Saab

fiqueemcasa

Inicio Tags U.S. Navy

Tag: U.S. Navy

Marinha dos EUA descomissiona “The Big E”

2
O porta-aviões USS Enterprise (CVN-65) quando navegava em 2012 durante a Operação Liberdade Duradoura. (Foto: U.S. Navy / Mass Communication Specialist 3rd Class Daniel Meshel)

O porta-aviões nuclear USS Enterprise (CVN 65), primeiro porta-aviões com propulsão nuclear do mundo, foi descomissionado durante uma cerimônia realizada na doca do navio, no dia 3 de fevereiro, em Newport News, Virginia.

Anúncios

Sistema ALMDS AN/AES-1 da Marinha dos EUA atinge Capacidade Operacional Inicial

1
Um helicóptero MH-60S Seahawk equipado com o sensor ALMDS AN/AES-1 da Northrop Grumman. (Foto: U.S. Navy)

O sistema aerotransportado de detecção a laser de minas (ALMDS – Airborne Laser Mine Detection System) AN/AES-1 da Marinha dos Estados Unidos, projetado e fabricado pela Northrop Grumman Corporation, alcançou a Capacidade Operacional Inicial. O ALMDS fornece um rápido e amplo reconhecimento de área e avaliação de ameaças de minas em faixas marítimas, zonas litorâneas, estreitos confinados, pontos de estrangulamento e áreas de operações anfíbias.

Boeing retoma conceito do Advanced Super Hornet com menos recursos

19
A Boeing vai trabalhar num conceito mais acessível do Advanced Super Hornet visando a Marinha dos EUA. (Foto: Boeing)

A Boeing Defense “amadureceu sua ideia” sobre o conceito Advanced Super Hornet lançado em 2013 e testado em voo, revelando uma configuração reduzida esta semana com menos recursos furtivos e talvez uma maior chance de ser adquirido pela Marinha dos EUA.

VÍDEO: Rhino Ball 2016

5

f18-hornet-sunset-1

Um belo vídeo provando mais uma vez que os pilotos da U.S Navy são os melhores no que fazem.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=FFKorQXUAkA]

IMAGENS: Aeronaves da Marinha dos EUA recepcionam novo destróier furtivo USS Zunwalt

14
A aeronave F-35C "CF-02" sobrevoa o novo destróier de mísseis guiados USS Zunwalt quando esse chegava em Cheasepeack Bay. (Foto: U.S. Navy / Andy Wolfe/Released)
A aeronave F-35C “CF-02” sobrevoa o novo destróier de mísseis guiados USS Zumwalt quando esse chegava em Chesapeake Bay. (Foto: U.S. Navy / Andy Wolfe/Released)

Um caça Lockheed Martin F-35C Lightning II, parte da Força Integrada de Testes (ITF) F-35, atribuído ao Esquadrão de Avaliação e Teste Aéreo (VX) 23, “Salty Dogs”, da Estação Aérea da Marinha de Patuxent River, Maryland, aproveitou uma sessão de fotos do novo destróier furtivo de mísseis guiados USS Zumwalt (DDG 1000) e realizou uma passagem sobre a embarcação, quando terminava um voo de teste perto da estação naval no dia 17 de outubro. Além do F-35C, outras aeronaves também deram as boas vindas ao novo destróier.

Novo sistema AAG da Marinha dos EUA realiza primeiro teste com aeronave tripulada

3
Um caça Super Hornet da Marinha dos EUA foi a primeira aeronave tripulada a realizar um pouso enganchado no novo sistema Advanced Arresting Gear (AAG). (Foto: U.S. Navy)
Um caça Super Hornet da Marinha dos EUA foi a primeira aeronave tripulada a realizar um pouso enganchado no novo sistema Advanced Arresting Gear (AAG). (Foto: U.S. Navy)

O novo sistema de recuperação de aeronaves embarcadas em porta-aviões da Marinha dos EUA, o Advanced Arresting Gear (AAG), completou com sucesso um primeiro teste de recuperação de um caça multimissão F/A-18E Super Hornet, no Runway Arrested Landing Site em Lakehurst, New Jersey, no dia 13 de outubro.

