Defiant FF 032119 01 high res 600x399 - VÍDEO: Voa o helicóptero Sikorsky/Boeing SB>1 Defiant
O helicóptero Sikorsky/Boeing SB> 1 DEFIANT durante a realização de seu primeiro voo hoje (21/03) na unidade da Sikorsky em West Palm Beach, na Flórida. (Foto: Boeing)

O helicóptero Sikorsky-Boeing SB>1 DEFIANT realizou seu primeiro voo hoje no local de testes da Sikorsky em West Palm Beach, na Flórida. Esta aeronave revolucionária, desenvolvida pela Sikorsky, da Lockheed Martin Company, e pela Boeing, ajudará a desenvolver a próxima geração de helicópteros militares como parte do programa Future Vertical Lift (FVL) do Exército dos EUA.

“O projeto e desenvolvimento do DEFIANT revelou o avanço de capacidade que é realmente possível para o Future Vertical Lift”, disse David Koopersmith, vice-presidente e gerente geral da Boeing Vertical Lift. “Claramente, o desempenho, a velocidade e a agilidade do DEFIANT serão um divisor de águas no campo de batalha e esperamos demonstrar ao Exército dos EUA a tremenda capacidade dessa aeronave.”

Com seus dois rotores principais coaxiais e um propulsor impulsor montado na parte traseira, o DEFIANT é diferente da produção de helicópteros atualmente disponível. Isso representa um avanço na tecnologia para atingir o desejo do governo dos EUA de aumentar a velocidade e o alcance, ao mesmo tempo em que melhora a manobrabilidade e a capacidade de sobrevivência de maneira econômica. O uso da Tecnologia X2 pelo DEFIANT permitirá ao Exército dos EUA superar um impasse estratégico e explorar lacunas criadas em sistemas complexos de Negação de Área e Antiacesso contra adversários próximos.

Defiant FF 032119 02 high res 600x400 - VÍDEO: Voa o helicóptero Sikorsky/Boeing SB>1 Defiant“O DEFIANT foi projetado para voar quase duas vezes mais rápido e possui o dobro de alcance de helicópteros convencionais, mantendo as características, se não ainda melhores, de desempenho dos helicópteros convencionais em baixa velocidade”, disse Dan Spoor, vice-presidente da Sikorsky Future Vertical Lift. “Esse design proporciona um desempenho excepcional na área do alvo, onde a atividade potencial do inimigo dá valor à manobrabilidade, capacidade de sobrevivência e flexibilidade. Estamos entusiasmados com os resultados do voo de hoje e estamos ansiosos por um programa de teste de voo empolgante.”

O helicóptero está participando do programa de Demonstração Tecnológica Conjunta Multi-Papel Média do Exército. Os dados do DEFIANT ajudarão o Exército dos EUA a desenvolver requisitos para novos helicópteros que devem entrar em serviço no início dos anos 2030. Este voo define um marco importante para a equipe da Sikorsky-Boeing e é a culminação de atividades significativas de projeto, simulação e teste para demonstrar ainda mais a capacidade da Tecnologia X2.

A tecnologia X2 é escalável para uma variedade de missões militares, como ataque e assalto, transporte de longo alcance, infiltração e reabastecimento. O DEFIANT é a terceira aeronave X2 em menos de 10 anos.

Anúncios

5 COMENTÁRIOS

  1. A vanguarda da tecnologia aeronáutica em asas rotativas está agora diante de nós! Não é um aparelho bonito, claro. Mas é lindo ver como as coisas evoluem!!
    Conseguem entender por quê motivo os EUA não deixarão de ser a maior potência da Terra tão cedo? Nada contra os chineses. Mas ainda têm de comer muito feijão com arroz. A queda dos EUA ocorrerá (não sei quando) por implosão, não pela "evolução mais acelerada da China" (até porque o modelo chinês não têm sustentação econômica; trata-se de um governo que oprime seu povo e manipula excessivamente os agentes econômicos)!

    Boa noite a todos!

    • Os Estados Unidos não devem "cair" (claro que não é impossível ) , o que deve ocorrer é uma diminuição razoável de sua influência a medida que outras nações (bora Brasil) evoluem. O pós guerra está cada vez mais no passado, o tempo está passando e o mundo mudando (devagarinho)

  2. Black Hawk vai reinar muito ainda…

    Difícil tirar essa coroa…

  3. Helecoptero revolucionario, com conceito da idade da pedra, quando era crianca eu imaginava isso ai.

Comments are closed.