Gripen BRO Brasil vai pedir à empresa sueca Saab, fornecedora dos futuros caças da FAB, que sejam fornecidos alguns aviões enquanto os novos modelos não chegam.

O “tampão” seria um Gripen da geração atual, o modelo C/D. O Brasil anunciou ontem que irá comprar, por US$ 4,5 bilhões, 36 Gripen NG, a nova geração do avião.

O problema é que os aviões só começam a chegar, se o contrato for assinado até o fim de 2014, em algum momento de 2016. Enquanto isso, o Brasil só terá à sua disposição para defesa aérea antigos caças F-5 modernizados, já que os Mirage 2000 em uso hoje serão desativados no dia 31.

Os Mirage, 12 ao total, já eram uma solução provisória encontrada pela FAB em 2005, quando foram aposentados os antigos Mirage IIIEBR, com mais de 30 anos de uso. Usados, tiveram sua vida útil esticada ao máximo.

Em 2005, os suecos chegaram a oferecer Gripens usados como “tampão”, então a expectativa é de que o pedido do Brasil seja aceito. Os F-5 terão de ser remanejados para Anápolis, onde fica o GDA (Grupo de Defesa Aérea), responsável por proteger Brasília de ameaças.

O contingente que ficará na cidade goiana será mínimo: seis pilotos, um major e cinco capitães, para manter a unidade e cumprir horas de voo nos F-5. Hoje há 46 desses aviões, que foram modernizados pela Embraer e contam com computadores atuais, mas não foram desenhados como interceptadores, e sim aviões para combate aéreo.

O próximo caça da FAB terá a missão de unificar as capacidades dos modelos existentes hoje. Ou seja, fazer interceptação como os Mirage, combate tático como os F-5 e ataque a solo como os AMX.

Em teoria, a demanda brasileira na década que vem será por 120 aeronaves, inclusive caças navais. O Gripen tem uma versão navalizada (sic), ou seja, com mudanças como trem de pouso reforçado para pouso em porta-aviões, na prancheta. Por ora, a Marinha mal opera os poucos caças A-4 Skyhawk de que dispõe.

FONTE: Folha de S. Paulo


Anúncios

46 COMENTÁRIOS

  1. Acho q vão dar um tapa nos Mirage 2000 e rodar mais um ano com eles….

  2. Está folha de São Paulo é um horror. Versão naval? Hoje o Sr Igor Gielow, o ispicialista da Folha descreve o Gripen NG como tendo 235 unidades em operação e com raio de combate de 1.100 km bem maior do que o do F18 E/F com seus parcos 830 km de raio de ação. Quero ver alguém desmascarar este negócio… Luiz Marinho! Ops. E alguém pode me dizer se este avião ainda precisa ser desenvolvido como desenvolvê-lo, testa-lo, integrar sistemas e armas, e começar a entregar unidades daqui a 3 anos? Que ultra super desenvolvimento é este do Gripen BR? Estes caras não sabem o que falam e ainda tem a história da Suíça e da RUAG, afinal quem será o parceiro da SAAB, Brasil ou Suíça? Ou teremos Suíços dentro da Embraer, tipo Pilatus sugando Super Tucanos? Ou este avião é igual a Lego, que vc compra uma caixinha cheia de peças e a monta no seu quintal? Brincadeira, não dá pra açreditar nisso tudo, vergonha.

  3. Ou a matéria está pessimamente redigida pela Folha ou o tampão será de apenas uma aeronave…
    Prefiro acreditar que trata-se de um erro de concordância!

  4. Acredito que o Brasil comprou o pacote fechado, com o incluso Tampão, se vai ser leasing ou não só eles sabem por enquanto.

  5. "E alguém pode me dizer se este avião ainda precisa ser desenvolvido como desenvolvê-lo, testa-lo, integrar sistemas e armas, e começar a entregar unidades daqui a 3 anos?"

    Onde foi que vc viu esse prazo de 3 anos? O prazo oficial divulgado ontem foi de 48 meses após a assinatura do contrato, quer dizer, provavelmente, daqui a 5 anos.

  6. Senhores, uma pergunta:

    Que tal o F-5M da FACh como caça tampão?

    É sério! rs…

  7. também acho, agora engraçado e a materia, o Brasil vai pedir, como se fosse uma esmola ou gratuito o emprestimo de caças! e por isso que jornal imprenso não resiste a internet, não dá para falar merda e saiu impune.

  8. O tampao virah, serao 12 aeronaves , ha boatos que serao caças vindos de uma determinada força aerea naval, apos o serviço,os mesmos serao repassados para a marinha, a turma esta agindo com sabedoria ,espero que nao surja desencantos !