Aeronaves da Marinha dos EUA certificadas para reabastecer com KC-767A da Força Aérea Italiana

2
Um caça F/A-18 Hornet do VX-23 reabastece em voo com um KC-767A da Força Aérea Italiana. (Foto: Aeronautica Militare)
Um caça F/A-18 Hornet do VX-23 da Marinha dos EUA reabastece em voo com um KC-767A da Força Aérea Italiana. (Foto: Aeronautica Militare)

Como parte de um programa da OTAN para aumentar a interoperabilidade relativa as operações de reabastecimento aéreo, a Marinha dos Estados Unidos (U.S. Navy) obteve a certificação que autoriza o componente de caças de sua força a reabastecer com as aeronaves Boeing KC-767A da Força Aérea Italiana (Aeronautica Militare).

Marinha dos EUA solicita 10 novos helicópteros não tripulados MQ-8C Fire Scouts

0
A linha de produção do MQ-8C Fire Scout na unidade da Bell Helicopter em Ozark, Alabama. (Foto: Bell Helicopter)
A linha de produção do MQ-8C Fire Scout na unidade da Bell Helicopter em Ozark, Alabama. (Foto: Bell Helicopter)

A Northrop Grumman assinou um contrato para construir 10 novos helicópteros não tripulados MQ-8C Fire Scout para a Marinha dos EUA (U.S. Navy), oferecendo aos comandantes marítimos a capacidade persistente, em tempo real, de inteligência, vigilância e reconhecimento (ISR).

Boeing e Lockheed recebem novos contratos da Marinha dos EUA para o sistema CBARS

5
A Boeing recebeu um contrato de 43 milhões de dólares para diminuir os riscos no programa CBARS da Marinha dos EUA. (Foto: Boeing)
A Boeing recebeu um contrato de 43 milhões de dólares para diminuir os riscos no programa CBARS da Marinha dos EUA. (Foto: Boeing)

A concorrência de quatro vias para construir o novo sistema aéreo não tripulado (UAS) embarcado da Marinha os EUA deve começar a rever os projetos já existentes há um ano, estudos preliminares que foram apresentados antes da mudança no tipo de missão.

Marinha dos EUA aprova início da produção do MQ-4C Triton

0
A Marinha dos EUA aprovou o início da produção em escala baixa do Northrop Grumman MQ-4C Triton. (Foto: Northrop Grumman)
A Marinha dos EUA aprovou o início da produção em escala baixa do Northrop Grumman MQ-4C Triton. (Foto: Northrop Grumman)

A Marinha dos EUA anunciou que o Sistema de Aeronave Não Tripulada (UAS) MQ-4C Triton recebeu a aprovação Milestone C no dia 22 de setembro, a qual permite ao programa entrar na Produção Inicial de Taxa Baixa (LRIP), a primeira etapa da produção em série e a sua fase de implantação. A decisão foi autorizada pelo subsecretário de Defesa para Aquisição, Tecnologia e Logística (AT&L) Frank Kendall.

Marinha dos EUA e Força Aérea Italiana ampliam capacidades de reabastecimento do KC-767A

1
Um Boeing KC-767A da Força Aérea Italiana inicia os testes de avaliação do sistema de reabatecimento aéreo com uma aeronave F/A-18C Hornet, durante um teste no dia 25 de agosto, em Patuxent River, Maryland. (Foto: NAVAIR)
Um Boeing KC-767A da Força Aérea Italiana inicia os testes de avaliação do sistema de reabatecimento aéreo com uma aeronave F/A-18C Hornet, durante um teste no dia 25 de agosto, em Patuxent River, Maryland. (Foto: NAVAIR)

Os testes para os aviões de caça da Marinha dos EUA para receber combustível em voo da aeronave KC-767A da Força Aérea Italiana está em andamento na Estação Naval de Patuxent River, Maryland.

