Aeronave Learjet 35 da Jet Rescue, após pouso de emergência no México.

Um jato Bombardier Learjet 35, usado como ambulância e transporte médico, saiu de pista na manhã do dia 7 de fevereiro, após realizar um pouso de emergência no Aeroporto Internacional de Toluca, no México.

A aeronave, prefixo XA-DOC, tinha acabado de decolar do aeroporto, por volta das 07h15 (hora local) e deveria seguir para a cidade de Bajío, em Guanajuato. Após a decolagem o piloto reportou uma falha técnica, provavelmente o superaquecimento do sistema de frenagem, fazendo com que o piloto decidisse pelo retorno a Toluca.

Mas quando tocou na pista o trem de pouso direito quebrou e o avião derrapou e saiu pela lateral da pista, parando na grama ao lado. Os bombeiros do aeroporto acompanharam a aeronave e conseguiram extinguir o fogo que havia se propagado na parte inferior da fuselagem devido a fricção com o asfalto da pista.

De acordo com a administração do Aeroporto Internacional de Toluca, nenhum dos ocupantes do Learjet (sete passageiros e dois pilotos) ficou ferido. O aeroporto suspendeu suas operações por duas horas para a retirada da aeronave médica e seu transporte para outra área do aeroporto.

O Learjet 35 pertencente a empresa Jet Rescue Air Ambulante foi construído em 1981, estando desde o dia 27 de fevereiro de 2017 operando como ambulância aérea.

SEM COMENTÁRIOS