; sistema brake-by-wire; sangria quente para o sistema de anti-gelo do estabilizador horizontal; e ponto único de reabastecimento de combustível.

A Companhia também possui parcerias com renomadas empresas em áreas de logística e de treinamento de pilotos. A estrutura de suporte ao produto da Empresa abrange operações de vôo e suporte técnico e de manutenção, bem como um novo Contact Center, que reduz o tempo de permanência em solo aplicando os recursos apropriados de forma rápida e eficiente em situações críticas.

A partir de 1º de Fevereiro de 2010, o preço de lista do Phenom 300 será de US$ 8,14 milhões em condições econômicas de 2010, para um avião na configuração básica FAA.

Fonte: Embraer

Jato Phenom 100 da Embraer em turnê na Ásia e Pacífico

0
Embraer Phenom 100
Embraer Phenom 100

A Embraer começará uma turnê de demonstração do jato executivo Phenom 100, da categoria entry level, na região da Ásia e Pacífico. A primeira parada será na Índia, onde o jato visitará sete cidades em novembro: Deli, Indore, Mumbai, Bangalore, Madurai, Chennai e Hyderabad.

Após a Índia, o Phenom 100 será exibido em Singapura e na Austrália. “A Embraer tem orgulho de exibir o bem-sucedido Phenom 100, da categoria entry level, na região da Ásia e Pacífico”, comentou José Eduardo Costas, diretor de Marketing e Vendas da Embraer na Ásia e Pacífico – Aviação Executiva. “Em menos de um ano de operações, nosso jato executivo Phenom 100 provou ser uma plataforma confortável, confiável e versátil, que está sendo continuamente aperfeiçoada. Tenho certeza que nossos clientes na região estão se beneficiando das características do jato e da crescente rede de suporte.”

As entregas do Phenom 100 começaram em dezembro de 2008. Em 30 de setembro de 2009, o jato ultrapassou 3 mil horas de vôo, com um total de 45 aeronaves entregues em todo o mundo. A Embraer tem vários clientes importantes da família Phenom na Índia. Dentre eles, podemos citar a Aviators India Pvt. Ltd., o primeiro cliente na região, que adquiriu dois jatos Phenom 100; e a Invision Projects Pvt. Ltd., empresa que tem a maior encomenda de jatos Phenom 100 e Phenom 300 na Índia, com um total de 20 aeronaves. Para apoiar as operações do crescente número de clientes de Phenom e Legacy 600 no país, a Embraer nomeou recentemente a Indamer Company Pvt. Ltd. centro de serviços autorizado.

Apesar da alta aceitação da aeronave, a Embraer continua trabalhando para aprimorar o Phenom 100, em face aos desafios do dinâmico mercado de aviação executiva. Ao longo de 2009, a Embraer desenvolveu aprimoramentos para aumentar o conforto e a satisfação dos passageiros.

Novos e elegantes assentos foram projetados para proporcionar melhorias ergonômicas e descansos de braço retráteis possibilitaram mais espaço no corredor. Um novo divisor de cabine foi desenvolvido para oferecer aos passageiros uma verdadeira porta fixa de lavatório, substituindo as atuais cortinas, aumentando a privacidade e reduzindo os níveis de ruído na cabine. Um avançado sistema de entretenimento (In-Flight Entertainment – IFE) inclui recursos como rádio XM, sistema de som ambiente, possibilidade de o passageiro ouvir as comunicações da cabine com o controle de tráfego aéreo (Air Traffic Control – ATC), interface para reprodutores de mp3 portáteis e um painel que permite a regulagem da temperatura da cabine.

Conforto superior, desempenho excepcional e baixos custos de operação são requisitos imprescindíveis no projeto do jato Phenom 100, o melhor da sua classe. A aeronave oferece aos pilotos e passageiros conforto e estilo sem paralelo em sua categoria. Desenvolvida em parceria com a BMW Group Designworks USA, a sensação de ambiente agradável e relaxante é ainda enfatizada pelas amplas janelas e a comodidade proporcionada pela maior cabine em sua classe.

A funcionalidade da cabine de pilotagem e as qualidades de vôo da nova aeronave permitem a operação por apenas um piloto. Empregando a experiência em projeto e engenharia da Embraer, o jato Phenom 100 foi concebido para alta utilização e disponibilidade. Para segurança e confiabilidade adicionais, o jato oferece um sistema brake-by-wire com a funcionalidade antiderrapante na configuração padrão.

O Phenom 100 foi lançado pela Embraer em 2005 e é o jato executivo mais confortável da categoria entry level, acomodando quatro passageiros na configuração executiva típica (club seat configuration). O compartimento de bagagem traseiro tem capacidade total de 1.501 litros (53 pés cúbicos), volume suficiente para transportar malas e equipamentos de golfe e esqui. Espaço adicional para armazenamento na parte dianteira da aeronave e armários internos oferecem até 453 litros (16 pés cúbicos) extras, elevando a capacidade total do jato para 2.010 litros (71 pés cúbicos). Baseado no sistema de aviônica da Garmin, que é completamente integrado e totalmente digital, a cabine de comando Prodigy® oferece aos operadores dos jatos Phenom mais vantagens que qualquer outro conjunto de aviônica atualmente no mercado. A cabine de pilotagem dispõe de três monitores intercambiáveis de 12 polegadas, sendo dois Monitores Primários de Vôo (Primary Flight Displays – PFD) e um Monitor de Função Múltipla (Multi- Function Display – MFD). O sistema integra todas as informações primárias de vôo, navegação, comunicação, topologia, tráfego, meteorologia, instrumentação dos motores e sistemas de alerta à tripulação, e apresenta a informação consolidada nas três telas coloridas de alto brilho e alta definição, que são plenamente legíveis à luz do sol.

Dois motores PW617F-E da Pratt & Whitney Canada com 1.695 libras de empuxo cada equipam o jato. O alcance com quatro ocupantes é de 1.178 milhas náuticas (2.182 km ou 1.356 milhas) com reservas NBAA IFR (35 minutos de espera e alternativa de 100 milhas náuticas). A aeronave tem capacidade de voar a 12.497 metros (41 mil pés), atingidos em subidas diretas, mesmo com peso máximo. Além disso, o Phenom 100 foi projetado para decolagens e pousos em pistas curtas e para voar à velocidade máxima de Mach 0,70, ou 390 nós (True Air Speed – TAS). Estas características permitem aos clientes voar sem escalas de São Paulo a Buenos Aires, Argentina; de Recife a Brasília; de Buenos Aires ao Rio de Janeiro; ou de Caracas, Venezuela, a Manaus.

O jato recebeu o IF Award, na Alemanha, como melhor produto, em 2006, e melhor interior, em 2007, bem como o Good Design Award, na China, pelo melhor projeto, em 2006. Em maio de 2008, os editores da revista norte-americana Robb Report elegeram o Phenom 100 o melhor dos melhores jatos executivos (Best of the Best Business Jet).

Nas condições econômicas de janeiro de 2009, o Phenom 100, na configuração básica, tem preço de US$ 3,60 milhões para certificação FAA (Estados Unidos), US$ 3,65 milhões para certificação ANAC (Brasil) e US$ 3,68 milhões para a certificação EASA (União Européia).

Fonte: Embraer

Cavok nas redes sociais

61,056FãsCurtir
340Inscritos+1
6,104SeguidoresSeguir
10,510SeguidoresSeguir
2,140InscritosInscrever
Anúncios