Bombardeiro Northrop Grumman B-2 Spirit.

A Força Aérea dos EUA (USAF) enviará várias aeronaves, incluindo um B-2, um F-22 e um VC-25 (conhecido como Air Force One quando o presidente está a bordo) para sobrevoar Washington, D.C., no dia 4 de julho, como parte da celebração planejada pelo presidente Donald Trump no Lincoln Memorial.

Um oficial do Departamento de Defesa confirmou que a parte do sobrevoo da Força Aérea dos EUA seria com duas aeronaves furtivas e o Air Force One, com outras aeronaves participantes, incluindo do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA, dos Blue Angels e do próximo Marine One. Além dos sobrevoos, os veículos de combate Bradley do Exército estarão em exibição.

Lockheed Martin F-22 Raptor.

A Administração Federal de Aviação (FAA) anunciou que está suspendendo as operações no vizinho Aeroporto Nacional Reagan, a partir das 18h15 às 19h45 para os sobrevoos e das 21h às 21h45 para espetáculo de fogos de artifício.

Boeing VC-25 (747-200).

O evento, chamado “Salute to America”, incluirá músicas da Old Guard Fife e do Drum Corps, da Banda do Exército dos EUA (Pershing’s Own), do Coro das Forças Armadas e da Equipe Silent Drill dos Fuzileiros Navais dos Estados Unidos, entre outros, incluíndo o Departamento do Interior. O Pentágono não comentou oficialmente sobre a participação militar no evento nem sobre os custos dos sobrevoos.


Fonte: Air Force Magazine

Anúncios

1 COMENTÁRIO

  1. Cada qual usa o que tem.
    Em 2022 poderemos ter o vôo dos KC-390 + Gripens sobre Brasília na comemoração dos nossos 200 anos de independência.
    O que será uma vitória..

Comments are closed.