Caças Eurofighter e jatos de treinamento T-346A Master da Força Aérea Italiana, durante voo para o Golfo Pérsico. (Foto: AMI)

A apresentação em voo do jatos T-346A e F-2000A Eurofighter, do Departamento de Teste de Voo, junto com o programa de demonstração acrobática da equipe Frecce Tricolori no céu da Cidade do Kuwait, foi concluída oficialmente após a turnê de 10 dias da Força Aérea Italiana no Oriente Médio, em colaboração com a fabricante Leonardo, que passou pelos países do Catar, Bahrein e Kuwait.

A primeira etapa da turnê pelos países do Golfo Pérsico foi na cidade de Doha. Entre os dias 10 e 11 de novembro, os pilotos e especialistas do 311º Esquadrão de Voo e do 313º Grupo de Treinamento Acrobático “Frecce Tricolori” emocionaram um grande público presente em Corniche, à beira-mar da Baía de Doha.

As demonstrações técnicas em voo realizado pela equipe de testes de voo da Força Aérea Italiana foram representadas pelos dois dos produtos mais modernos e avançados da indústria italiana, o jato de treinamento T-346A Master e o caça multimissão F-2000A Eurofighter.

No Catar, o Departamento de Testes de Voo realizou algumas demonstrações de voo com o T-346A e o Eurofighter para as tripulações de voo da Força Aérea do Emirado do Catar, em particular, na Academia Aérea do Catar.

BAHRAIN INTERNATIONAL AIR SHOW

De 14 a 16 de novembro, a Equipe Nacional de Acrobacia Aérea Frecce Tricolori participou do “Bahrain International Air Show”, trazendo de fato pela primeira vez as acrobacias das aeronaves militares italianas para o Bahrein. Foram duas demonstrações no céu do Bahrein que receberam uma apreciação calorosa do público. A Frecce Tricolori se apresentou ao lado de muitas outras aeronaves e outras equipes acrobáticas, como, por exemplo, a Al Fursan, a equipe acrobática nacional dos Emirados Árabes Unidos, que também utilizam os jatos Aermacchi MB339, a mesma aeronave de treinamento usada pelos italianos.

KUWAIT: EVENTO AÉREO ABRE A SEMANA ITALIANA

 

qatar4

A última parte da turnê conjunta pelo Oriente Médio foi na Cidade do Kuwait. A Mostra Aéreo no domingo, organizado pelo adido militar de defesa, Coronel Vito Cracas e apoiado pela Leonardo SpA, ocorreu na abertura da semana italiana no Kuwait promovido pela Embaixada da Itália no país para promover a excelência italiana, com vista para o Golfo Pérsico.

qatar21

Durante a passagem pelo Kuwait, alguns jovens pilotos do Kuwait receberam na 61ª Ala de Lecce a licença de piloto militar após a conclusão do processo de formação na escola internacional que culminou com a formação nos jatos T-346A.

T-346A REALIZA PRIMEIRO VOO DE LONGA DISTÂNCIA SEM ESCALAS

A turnê no Oriente Médio também marcou um importante recorde para a Força Aérea Italiana. Pela primeira vez a aeronave T-346A realizou uma viagem tão longa em um voo direto. Os pilotos do 311º Esquadrão de Voo e o 212º Esquadrão da 61ª Ala realizou o voo, desde o aeroporto militar de Pratica di Mare ao de Al Udeid, no Qatar, ao lado de dois Eurofighter F-2000As e apoiados com reabastecimento em voo pelo KC-767A da 14ª Ala. Cinco reabastecimentos foram necessários para pouco menos de seis horas de voo, para completar a travessia.

O apoio prestado pelo KC-767A da 14ª Ala, que graças à versatilidade estratégica de seu uso, apoiou o trabalho de transporte de pessoal, material e reabastecimento em voo.

FRECCE TRICOLORI CONCLUI A 58ª TEMPORADA DE DEMONSTRAÇÕES

A demonstração no Kuwait da Frecce Tricolori marcou o encerramento da temporada de demonstrações de número 58. Uma temporada emocionante além da passagem pelo Catar, Bahrein e Kuwait, também viu os protagonistas da Frecce Tricolori em inúmeros eventos na Itália e na Europa. De Fairford, passando por Múrcia, Bellaria Igea Marina, em Ladispoli, passando por Trieste por ocasião do centenário do fim da Grande Guerra, são apenas algumas das 40 apresentações que a Frecce Tricolori realizou pelo mundo para demonstrar o profissionalismo dos homens e mulheres da Força Aérea Italiana.

Um dos objetivos da turnê no Oriente Médio foi de aumentar a visibilidade das capacidades operacionais e tecnológicas da Força Aérea Italiana, contribuindo assim para fortalecer a imagem da Itália como um país de alta confiabilidade em termos de know-how e capacidades tecnológicas.

Anúncios

1 COMENTÁRIO

  1. A Itália e outros deviam vir aqui no "novo mundo" nos mostrar suas capacidades tecnológicas ahahah
    Fui irônico mas não tanto, enquanto eles "moscam" os Chinas aproveitam a ausência de concorrentes na tecnologia e serviços não necessariamente defesa, sem contar claro os negócios escusos de empresas fantasma xing-ling.

Comments are closed.