Caça F/A-18 Hornet da Força Aérea Suíça. (Foto: Philippe Minnen)

A implementação de medidas para prolongar a vida útil dos caças Hornets na Suíca está atrasada devido a problemas técnicos. Isso reduz atualmente a disponibilidade de aeronaves na frota F/A-18 da Força Aérea Suíça. No entanto, a segurança do espaço aéreo é garantida em todos os momentos. O chefe da VBS informou as comissões de segurança do parlamento.

Após o voto “não” dos eleitores para compra do caça Gripen em 2014, o Parlamento aprovou uma extensão da vida útil da frota F/A-18 de 5.000 para 6.000 horas de voo para cada aeronave. Isso é para fechar a lacuna de capacidade emergente na defesa aérea até 2030. Parte deste programa é a reabilitação da estrutura da aeronave de aproximadamente 20 anos de idade.

A RUAG conseguiu atualizar uma primeira aeronave como protótipo no verão de 2018, em quatro meses. Para as próximas cinco aeronaves, no entanto, esse trabalho levará muito mais tempo do que o esperado. Isso se deve a problemas anteriormente desconhecidos e parcialmente resolvidos do período de produção no final dos anos 90.

Por exemplo, para algumas peças de reposição, os furos para fixação não são idênticos à estrutura existente. A remodelação estrutural atrasada por um período indefinido também afetará o restante da frota do F A-18, já que os atrasos na RUAG bloquearão a capacidade de manutenção regular padrão.

Como conseqüência, a Força Aérea Suíça tem menos aeronaves disponíveis para seu serviço de policiamento aéreo. Atualmente, são 10 aeronaves do total de 30 F/A-18 em serviço, em vez de 12 como meta.

Limitações devem ser esperadas até a conclusão do programa de reestruturação em 2024. No entanto, as F-A-18 prontos para voar são suficientes para garantir o serviço de policiamento aéreo e as operações de proteção das conferências em todos os momentos.

A Força Aérea Suíca e a RUAG estão fazendo tudo o que podem para manter sua prontidão. O trabalho está em andamento para fornecer recursos adicionais na RUAG e na força aérea.

Anúncios

8 COMENTÁRIOS

  1. Os Suíços não voam o F5 ainda?
    Então estão reclamando a toa, tem um "paiseco" ai, oitava maior economia do mundo, que só tem forevis5 e faz tempo….

  2. Quando não se tem comprometimento com a defesa é isso que acontece e para aqueles que adoram falar mal do Brasil e suas sucatas das FA este é um bom exemplo não adianta ter dinheiro e não ter comprometimento com a defesa nós não temos muito dinheiro pra investir nas forças mas temos mais comprometimento do que a Suíça (neste caso em específico). Estamos com sérios problemas com nossos meios e acho que o melhorzinho ainda é o exército pois a marinha esta praticamente sem navios a aeronáutica esta com caças que atira de estilingue ainda, tudo tem que ter um equilíbrio pois não adianta ter os meios mas não ter treinamento, nós temos um bom treinamento pelo que todos dizem aqui mas não temos meios, a Venezuela tem os meios mas não tem treinamento, a Suíça esta ficando sem os meios mas tem dinheiro pra investir, enfim, situações bem distintas mas com o mesmo final se não for tomado uma providência, abraço a todos.

    • Me desculpe discordar mas que comprometimentos tem o Brasil além da falcatrua?
      Darei poucos exemplos para não alongar…

      A Marinha tem um projeto fraudulento de subnuc qual tem meio século e até hoje só tem um maquete, põe no lápis o que foi destinado de verba ao longe desse meio século, daria para ter muito mais que uma maquete, pra onde foi esse dinheiro? E o Nae que ela gastou cerca de 1Bi, tem matéria falando que foi gasto isso e matéria falando que foi gasto quase isso, fora o que se pretendia gastar se fosse reformado. Os A4, ah esse é uma piada brasileira.

      A fab, o que dizer de uma força que prefere ter tela caríssima wide com 16Mi de cores e não comprar armamento para seus novos caças, é no minimo uma força de mentirinha. E o martelinho de ouro que se mostrou bem lucrativo para as partes embraer/fab.

      O EB é de longe o "menos ruim", MAS claro que tem seus problemas e são muitos, comprar uma porquera de fuzil de uma empresa horrivel, fuzil esse que custa mais que um SCAR que só é o melhor fuzil do mundo, ah isso só pode ser fraude, me recuso achar que é ignorância.

      Sobre treinamentos, quando servi o meu esq. era chamado de elite só porque nós conseguíamos realizar a maioria dos treinamentos da cartilha do EB, a grande maioria das O.M não conseguem realizar.

      *se olhar de longe você verá que são medidas de forças que não estão em guerra a muito tempo, logo se esqueceram de seu papel na sociedade.

      • De onde vc tirou 1bilhão no SP? Leu no blog do Constantino?

      • Galileu acho que tu não entendeu muito bem o meu texto sei que foi um pouco longo mas o que eu quis dizer é mais ou menos o que você falou também que o Brasil não tem tanto comprometimento assim com a defesa não mas que não deixa zerar de vez só que muitos dizem fazer o que se estamos sem dinheiro e olha a Suíça, tem dinheiro mas não tem compromisso também então sem falar de valores, tempo ou projetos o que quero dizer é que quando se quer se faz, se contorna todos os obstáculos e se resolve todos os problemas tanto políticos, como técnicos ou de verba mas como disse concordo com você no sentido que não temos o comprometimento necessário para nossa defesa.

  3. O Único motivo pelo qual os suíços não compraram uma nova aeronave é porque o proprio povo não quis, o governo apenas acatou a vontade da população

    • O povo queria um caça botaram o gripen. F5 eles já tem pows

Comments are closed.