Saab

Inicio Tags Saab AB

Tag: Saab AB

Saab fornece sistema de gestão de aeronaves e veículos em solo para o RIOgaleão

0
Sisteme criado pela SAAB para gerenciar trafego no solo. Foto: SAAB AB
Sisteme criado pela SAAB para gerenciar trafego no solo. Foto: SAAB AB

A Saab, empresa de Defesa e Segurança, assinou um contrato com o RIOgaleão, concessionária responsável pela gestão do Aeroporto Internacional Tom Jobim, no Rio de Janeiro, para fornecer uma plataforma de vigilância de superfície compartilhada. O sistema aumenta a eficiência nas operações das aeronaves em solo e contribui para a redução de atraso de voos. O Galeão, segundo aeroporto internacional mais movimentado do Brasil, será o primeiro aeroporto da América Latina a utilizar essa tecnologia.

Composto por sensores de multilateração instalados na superfície do aeroporto e pelo software Aerobahn Surface Manager (ASM), da Saab, a plataforma compartilhada permite que todos os agentes que operam na superfície do aeroporto, como as empresas aéreas, os operadores de solo e os prestadores de serviços de emergência, visualizem, em tempo real, a posição das aeronaves e veículos no aeroporto. Esse compartilhamento de informações proporciona agilidade às operações em superfície, resultando em reduções significativas de custos operacionais e atrasos de voos.

A capacidade de tráfego dos aeroportos está intimamente associada à velocidade e eficiência com que se desenvolvem as atividades entre o pouso e a decolagem de cada aeronave – o chamado tempo de turn around. Ou seja, quanto menor o tempo de turn around, mais voos as companhias aéreas podem operar”, diz Anders Carp, chefe da unidade de negócios de Gestão de Tráfego dentro da área de negócios de Vigilância, da Saab. “Com a plataforma compartilhada de vigilância de superfície, o Aeroporto Tom Jobim deverá aumentar sensivelmente os níveis de eficiência em sua operação, ao mesmo tempo que reduz o consumo de combustível e a emissão de CO2”, completa Anders.

Nós entendemos a importância do software Aerobahn nos aeroportos dos Estados Unidos que utilizam essa solução porque os operadores aeroportuários conseguem gerenciar os pátios com muito mais eficiência”, disse Carlos Rodriguez, gerente de operações do RIOgaleão. “Além disso, o sistema é uma ferramenta catalizadora e geradora de informações sobre a área de movimento do aeroporto, então, podemos aumentar a eficiência das operações do RIOgaleão em relação às interfaces estratégicas e táticas”.

Além de fornecer ferramentas para o gerenciamento das operações em superfície, em tempo real, a plataforma compartilhada de vigilância de superfície da Saab grava os movimentos de aeronaves e veículos para auxiliar investigações e análises de eventos críticos, como incidentes e congestionamentos. Com relatórios estatísticos detalhando o uso das pistas, portões e outros recursos do aeroporto, os operadores recebem uma imagem muito melhor sobre o andamento das atividades no aeroporto e onde as melhorias podem ser feitas.

A solução Aerobahn e o sistema de multilateração da Saab já são utilizados em diversos dos aeroportos mais movimentados do mundo, com resultados impressionantes, incluindo, nos Estados Unidos, o Aeroporto Internacional John F. Kennedy (JFK), em Nova York, e o Aeroporto Internacional Atlanta Hartsfield-Jackson (ATL), na Georgia. Dois anos após implementar o sistema Aerobahn, o ATL, maior aeroporto do mundo em tráfego de passageiros, reduziu significantemente os tempos de táxi, proporcionando economia operacional de US$ 97 milhões em combustível e atrasos.

O aumento do uso do transporte aéreo na América Latina, ao longo da última década, veio evidenciar a necessidade de melhoria da infraestrutura aeroportuária. Por isso acreditamos que, em breve, outros operadores aeroportuários adotarão mecanismos mais eficientes de gestão dos procedimentos realizados na superfície dos aeroportos”, explica Anders.

O Aeroporto Internacional Tom Jobim recebeu aproximadamente 17 milhões de passageiros em 2015 e tem a expectativa de atingir mais de 80 milhões de passageiros em 2039.