Marinha dos EUA perde segundo T-45 em acidente em menos de um mês

1
Jato de treinamento avançado T-45C Goshawk da Marinha dos EUA. (Foto: U.S. Navy)
Jato de treinamento avançado T-45C Goshawk da Marinha dos EUA. (Foto: U.S. Navy)

Um jato de treinamento avançado T-45 Goshawk da Marinha dos EUA caiu nessa quarta-feira (07/09) em uma área densamente arborizada da Estação Aérea da Marinha (NAS) de Meridian, no Mississippi. Essa é a segunda aeronave T-45 perdida pela Marinha dos EUA em acidentes em menos de um mês.

Caça russo Su-27 chega muito próximo de aeronave P-8A Poseidon em “interceptação insegura”

19
Uma aeronave de caça Su-27 russa se aproximou de forma insegura de um P-8A durante interceptação sobre o Mar Negro. Na imagem, um Su-27 durante exercício conjunto em 2013.
Uma aeronave de caça Su-27 russa se aproximou de forma insegura de um P-8A durante interceptação sobre o Mar Negro. Na imagem, um Su-27 durante exercício conjunto em 2013.

Um caça russo Sukhoi Su-27 Flanker chegou à menos de 4 metros de distância de uma aeronave de patrulha marítima P-8A Poseidon da Marinha dos EUA sobre o Mar Negro, nessa quarta-feira (07/09), conforme um boletim divulgado pelo Departamento de Defesa dos EUA.

IMAGENS: Caças F-35C finalizam terceira e última fase de testes embarcados

25
O F-35C (CF-03) armado com bombas guiadas a laser GBU-12 e mísseis ar-ar AIM-9X Sidewinder nos pontos externos sob as asas, a bordo do USS George Washington, com o piloto Maj Eric Northam a bordo. (Foto: U.S. Navy)
O F-35C (CF-03) armado com bombas guiadas a laser GBU-12 e mísseis ar-ar AIM-9X Sidewinder, a bordo do USS George Washington, com o piloto Maj Eric Northam a bordo. (Foto: U.S. Navy)

A Força de Teste Integrada (ITF) do F-35 de Patuxent River completou a terceira e última fase de testes de desenvolvimento (DT-III) para a variante F-35C Lightning II a bordo do porta-aviões USS George Washington (CVN 73), ao largo da costa da Virgínia. Os testes foram iniciados no dia 14 de agosto e finalizaram no dia 25 de agosto, uma semana mais cedo do que o previsto.

Piloto da Marinha dos EUA descreve como é voar no F-35C

12
Um piloto da Marinha dos  EUA relatou como é voar com o caça F-35C que atualmente passa por uma qualificação a bordo do porta-aviões USS George Washington. (Foto: U.S. Navy /Mass Communication Specialist 3rd Class Wyatt L. Anthony)
Um piloto da Marinha dos EUA relatou como é voar com o caça F-35C que atualmente passa por uma qualificação a bordo do porta-aviões USS George Washington. (Foto: U.S. Navy /Mass Communication Specialist 3rd Class Wyatt L. Anthony)

Um piloto da Marinha dos EUA divulgou a impressão dele ao pilotar o novo caça Lockheed Martin F-35C Lightning II, que atualmente está passando pela sua terceira avaliação operacional e qualificações (DT-III) a bordo do porta-aviões USS George Washington (CVN 73). O relato foi divulgado pela Marinha dos EUA no seu site oficial.

