Estudantes do IPEV tiveram a oportunidade de voar no caça Gripen D na Suécia.

Quatro estudantes brasileiros do Instituto de Pesquisas e Ensaios em Voo (IPEV), da Força Aérea Brasileira (FAB) estiveram na Saab, em Linköping, Suécia, para a realização do exame final, no qual avaliaram o Gripen em missões ar-ar e ar-solo. Confira como foi no vídeo a seguir.

Os estudantes, dois pilotos e dois engenheiros de ensaio em voo, juntamente com seus instrutores brasileiros, estiveram na Saab, em maio, e foram recebidos por representantes do Departamento de Ensaios em Voo da empresa para as aulas teóricas, de segurança e simulações e voos com o Gripen D.

“Foi uma honra receber os estudantes do IPEV e vê-los treinar em um Gripen. Esses futuros pilotos e engenheiros de voo serão a espinha dorsal no nosso processo de cooperação no desenvolvimento do Gripen do Brasil. Em breve, eles também tornarão realidade a prática de ensaios em voo com os caças brasileiros, em Gavião Peixoto”, comentou Mikael Olsson, Comandante no Departamento de Ensaios em Voo da Saab Aeronáutica.

Os alunos do Curso de Ensaios em Voo do IPEV receberam, desde o início do ano passado, lições práticas e teóricas sobre desempenho, qualidades de voo e sistemas de aeronaves. Agora, ao final do curso, eles têm como missão aplicar todo o conhecimento adquirido em uma avaliação de aeronave de alto desempenho fora do país para o levantamento do relatório final.

“Na conclusão de curso, devemos pilotar uma aeronave que nunca voamos antes. A Saab nos deu essa grande oportunidade de realizar a nossa avaliação final com um Gripen”, explicou o capitão David Escosteguy, piloto da Força Aérea Brasileira “A nossa primeira impressão sobre o Gripen foi de que se trata de uma aeronave de alto nível tecnológico, altamente qualificada para combate ar-ar e ar-solo. É muito impressionante”.

Após a finalização do relatório, já no Brasil, os alunos devem se formar e dar continuidade ao trabalho no IPEV.

“Vamos trabalhar em parceria com os pilotos nos projetos designados pela FAB ou pela Marinha brasileira em voos realizados no território nacional além de seremos indicados para os testes de programas de campanha com as aeronaves da FAB”, disse o Tenente Marcelo dos Santos Botelho Gonçalves, da Marinha do Brasil.

“Ficamos felizes em receber os alunos do IPEV na Saab. Esta foi mais uma excelente oportunidade para a Saab demonstrar o sistema Gripen à Força Aérea Brasileira. A comunicação e a cooperação entre os pilotos suecos e brasileiros nessas duas semanas em Linköping fortaleceu ainda mais a nossa parceria e o relacionamento entre os dois países”, finalizou Lars Nyström, diretor de vendas e marketing da Saab na unidade de negócios Gripen Brasil.

SEM COMENTÁRIOS