A Saab fornece soluções de Gestão de Tráfego Aéreo para clientes de aviação civil, aeroportos e companhias aéreas em mais de 40 países em seis continentes.

Anúncios

Propina a jato: Ministério Público e Polícia Federal entendem que pode ter havido irregularidade na compra dos 36 caças Gripen para a FAB

75
Gripen-NG-Mock-up (SGT Rezende - FAB)
Mock-up do JAS 39E Gripen, designado ‘F-39 Gripen’ pela FAB / © Paulo Rezende, em caráter ilustrativo

Superfaturamento de US$ 900 milhões na compra de 36 caças Gripen NG para a Força Aérea Brasileira (FAB) pode ter favorecido Luís Cláudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula, e o prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho.

BRASIL: Projeto do Gripen NG alavanca fabricante local

24
Primeiro protótipo do Saab JAS 39E Gripen (39-8) (10)
Primeiro protótipo do Saab JAS 39E Gripen (39-8) / © Saab AB

Empresas brasileiras parceiras estratégicas da fabricante sueca Saab AB para a produção do jato de combate de nova geração Gripen NG no Brasil preveem ganhos importantes com a cooperação tecnológica e com os planos suecos para ter o país como uma plataforma de exportação do aparelho.

FAB confirma intenção de adquirir mais caças Gripen no futuro

21
Primeiro protótipo do Saab JAS 39E Gripen (39-8) (4)
Primeiro protótipo do Saab JAS 39E Gripen (39-8) / © Saab AB

A fabricante sueca Saab apresentou no dia 18 de maio o primeiro protótipo do jato de combate da nova geração Gripen E, três anos antes de entregar o primeiro dos 36 aparelhos encomendados pela Força Aérea Brasileira (FAB) por US$ 4,7 bilhões. À margem da cerimônia de apresentação na fábrica de Linköping, no sul da Suécia, o negócio não só foi reafirmado, como a intenção dos dois lados é aumentar a transação com mais jatos no futuro, quando a FAB tiver que substituir aparelhos que ainda utiliza.

Apresentando: Gripen E [contém informações importantes sobre o projeto]

20
Primeiro protótipo do Saab JAS 39E Gripen (39-8) (7)
Primeiro protótipo do Saab JAS 39E Gripen (39-8) / © Saab AB

A empresa de defesa e segurança Saab apresenta o Gripen E, um caça de última geração. Em comparação aos modelos anteriores do Gripen, o Gripen E apresenta melhorias significativas no sistema aviônico. A capacidade de transportar mais armas e o melhor desempenho de alcance são proporcionados pelo motor ainda mais potente e a capacidade de carregar mais combustível. O Gripen E é equipado com um conjunto de sensores altamente sofisticados e integrados, dentre eles o radar Active Electronically Scanned Array (AESA), o Infra Red Search and Track (IRST), o pacote Electronic Warfare (EW), e a tecnologia datalink, que juntos fornecem ao piloto e seus cooperadores exatamente as informações que precisam, a qualquer momento.

Confira as primeiras imagens do Gripen E (NG)

92
13230899_10207702572737048_1329418113_o
Primeiro protótipo do Saab JAS 39E Gripen

Seguem abaixo as primeiras imagens do primeiro protótipo do Gripen E (NG), apresentado hoje nas instalações da Saab em Linköping, na Suécia.

Futuro caça da Força Aérea Brasileira, Gripen NG é apresentado hoje (18) na Suécia

13
Dirigentes da Saab conversam com os presentes durante o evento Gripen Evolution em Linköping, Suécia.
O Presidente e CEO da Saab, Sr. Håkan Buskhe, fala durante o evento Gripen Evolution em Linköping (Suécia), onde daqui a pouco será apresentado o primeiro protótipo do Gripen E.

O futuro caça da Força Aérea Brasileira (FAB) será apresentado nesta quarta-feira (18/05) em Linköping, na Suécia. O evento organizado pela fabricante Saab vai revelar ao mundo a primeira aeronave de teste da próxima geração, o Gripen E. No Brasil, o avião é denominado Gripen NG. O rollout será transmitido ao vivo no site da Saab a partir das 10h (horário de Brasília).

O Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, que acompanhará o rollout, destaca que a aeronave atendeu aos requisitos da FAB “nos aspectos operacional, logístico, técnico e na transferência de tecnologia”. Entre os aspectos operacionais, o Comandante destaca o alcance do novo caça. “Com as dimensões do Brasil, precisava ter um alcance expressivo”, detalha. E, para ser coerente com o alcance, o segundo aspecto é realizar reabastecimento em voo, ter baixo custo operacional e capacidade multiemprego.

top

Transferência de tecnologia – Até 2022, mais de 350 brasileiros vão trabalhar com o projeto Gripen na Suécia. Os profissionais vão atuar no desenvolvimento da aeronave, gerenciamento de projetos, desenvolvimento de simulares e certificação, dentre outras atividades. Segundo o Departamento de Produtos de Defesa do Ministério da Defesa, o projeto de aquisição dos caças Gripen NG vai gerar 9,1 bilhões de dólares em compensações para o Brasil. Isto atende à Estratégia Nacional de Defesa, que prevê capacitar a indústria nacional. As compensações beneficiam as empresas brasileiras Embraer, Akaer, SBTA, Atech, AEL, Mectron e Inbra, além do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), órgão da Aeronáutica em São José dos Campos (SP).

Doutrina – A transferência de informações não se restringe à parte técnica. Estende-se também à doutrina. Com esse objetivo, o de repassar aos outros pilotos de caça os conhecimentos adquiridos na Suécia, é que os capitães Gustavo Pascotto e Ramon Fórneas permaneceram seis meses no Esquadrão F-7, da Força Aérea Sueca.

A troca de experiências incluiu aulas teóricas, horas de simulador e de voo, com novas metodologias de emprego e de instrução. “Nós trouxemos bastante material focado na parte operacional e esperamos realmente empregar a aeronave em toda a sua capacidade”, afirmou o Capitão Fórneas na época de seu retorno ao Brasil. No final de janeiro de 2015, os militares brasileiros realizaram seus primeiros voos sozinhos na cabine de caças Gripen.

Relembre – O Brasil anunciou a escolha da nova aeronave de caça em dezembro de 2013. A ordem de serviço que autoriza a execução do contrato com a empresa Saab para aquisição de 36 aeronaves Gripen NG foi assinada em setembro de 2015. O contrato comercial inclui a compra de aeronaves de combate, suporte logístico e compra de armamentos necessários à operação dos caças. A previsão é que a primeira aeronave chegue ao País em 2019 e a última seja entregue em 2024.

Por possuir um motor de significativa potência, a nova aeronave permitirá, com facilidade, a realização de voos supersônicos em altas altitudes, o que é muito desejável para as ações de Defesa Aérea em ambiente de combate além do alcance visual. Além disso, os equipamentos embarcados de última geração permitirão uma melhor identificação de alvos.

O radar de bordo permitirá, com grande resolução e precisão, a designação de alvos no solo e o emprego de armamentos inteligentes, o que garantirá um aumento da eficiência tática da FAB. “O Gripen implementará uma verdadeira revolução tática e operacional na Força Aérea Brasileira. Elevada eficiência e precisão operacional, juntamente com baixo custo de operação: essa será a marca da nossa Aviação de Caça do futuro, que está próximo”, ressaltou o Capitão Gustavo, piloto do Primeiro Grupo de Defesa Aérea (1º GDA).

Infográfico F-39 Gripen - FAB
Infográfico F-39 Gripen – FAB, clique na imagem para ampliá-la.

Quanto a apresentação do primeiro protótipo do Gripen E (NG), lembramos a todos que o evento será transmitido ao vivo, no site da Saab, às 10h – horário de Brasília. O Cavok estará presente no evento, trazendo oportunamente todas as novidades relativas ao lançamento.

n the Saab brand there is an inherent motion: from military defence to civil security, from high tech to the individual, from history to future, from product to system, from action to safety. So having the single logotype signifies both that it is one company, one Saab, and that it is constantly moving forward.

divider 1

FONTE: Força Aérea Brasileira, Saab AB

EDIÇÃO: Cavok

Cavok visita o museu da Força Aérea Sueca

10
13224169_10207698185067359_780677843_o
Museu da Força Aérea Sueca, Flygvapenmuseum, localizado na cidade de Linköping, na Suécia.

