J-20-missile-2

A Lockheed apresentou no dia 11 de abril um vídeo mostrando as capacidades de armas laser de alta energia. Num dos segmentos do vídeo mostra um F/A-18E Super Hornet num duelo contra um J-20. O caça chinês lançou um míssil de curto que foi derrotado por um pod de laser montado sob a asa do Super Hornet.

J-20-missile

É amigos, o futuro cada vez mais próximo.


FONTE: Lockheed Martin

Anúncios

30 COMENTÁRIOS

  1. o sistema President S não seria parecido com esse?
    lembro daquele vídeo promocional de um Mi-8 equipado com tal sistema fazendo o mesmo contra mísseis IR.

  2. Se realmente virar realidade esse tiroteio de laser defensivo, as únicas opções para derrubar outra aeronave seria o canhão interno ou outra arma laser ofensiva.

  3. Para contratar esses pods, seria legal um míssil que ao ser acertado pelo laser se fragmentasse em mísseis menores, ai creio que o pod não seria tempo de dar "target" em todos.

  4. aguardando a inauguração da USS Enterprise !

    Vida longa e prospera !

  5. O problema é quando começarem a mirar essas armas diretamente nos cockpits dos aviões, bem como em tropas terrestres, causando cegueira instantânea. Esse problema ético já fora levantado há alguns anos, mas pelo visto os EUA jogaram a questão pelo ralo.

    • Até porque não é uma arma, e sim uma contra-medida afim de destruir/danificar um míssil com seeker IR.

      • Pode ser usado como arma sim, não lembra daquele vídeo que o laser mirou no míssil que esquentou até explodir? Só que era um laser enorme, depende da potência.

        • Claro que pode ser usado como uma arma! Mas nesse caso, é uma contra-medida.

Comments are closed.