Aeronave GlobalEye na exposição estática do Dubai Airshow. (Foto: Saab)

A Saab voou com sua aeronave de alerta e controle aéreo GlobalEye para o Dubai Airshow, onde está em exibição estática, marcando a primeira vez que o GlobalEye fica exposto publicamente.

O GlobalEye voou de sua base em Linkoping, na Suécia e chegou aos Emirados Árabes Unidos (EAU), onde fica em exibição estática no Dubai Airshow durante o período de 17 a 21 de novembro. A aeronave retornará à Suécia, onde o trabalho continua no programa, no final do Dubai Airshow.

“Achamos correto que o Dubai Airshow fosse a primeira exposição na qual a GlobalEye participaria. Faz quatro anos que a Saab foi selecionada entre fortes concorrentes para ser o fornecedor dos Emirados Árabes Unidos por essa capacidade avançada, e congratulamo-nos com a oportunidade de mostrá-la aqui em sua nação natal”, disse Lars Tossman, vice-presidente e chefe da unidade de negócios da Saab Soluções de Radar.

Os Emirados Árabes Unidos encomendaram o sistema pela primeira vez em novembro de 2015 no Dubai Airshow daquele ano, e esta é a primeira vez que a GlobalEye está no país.

Os visitantes da feira estarão entre os poucos que viram o GlobalEye pessoalmente desde o seu primeiro lançamento em fevereiro de 2018. Desde então, três aeronaves da GlobalEye realizam seus primeiros voos na Suécia, como parte do rápido programa de trabalho realizado pela Saab para desenvolver e integrar o avançado radar de bordo da Erieye Extended Range e outros sensores do jato Bombardier Global 6000.

O GlobalEye é conhecido nos Emirados Árabes Unidos como Sistema de Vigilância de Função Swing (SRSS).

O GlobalEye oferece amplo alcance de detecção, resistência e capacidade de desempenhar várias funções, incluindo tarefas como busca e salvamento, vigilância de fronteiras e aviso avançado de ameaças militares.

Anúncios