Chegada do CH-53K King Stallion na Estação Aérea da Marinha da Patuxent River, Maryland, no dia 30 de junho. (Foto: U.S. Navy)

O primeiro pouso do helicóptero CH-53K King Stallion na Estação Aérea da Marinha (NAS) de Patuxent River, Maryland ocorreu no dia 30 de junho. O helicóptero partiu do Centro de Voo de Desenvolvimento da Sikorsky em West Palm Beach, Flórida, e é o primeiro de sete helicópteros CH-53K que deverão chegar na estação ao longo dos próximos 12 meses.

O helicóptero CH-53K voou do Centro de Desenvolvimento de Voo da Sikorsky em West Palm Beach para PAX, uma distância de aproximadamente 1.300 quilômetros. O tempo total de voo foi de seis horas, com duas paradas para abastecer em rota, na Estação Aérea de Mayport, Flórida, e Estação Aérea dos Fuzileiros de New River, Carolina do Norte. Veja o vídeo abaixo:

“Este primeiro movimento de testes de voo CH-53K para as instalações de nossos clientes indica que a aeronave alcançou uma maturidade suficiente para começar a transição do foco do programa de teste para expansão do envelope para testes de qualificação do sistema”, disse o Dr. Michael Torok, vice-presidente da Sikorsky para os Programas CH-53K.

As quatro aeronaves do modelo de desenvolvimento de engenharia (EDM) do CH-53K já completaram mais de 450 horas de teste de voo no Centro de Desenvolvimento de Voo da Sikorsky em West Palm Beach e continuam progredindo até os limites do envelope operacional com cargas internas e externas.

Na NAS Patuxent River, o helicóptero passará por vários eventos de testes de qualidade de voo, testes no solo e de aviônica. Este particular CH-53K é um Modelo de Desenvolvimento de Engenharia e Fabricação (EDM), projetado especificamente para demonstrar as capacidades da plataforma ao longo do processo de teste. O helicóptero será operado e mantido por uma equipe conjunta do Esquadrão de Avaliação e Teste de Voo (HX) 21, pilotos da NAVAIR e da Sikorsky, tripulantes, engenheiros e mantenedores.

“Com cada hora de voo logada nesta plataforma, estamos um passo mais perto de trazer o helicóptero mais poderoso da nossa nação para os Fuzileiros Navais”, disse o Coronel da Marinha dos EUA, o coronel Hank Vanderborght, gerente de programa para os helicópteros pesados ??do Programa PMA-261 junto ao Naval Air Systems Command (NAVAIR).

O voo de translado ocorre após a decisão do Milestone C em março, aprovando o programa para prosseguir com a produção inicial de baixa taxa. A produção do CH-53K deverá começar neste trimestre, e a capacidade operacional inicial e o teste e avaliação operacional inicial estão no ritmo para 2019.

“Este é um momento emocionante para o programa. A transição da aeronave para Pax River é o resultado de milhares de horas de serviço dedicado pelo governo e equipes da indústria”, disse Vanderborght.

Com mais do que o triplo da capacidade de carga útil e uma cabine interna mais larga em 12 polegadas do que o antecessor (CH-53E Super Stallion), a capacidade de carga útil do CH-53K pode assumir a forma de uma variedade de cargas úteis relevantes, desde um HMMWV (High Mobility, Multipurpose Wheeled Vehicle) até um blindado europeu Fennek internamente carregado. Além disso, ele pode aguentar até três cargas externas independentes ao mesmo tempo, o que proporciona flexibilidade de missão e eficiência do sistema.

O Programa de Registro do Departamento de Defesa dos Estados Unidos permanece com a previsão de aquisição de 200 helicópteros CH-53K, com os seis primeiros já contratados.

Anúncios

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.