A empresa sueca de defesa e segurança Saab AB reuniu há pouco os representantes da imprensa mundial e autoridades para um jantar de boas vindas no museu da Força Aérea Sueca, Flygvapenmuseum, localizado na cidade de Linköping, na Suécia, considerado um dos mais importantes museus aeronáuticos da Europa.

Presidente da Saab se diz confiante em acordo para Gripen no Brasil apesar de turbulências

10
globalassets-commercial-air-gripen-fighter-system-gripen-ng-gripenhdr2
Mock-up do JAS 39E Gripen, designado ‘F-39 Gripen’ pela FAB / © Saab AB, em caráter ilustrativo

LINKOPING, Suécia (Reuters) – A sueca Saab está olhando de perto a turbulência política no Brasil, que encomendou 36 de seus caças Gripen NG, mas não espera que a crise prejudique o programa, disse o presidente-executivo da empresa, Hakan Buskhe.

Saab apresenta o primeiro protótipo do Gripen E (NG)

3

37051-22406-1458171997.0.0

A empresa de defesa e segurança Saab dará o próximo passo na evolução do sistema do caça Gripen, dia 18 de maio, com a revelação da primeira aeronave de teste da próxima geração, o Gripen E.

SAAB: Faltam 13 dias para apresentação do primeiro protótipo do Gripen E (NG)

7

37051-22406-1458171997.0.0O grande dia está chegando. Está confirmada para o dia 18 de maio em Linköping, na Suécia, a apresentação oficial do primeiro protótipo do Gripen E (NG). O Cavok estará presente no evento, representado por Fernando Valduga, Editor Chefe do site, que nos trará todas as novidades relativas ao lançamento.

Saab e Atech firmam parceria no Programa Brasileiro dos Caças Gripen

6
F-39E Gripen, Saab AB
Concepção artística do Gripen E (F-39E Gripen) nas cores da FAB / © Saab AB, em caráter ilustrativo

A empresa de defesa e segurança Saab escolheu a Atech Negócios em Tecnologia S/A, como parceira no programa brasileiro do Gripen NG. A parceria abrange simuladores, sistemas de treinamento e sistemas de apoio terrestre.

O acordo com a Atech é parte do compromisso da Saab em oferecer cooperação industrial no âmbito do programa brasileiro do Gripen NG, firmado entre a Saab e o Governo Brasileiro (Ministério da Defesa, por meio do Comando da Aeronáutica / COMAER), em outubro de 2014. A Atech realizará extenso treinamento em campo e intercâmbio de trabalhos no programa brasileiro do Gripen NG. Durante o mês de maio, uma equipe de engenheiros da Atech será enviada à Suécia para participar do treinamento inicial. As habilidades e competências adquiridas serão posteriormente transferidas para o Brasil.

“A Saab e a Atech celebram uma parceria para o desenvolvimento de simuladores, sistemas de treinamento e sistemas de apoio terrestre para o Gripen NG. Forneceremos transferência de tecnologia para a Atech nessas áreas e, agora, damos as boas-vindas à primeira equipe de engenheiros da Atech, que participará do treinamento para o desenvolvimento do Gripen”, disse Mikael Franzén, diretor do Programa Gripen Brasil na Saab.

“A Atech se orgulha em participar, junto com a Saab, do Programa Gripen NG. A Atech possui um sólido histórico no apoio à Força Aérea Brasileira, em programas de transferência de tecnologia. Nossa participação representa a consolidação da expertise da Atech em áreas como Planejamento de Missões e Sistemas de Simulação. Estamos prontos para unir forças com a Saab, trabalhando como uma equipe integrada e dando suporte à Força Aérea Brasileira em suas necessidades de longo prazo”, declarou Edson Carlos Mallaco, presidente e CEO da Atech.

n the Saab brand there is an inherent motion: from military defence to civil security, from high tech to the individual, from history to future, from product to system, from action to safety. So having the single logotype signifies both that it is one company, one Saab, and that it is constantly moving forward.

divider 1

FONTE: Saab AB

EDIÇÃO: Cavok

Saab na Airport Infra Expo 2016

0
Screenshot_2016-03-28-21-09-25
© Akbarali Mastan, em caráter ilustrativo

No dia 14 de abril (amanhã), a empresa de defesa e segurança Saab participará da Airport Infra Expo 2016, em Brasília (DF). Além de apresentar soluções para a melhoria da eficiência na gestão de aeroportos, a Saab promoverá um workshop: Gestão de Operações de Superfície (Air side).

