O grande avião está estacionado em Kiev desde 2010. Literalmente está abandonado na Ucrânia devido à guerra civil na Líbia.

O Tribunal Internacional de Arbitragem Comercial decidiu que a Líbia deve pagar US$ 1,2 milhão em atraso. A estatal Antonov vai prosseguir com o leilão se a Líbia não fizer o pagamento referente a manutenção e armazenamento da aeronave.

Conforme relatado, a Ucrânia vendeu dois aviões de transporte An-124-100 Ruslan para a Líbia no início dos anos 2000. O custo do negócio não foi divulgado.


FONTE: Interfax

Anúncios

10 COMENTÁRIOS

  1. Destruiram a Líbia e agora não sabem o que fazer com aquela terra de ninguem.

    • De fato foi um desserviço o que fizeram na Líbia! Longe de gostar de Kadafi, muito pelo contrário, mas ele tal como Saddam Hussein era mais útil no poder do que deposto.

      • O Obanana acreditava em Papai Noel e em Fundamentalista Islâmico Moderado.

        • Nesse caso, os principais culpados foram os europeus. Mas estavam dentro da linha política do Obama, que teve que socorre-los. Assim como o Bush também fez merd@ no Iraque.
          Impor democracia não funciona, ela precisa florecer naturalmente pelo desejo da população como um todo. Tem muita gente que defende democracia apenas para tomar conta do poder, aproveitando da apatia ou preguiça do povo. Lembra algum lugar?

          • Vamos combinar que o Obanana era tão socialista que parecia até primeiro-ministro na bambilândia.

  2. Também concordo.

    Além das "personalidades" citadas, Assad, os Aiatolás, e os demais "ditadores" do OM são a Pedra Angular de seus respectivos povos/regimes.

    E assim deve ser.

    Há povos que, pela sua cultura e história, não se adaptariam/ão nunca ao regime "democrático" ocidental.

    Deixai-vos em paz!

    • Acho que só interessaria a um destes 3 operadores civis.
      Hoje só sobram 20 An-124 militares na Força Aérea Russa em processo de modernização até 2020, além de 3 empresas civis, a Volga-Dnepr russa com 15 unidades, a Antonov Airlines ucraniana com 7 unidades e a Maximus Air Cargo dos Emirados Arabes Unidos com uma aeronave, seu avião mais usado é o Il-76.
      A Volga-Dnepr usa 12 e está recebendo mais 3 reativados, ja chegou a dizer que se interessaria pelos 20 da Força Aérea Russa antes de decidirem pela sua modernização e continuidade em uso, como o maior avião russo em fabricação hoje é o Il-476, o An-124 deve voar por mais muito tempo na Força Aérea Russa.
      .
      Interessante esta Maximus dos EAU estar voando mundo afora com seus aviões ucranianos e russos, não sei como conseguem manter esta frota em voo, não deve ser barato de manter.
      . http://maximus-air.com/fleet

Comments are closed.