Caças F-35 Lightning II realizam com sucesso recorde de testes de lançamento de armas

4
O F-35C (CF-08) do VX-9 na configuração Block 3F lança uma GBU-31(v)2, com o Maj Corey ‘Rufus’ Florendo nos controles, durante testes sobre China Lake Weapon Impact Range. (Foto: Lockheed Martin)
O F-35C (CF-08) do VX-9 na configuração Block 3F lança uma GBU-31(v)2, com o Maj Corey ‘Rufus’ Florendo nos controles, durante testes sobre China Lake Weapon Impact Range. (Foto: Lockheed Martin)

A Lockheed Martin concluiu uma importante fase de testes com armamentos e software do novo Block 3F para o caça F-35. No total foram lançadas doze tipos de armas, durante 25 voos, a partir de caças F-35 Joint Strike Fighters durante testes a partir da Base Aérea de Edwards, California, definindoum novo recorde para uma sessão de testes. Historicamente, os testes são realizados uma vez por mês, dada a infinidade de coordenação necessária. O número mais alto anteriormente realizado em um mês, ocorreu há três anos, em novembro de 2014, durante os testes do software 2B.

IMAGENS: Caça F-35C inicia últimos testes embarcados

2
Caça F-35C pousa USS George Washington, durante última rodada de testes embarcados. (Foto: US Navy / MCS2C Kris R. Lindstrom)
Caça F-35C pousa USS George Washington, durante última rodada de testes embarcados. (Foto: US Navy / MCS2C Kris R. Lindstrom)

Para piloto da Marinha dos EUA, tenente Graham “Boss” Cleveland, o pouso do novo caça F-35C a bordo do porta-aviões USS George Washington em movimento foi um alívio. Mas o alívio não veio porque o pouso do novo caça da Marinha seja mais difícil – o caça vem com programa chamado Delta Flight Path que funciona como uma espécie de controle de cruzeiro para a aeronave, que pode ajudar a tornar essa operação crucial mais fácil – mas sim porque este dia tem demorado muito tempo para chegar.

E nos EUA…

0
Um jato de treinamento BAe/McDonnell Douglas T-45C da Marinha dos EUA. (Mass Communication Specialist Seaman Justin R. Pacheco / U.S. Navy)
Um jato de treinamento BAe/McDonnell Douglas T-45C da Marinha dos EUA. (Mass Communication Specialist Seaman Justin R. Pacheco / U.S. Navy)

Um jato de treinamento T-45C Goshawk da Marinha dos EUA caiu ao sudoeste da Estação Naval (NAS) de Kingsville, Texas, ao redor das 21:20 hora central, cerca de 19:20 horário de Brasília, no dia 14 de agosto.

Qual o custo de hora de voo de algumas aeronaves militares dos EUA

14

Uma formação em voo de um F-15C, Eagle, um F-15E strike Eagle, um A-10 Thunderbolt II e um F-22 Raptor, na região da Base Aérea de Davis-Monthan, Arizona. (Foto: U.S. Air Force / TSgt Ben Bloker)
Uma formação em voo de um F-15C, Eagle, um F-15E strike Eagle, um A-10 Thunderbolt II e um F-22 Raptor, na região da Base Aérea de Davis-Monthan, Arizona. (Foto: U.S. Air Force / TSgt Ben Bloker)
O último relatório de gerenciamento financeiro do Departamento de Defesa (DoD) dos Estados Unidos, sobre as taxas de reembolso, oferece um vislumbre do quanto custa para voar os aviões da Força Aérea e da Marinha dos Estados Unidos, por hora de voo.

Aeronave V-22 Osprey voa com peça feita em impressora 3D

0
Um MV-22B Osprey equipado com uma parte feita em impressora 3D realiza um voo pairado de demonstração na Estação Naval de Patuxent River, Maryland, no dia 29 de julho. (Foto: U.S. Navy)
Um MV-22B Osprey equipado com uma parte feita em impressora 3D realiza um voo pairado de demonstração na Estação Naval de Patuxent River, Maryland, no dia 29 de julho. (Foto: U.S. Navy)

A Marinha realizou recentemente seu primeiro voo bem sucedido com um tiltrotor V-22 utilizando um componente “crítico para a segurança” na fabricação da aeronave que foi construído usando tecnologia de impressão 3D.

Cavok nas redes sociais

62,521FãsCurtir
340Inscritos+1
6,523SeguidoresSeguir
2,505SeguidoresSeguir
10,510SeguidoresSeguir
2,780InscritosInscrever
Anúncios