O novo lote 12 engloba pedidos de caças F-35 para serviços militares dos EUA e nações parcerias.

A Lockheed Martin Aeronautics recebeu uma modificação de contrato, no valor de cerca de US$ 348 milhões, do Comando de Sistemas de Aviação Naval (NAVAIR) da Marinha dos EUA em apoio à produção inicial de baixa taxa (LRIP) do lote 12 de aeronaves F-35 Lightning II.

A modificação é para produção de ferramental especial e equipamento de teste especial que apoiará a produção do Lote LRIP 12 de aeronaves F-35 destinadas à Força Aérea dos EUA (38%), Marinha (20%), Corpo de Fuzileiros Navais (17%), e parceiros não-EUA do Departamento de Defesa (17%) e clientes de vendas militares estrangeiras (FMS) (8%).

A maior parte do contrato será realizada em Fort Worth, Texas; El Segundo, Califórnia e San Diego, Califórnia; e espera-se que seja concluído em agosto de 2022.

A BAE Systems também foi contratada para fornecer o conjunto de guerra eletrônica ASQ-239, que combina um sensor eletromagnético de 360 ??graus para detectar ameaças nas proximidades com contramedidas de radar e infravermelho.

Anúncios