Durante a última década, o transporte aéreo brasileiro cresceu 3,5 vezes acima do PIB. Entretanto, o Brasil ocupa a 131ª posição no mundo, com relação à qualidade da infraestrutura aeroportuária. Tradicionalmente, o serviço de Vigilância de Superfície era oferecido como extensão do serviço de Controle de Tráfego Aéreo, dentro de uma perspectiva de prestação de serviço, por diferentes órgãos da administração pública.

“Neste cenário, investimentos na área de Vigilância de Superfície eram objeto de planejamento de longo prazo, sujeito a um orçamento extremamente contingenciado, tendo como foco principal a segurança das operações, conforme determinado pelos órgãos reguladores”, comentou Sergio Martins, diretor de Soluções de Tráfego Aéreo para a América Latina da Saab. ”Hoje, com a privatização dos aeroportos de maior movimento, torna-se relevante contemplar soluções de alta tecnologia, cujo foco principal seja promover mais eficiência aos serviços aeroportuários, sem prejuízo da segurança”.

Os pacotes de concessões aeroportuárias no Brasil, que permitiram a criação de concessionárias aeroportuárias privadas, promoveram um ambiente competitivo, que torna muito relevante a eficiência dos serviços prestados nos principais aeroportos brasileiros. Neste ambiente, em que atuam as concessionárias, as tomadas de decisão são orientadas para o aumento de eficiência operacional, como forma de aumento de lucratividade – sem abrir mão da segurança. O mesmo já acontece nos principais aeroportos do mundo, como Nova York, Paris e Hong Kong, que modernizaram a gestão das operações de superfície, com enorme impacto na percepção dos passageiros quanto ao serviço de transporte aéreo.

”A eficiência da Vigilância de Superfície tem impacto direto no resultado financeiro da concessionária, das empresas aéreas e dos demais stakeholders operando no ambiente aeroportuário”, comentou Martins. ”Uma mudança de paradigma está em curso. A cultura A-CDM (Airport Collaborative Decision Making) propõe um novo modelo de atuação de todas as entidades envolvidas na atividade aeroportuária, baseado no compartilhamento de informações e no aumento da consciência situacional, na busca da máxima eficiência das operações de superfície”.

Saab Flag (1)

Workshop – Gestão de Operações de Superfície (Air side)

AIRPORT INFRA EXPO 2016 

Data: 14 de abril de 2016 (Quinta-feira)

Hora: das 10h às 16h

Local: Airport Infra Expo 2016 – Sala 1

Endereço: Centro de Eventos e Convenções Brasil 21 – Brasília (DF)

Programação

  • 10h: Abertura do Workshop – Sergio Martins, diretor de ATM da Saab
  • 10h10: Perspectiva do DECEA – Brigadeiro do Ar Gustavo A. Camargo de Oliveira, diretor do Cindacta 1
  • 11h: Perspectiva da ANAC – Alberto Gonçalves de Pinho, superintendente de Infraestrutura Aeroportuária
  • 11h20: A iniciativa pioneira do RIOGaleão – Paulo Sérgio de J. Barcellos, gerente do Apron Control
  • 11h40: Experiência em Controle de Pátio – Andreas Montag, gerente de Projetos da Frankfurt Airport Services
  • 12h: Painel de debates
  • 14h: Consciência Situacional de Superfície – Sergio Martins, diretor de ATM da Saab
  • 14h20: Safegate – Niclas Svedberg, gerente de Desenvolvimento de Negócios
  • 14h40: Saipher – Luiz Moreira, diretor de Produto ATC/ATM
  • 15h: O posicionamento da Infraero Serviços – superintendente de Projetos, Custos e Procedimentos de Engenharia da Infraero
  • 15h30: Painel de debates

n the Saab brand there is an inherent motion: from military defence to civil security, from high tech to the individual, from history to future, from product to system, from action to safety. So having the single logotype signifies both that it is one company, one Saab, and that it is constantly moving forward.

divider 1

FONTE: Saab AB

EDIÇÃO: Cavok

VÍDEO: Saab JAS 39C Gripen

13
JAS 39C Gripen
JAS 39C Gripen – Força Aérea Sueca

O sueco Peter Degerfeldt, fundador da Blue Sky, que tem mais de 30 anos de experiência em filmagens de ação e aventura, publicou ontem um belo vídeo contendo imagens de um caça JAS 39C Gripen pertencente à Força Aérea Sueca (Flygvapnet).

