O Embraer E190-E2 conquistou mais um aeroporto desafiador, ao pousar no Aeroporto Gonggar de Lhasa, na China. (Foto: Embraer)

Somando-se à já impressionante lista de conquistas, o Embraer E190-E2 “Shark” pousou na semana passada no Aeroporto Gonggar de Lhasa, localizado à 3.570 metros de altitude, enquanto continua sua demonstração pela China.

Com a baixa densidade do ar de suas altas altitudes e temperaturas quentes, a carga útil e a autonomia das aeronaves são geralmente limitadas. No entanto, o E2 foi impecável.

O E190-E2 visitará várias cidades chinesas até o dia 20 de novembro, demonstrando sua eficiência insuperável, nova cabine espaçosa e extraordinário desempenho. Ele fará paradas em outros aeroportos de alta altitude mais desafiadores do país.

O E2 também estará em exibição no Zhuhai Air Show de 6 a 8 de novembro, onde a Embraer também demonstrará o E2 em realidade virtual.

A China abriga a segunda maior frota de E-Jets do mundo. E no final deste ano, o cliente de lançamento da E2, a Fuzhou Airlines, receberá o primeiro E190-E2 do país.

O E190-E2 voou em todo o mundo este ano. Ele visitou os EUA, a África e a Europa. Acabou de concluir as visitas na região da Ásia-Pacífico, onde demonstrou sua capacidade de longo alcance. Alguns dos trechos foram feitos sem escalas, em voos com duração de quase seis horas.

2 COMENTÁRIOS