A Polônia planeja adquirir caças F-35A. (Imagem ilustrativa)

O Departamento de Estado dos EUA aprovou a possível venda de 32 caças Lockheed Martin F-35A Lightning II para a Polônia por um custo estimado de US$ 6,5 bilhões, anunciou a Agência de Cooperação em Segurança de Defesa (DSCA) na quarta-feira.

Além dos 32 caças furtivos, a possível venda aprovada também inclui 33 motores Pratt & Whitney F135, sistemas de guerra eletrônica e outros aviônicos e equipamentos relacionados, bem como suporte técnico e logístico.

Em 28 de maio, o Ministro da Defesa da Polônia, Mariusz Blaszczak, anunciou que o país havia enviado formalmente uma carta de intenção aos EUA para a aquisição de 32 caças F-35A Lightning II, que devem substituir sua frota antiga de jatos MiG-29 e Su-22 de origem soviética.

Essa venda proposta de F-35s fornecerá à Polônia uma capacidade de defesa credível para impedir a agressão na região e garantir a interoperabilidade com as forças dos EUA“, disse a DSCA em um comunicado.

Anúncios

5 COMENTÁRIOS

  1. A Polônia é um país estratégico para a OTAN assim como foi para o Pacto de Varsóvia!

  2. Outros tempos, mas o trauma das guerras persiste.
    Com tudo isso a Polônia é hoje um dos últimos bastiões da Europa livre da agenda globalista, e com uma Rússia bem ao lado, sabe mais do que ninguém a importância de um bom elemento dissuasório.

  3. A Polônia não pode brincar em serviço, nada de comprar caça de papel.

  4. Se for concretizada em venda, vamos ter que contabilizar essa "meia duzia" para a Polônia nas "poucas" 700 unidades vendidas aos clientes fora dos EUA. Com certeza esse projeto não tem escala.

  5. Com o Putin bem ao lado arreganhando os dentes, os poloneses tem mesmo que criar um aparato militar que desanime eventuais agressões.

Comments are closed.