Saab na LAAD Security 2016

0
Saab Flag (1)
© Saab AB

A Saab, empresa da área de defesa e segurança, estará presente na LAAD Security 2016, que acontece de 12 a 14 de abril. Na exposição, a Saab demonstrará como tecnologia avançada e pensamento inovador podem ajudar a manter nações e sociedades em segurança.

Dilma diz que governo faz esforço para manter projetos militares em momento de ajuste

17
Mock-up do Gripen NG exposto em Brasília (Foto Sgt Johnson – Agência Força Aérea)
Mock-up do JAS 39E Gripen, designado ‘F-39 Gripen’ pela FAB / © Sgt Johnson – Agência Força Aérea, em caráter ilustrativo

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta quarta-feira em um evento com militares que o governo tem se esforçado para dar sequência a projetos estratégicos das Forças Armadas, como a aquisição de caças supersônicos e o sistema de monitoramento das fronteiras, em meio a um cenário fiscal difícil.

Mais um grupo de brasileiros chega à Suécia para atuar no programa Gripen NG

1
Gripen-NG-Mock-up (SGT Rezende - FAB)
Mock-up do JAS 39E Gripen, designado ‘F-39 Gripen’ pela FAB / © SGT Rezende, em caráter ilustrativo

A Saab, empresa de Defesa e Segurança, em breve receberá o próximo grupo de brasileiros que irá trabalhar no desenvolvimento dos caças Gripen adquiridos pela Força Aérea Brasileira (FAB). Eles fazem parte do processo de transferência de tecnologia firmado entre a Saab e o Brasil, em outubro de 2014, como parte do contrato para fornecimento de 36 Gripen NG para a FAB.

SAAB: controlando o tráfego aéreo remotamente

1
Remote-Control-Tower-by-Saab-2
© Saab AB

No video a seguir, a empresa de defesa e segurança Saab AB apresenta soluções para o controle remoto de tráfego aéreo, onde é possível gerir, inclusive, mais de um aeroporto ao mesmo tempo. Por meio de câmeras de alta definição, sensores meteorológicos, microfones e outros dispositivos, os controladores operam o aeroporto de maneira semelhante ao que fariam em uma torre tradicional.

Saab promove o Gripen na FIDAE 2016

33
received_10207354726881119
Mock-up do JAS 39E Gripen no stand da Saab na FIDAE 2016

Começou ontem a 19ª edição da Feira Internacional do Ar e do Espaço, ou FIDAE, e uma das atrações do evento é exposição, por parte da empresa sueca de defesa e segurança Saab AB, de uma maquete em tamanho real do caça multifunção JAS 39E Gripen, já adquirido para renovação da frota de aeronaves de combate das Forças Aéreas da Suécia e do Brasil. No evento, o fabricante sueco busca consolidar e expandir sua presença na América Latina, promovendo a aeronave para outros países, considerados clientes em potencial para o caça.

Saab levará os Sistemas de Multilateração de Grande Área para Cúcuta e Medellín na Colômbia

0
Screenshot_2016-03-28-21-09-25
© Akbarali Mastan, em caráter ilustrativo

A Saab, empresa de defesa e segurança, anuncia que foi selecionada para a instalação de sistemas de vigilância de Multilateração de Grande Área (WAM) nos arredores de Cúcuta e Medellín (Aeroporto Olaya Herrera), pela Aeronáutica Civil da Colômbia (Aerocivil).

Cavok nas redes sociais

61,818FãsCurtir
340Inscritos+1
6,305SeguidoresSeguir
2,505SeguidoresSeguir
10,510SeguidoresSeguir
2,390InscritosInscrever
Anúncios