  9. Piorou, 48 meses para fazer tudo isso, depois de assinado o contrato para um vetor cujo comandante Saito diz estar na planta? E com um AESA a ser finalizado e integrado aos sistemas do caça. Nem a Boeing em regime de guerra conseguiria tal feito. O que a FAB comprou foi um Gripen JAS-39 modelo 2016/2017. Estão enganado a todos nós, ou se enganando por completo.

  10. Que matéria "Podre"… "O gripen tem versão naval"… acho que a SAAB fez uma lavagem cerebral nestes "repórteres"… kkk dizendo que projeto e produto pronto é a mesma coisa…

  11. Chicão, acho que o Saito foi abduzido, pois ele fala em avião na planta e quer a primeira unidade já em 2016. Acho que até ele foi surpreendido com a história e não deu tempo de decorar o texto. São três anos para finalizar o projeto, testa-lo, integrar armamentos, validar tudo e colocá-lo em linha de produção. Algo espetacular para um avião que está na planta, não acha? O Japa pensa que esse é mais um dos overhaulling que fez ultimamente, já deve ter ligado pra Elbit e acertado com o PAMA para finalizar logos os últimos Jordanianos, pois vai precisar dos boxes :D. Se a gerentona sair a coisa vai melar, escrevam isso aí. O próximo presidente irá atrás de reatar as relações com o Tio Sam e a Boeing.

  12. O Bom é que já sabemos que os GriUens C que virão pra nós (tampão) já foi comprovado ser inferior ao F18 C suiço. Os F16 do Chile e os Su-30 da Venezuela são superiores, colocando a Fab em uma posição ridícula de defesa no continente. Perdemos a moral mesmo com esta lambança pros vizinhos…kkkk

  13. Gripen C/D + AIM-120 + E-99 , ótimo trio , bota pra correr qualquer SU-30 com R-27 mais cego que minha amada vó .

  14. é Wolf… vamos ter que engolir este "negócio"… tomara que dê tudo certo… mas as chances de isso virar um AMX II são enormes… esta FAB… este COPAC… vou te dizer viu…

  15. Concordo plenamente , agora imagina quando chegar o Gripen NG + Metor +A-Dater+E-99 ai sim seremos uma força aérea soberana quanto a America do Sul

  16. Acho q o verdadeiro FX2 vai ser este tampão com os Gripens C/D… q vão equipar a FAB por no mínimo uns 20 anos…
    Depois a Embraer vai pegar as células remanescentes e fazer um retrofit com aviônicos israelenses e lançar a versão Gripen C/D M BR… q vão voar mais uns 15 anos…
    Até lá mais ou menos em 2050 o Gripen NG BR estará plenamente desenvolvido e sendo entregue a FAB com motores Snecma ou RR e com código fonte aberto para os A Darters 3, MAA4…. rapidinho…

  17. Só um detalhe.
    Estava lendo uma Revista de 2008 que diz que o protótipo Ng voou em Maio de 2008,e que em 3 anos estaria sendo fabricado em Série.Pelo visto está um pouco atrasado.Tomara que isto não se estenda por mais tempo ainda.

  18. Só sei que, agora, com a situação atual das nossa força de defesa, se a China resolvesse aumentar seu território e lançasse um leve ataque relâmpago com seus caças Xing-ling, São Paulo, Rio, Minas e Brasília seriam devastadas em uma tarde…

  19. Se o E-99 for derrubado primeiro por misseis russos e tbm pelos Aim120 chilenos…os Gripinhos são abatidos como moscas pelos velozes F16 e Su30…e Gripen C não fica muito tempo no ar senão caem de pane seca.!!

  20. Não estamos sob ataque de astronautas venusianos ainda :D. Como afirma um blog estrangeiro, para se defender da Bolívia, o Gripen está muito bom.

  21. Fernando, ai está toda a preocupação que cerca esta escolha da FAB,, os riscos deste projeto se tornar um fosso consumidor de recursos. Não ficará nos 4.5 bi que já são um absurdo, o que nos dá 125 milhões de dolares por cada unidade produzida. A SAAB não fez nada nestes anos, somente lobby, e o fez bem feito junto ao COPAC e FAB. É o avião de papel que conhecemos desde então. No meu entendimento pagamos caro por um vetor com capacidades próximas dos F16Blk52 do Chile por exemplo.

