F-15 Saudi Arabia
Boeing F-15SA / RSAF

Os EUA resgataram dois aviadores sauditas no Golfo de Áden, no Mar da Arábia, depois que o caça F-15 que eles pilotavam caiu na quinta-feira (26), informou um funcionário do Departamento de Defesa americano.

MH-60G Pave Hawk
Sikorsky MH-60G Pave Hawk / USAF

Segundo as informações oficiais, o caça saudita aparentemente sofreu um problema mecânico, forçando os pilotos a ejetar. A missão de resgate, que durou 2 horas,  foi realizada pelas forças americanas, operando a partir do Djibouti, utilizando um helicóptero MH-60G Pave Hawk, e coordenada pelo USS Sterett (DDG-104), um destroyer da classe Arleigh Burke, que também estava na região. O navio de transporte anfíbio USS New York (LPD-21) também participou da operação.

Após resgatados, os pilotos sauditas receberam tratamento ambulatorial. Nenhuma informação adicional quanto ao estado dos mesmos foi divulgada até o momento.

Uma comissão foi formada para investigar as causas do acidente.

 

FONTE: NBC News, The Wall Street Journal – EDIÇÃO: Cavok

IMAGENS: USAF e RSAF, e meramente ilustrativas

Anúncios

9 COMENTÁRIOS

  1. Será se os pilotos sauditas estão no nível dos aviões que têm em suas mãos????

  2. coincidencia, ontem tava vendo a lista de F-15 perdidos e pensei:

    " a melhor estrategia contra o F-15 é não combate-lo e esperar que ele colida ou caia sozinho"

    acho que vou abrir uma tenda de adivinhação

  3. Já tem um 'dono da verdade' aí jogando pra galera que foi ou não foi abatido…

  4. Por isso que o IFF é muito importante na identificação de aeronaves militares o Sikorsky MH-60G Pave Hawk da imagem se parece e muito com os nosso UH-60 em virtude da camuflagem, ele poderia até voar em nosso território e os menos avisados acharem que é um helis da FAB, para quem conhece iria logo desconfiar da sonda de reabastecimento pois os nossos não tem.

    • imagina a confusao na guerra civil ucraniana, em relação aos veiculos terrestres claro

  5. Subestimar o inimigo é o mais comum quando se vê aeronaves do naipe de um F-15 serem abatidas… voam baixo, abaixo dos 1000 pés, para observar o que acontece, já que o inimigo é fraco e com poucos recursos… só que "pela porta dos fundos" alguém consegue um Igla ou Stinger e … feita a lambança… tiro a "queima roupa"…

Comments are closed.