As tripulações dos esquadrões de mobilidade aérea da USAF rotineiramente entregam suprimentos e pessoal para as diversas áreas de atuação dos militares norte americanos, mas uma tripulação de uma aeronave C-17 Globemaster III recentemente realizou uma tarefa adicional: servir de meio de navegação para a tripulação de um bombardeiro B-1 Lancer sobre o Afeganistão. Durante uma missão de lançamento de carga aérea de rotina no Afeganistão, um C-17 atribuído ao 816º Esquadrão de Transporte Aéreo Expedicionário recebeu um chamado de emergência de um B-1, e serviu como apoio de navegação que tinha perdido todo sistema de navegação e estava sem saber sua exata localização. Graças ao apoio do C-17, que foi informado pelo rário do problema no B-1, a tripulação do bombardeiro conseguiu retornar com segurança para base.

Anúncios

2 COMENTÁRIOS

  1. Eita.. Já imaginaram se o bombardeiro B-1 Lancer fosse fabricado pela Embraer?

    Que pau ia levar aqui.. rsrsrs

  2. Que beleza de pilotos.Os cara fica sem GPS e num sabe mais acha o caminho de casa?Pra isso a China desenvolve mísseis anti-satélite…, funciona.

Comments are closed.