  22. Não é bem assim , Kurti , os F-16 Block 52+ , dos chilenos levam um vantagem sobre os possíveis GRIPEN C/D tampões , não só em radar , autonomia e armamento pois usam AIM-120 C7 , que é a versão mais avançada desse do míssil bvr americano , agora os FALCON AM / BM ex-força aérea holandesa , devem usar alguma versão bem mais antiga , além de terem radares bem menos capazes , agora os SU-30 venezuelanos , estão mal armados esses R-27 , esses mísseis são inferiores até aos DERBY usados nos MIKE , mesmo se abaterem o E-99 com esse míssil , coisa que não seria fácil , os caças suecos armados com AIM-120 C5 dariam conta do recado , fácil , o conjunto radar + contra medidas dos SU-30 bolivarianos , estão longe de ser o que de melhor tinha disponível na RÚSSIA na época da compra .

  23. Quando li a notícia da escolha fiquei desconfiado que esse seria o caminho natural, dada a baixa prevista para o Mirage 2000. E a Força Aérea Sueca tem sempre uns Gripen para dispensar. Ainda assim, e por irónico que pareça, o Gripen é inferior ao Mirage 2000 no papel de interceptor.

  24. a Suiça e Suecia fazem fronteira com a Bolivia também? e obvio que o blog a sustentado pelos concorrentes não é mesmo!

  25. Francisco Gripen E!!!!!

    Brincadeirinha, amigo…..amigo….calmaaa!!!!! rsrsrs!!!

  26. comentario tipico! nos ja estamos em inferiodade, com a vinda desses tampões, se vierem mesmo, teremos reduzido essa inferioridade, mas mesmo assim o ponto de vista escolhido para o comentario foi pior. Afinal dizer que a coisa melhorou ou pelo que ficou menos ruim e proibido! pois pode parecer que não esta criticando o governo

    O Chile não tem folego para nos atacar, e a Venezuela idem, portanto essa comparação não tem cabimento!

  27. A china é logo ali, né!!!!!

    As distancias entre São Paulo, BH e Brasilia são bem pequenininhas né!!!

  28. Mas se vier os Gripens como tampão, a minha duvida é se virão os A/B ou os C/D??!!

  29. mas é isso mesmo Rodrigo!!!! um viva aos Gripens!!! "agora que lá tá que la-teje" 🙂
    Sinceramente, nunca me iludi com estas negociações pesadas… os envolvidos hoje, muitos se darão muito bem,uma boa "aposentadoria"…seja ela qual for… este vão sair de cena lá pelos anos 20/25/30… se forem expertos deixarão/providenciarão que seus "filhos", não sejam vítimas destas negociatas no futuro… lembro bem dos mafiosos, que queriam que seus filhos fossem pessoas decente e não se envolvessem mais com o crime… 🙂 logo… vamos torcer para que esta prática não se perpetue, que façam sua parte depois de se "darem bem"…

  30. Compara a velocidade do projeto do Gripen NG com o SU 35 S.
    O SU 35 S foi anunciado depois do NG ,e já está operando na VVS, com quase 10 unidades já entregues.Teve 5 protótipos,voou muito mais horas,equanto que o NG desde 2008 ,só teve um protótipo modificado,e voou 300 horas somente.
    A SAAB dormiu no ponto,vamos ver se agora com injeção de capital,a coisa anda mais rápido.

  31. A FAB vai economizar uns trocos se as revisões do Gripen forem feitas no PAMA-SP.
    Ele consegue pousar na curta pista do Campo de Marte SBMT,assim ,poupando o uso de carretas e pessoal,para ficar deslocando os caças da Base Aérea de São Paulo até o Pama,como é feito hoje com os F-5 kkk.

  32. Já leu que a China têm uns trecos gigantes que flutuam na água? Antigamente eram feitos de juncos, mas hoje usam até aço, e não afunda, veja só. Sabia que alguns deles levam aviões? Pra encostar uma frota desses a passeio ali em Santos e no Rio é fácil. O próprio Mulla convidaria. E como não têm dinheiro nem pra pagar militar pra ficar de prontidão, cabou.

  33. andrebacha,

    Não que seja um horror, mas…

    Os sistemas eletrônicos dos Tiger III chilenos são bastante diferentes dos F-5M…

    Salvo engano, também já estão bem rodados… Creio que melhor seria ir atrás de outros F-5 por aí e moderniza-los ( mas isso já seria a ultima das ultimas opções )…

  34. No estado em que a FAB está, 14 Gripens usados da Suécia seriam uma COISA MARAVILHOSA !

  35. Se perigar o Gripen é capaz de pousar no Sambódromo ao lado, ou mesmo na marginal Tietê. 🙂

    []'s

Comments are closed.