Saab

fiqueemcasa

Inicio Tags BACN

Tag: BACN

EUA confirmam queda de aeronave E-11A BACN e Talibã diz que aeronave foi abatida

0
A aeronave E-11A (Global Express) BACN “11-9358” que caiu no Afeganistão. (Foto: Bart Hoekstra)

Os EUA confirmaram que uma aeronave Bombardier E-11A BACN (Battlefield Airborne Communications Node), pertencente à Força Aérea dos EUA (USAF), caiu no território controlado pelo Talibã na província de Ghazni, no Afeganistão, no dia 27 de janeiro. O Talibã por sua vez disse que abateu a aeronave.

Anúncios

Frota de aeronaves Global modificadas para USAF atinge a marca de 100 mil horas de voo

1
Um E-11 Battlefield Airborne Communications Node aguarda para mais uma missão no Aeródromo de Kandahar, Afeganistão.

A plataforma de aeronaves Global da Bombardier alcançou um marco significativo em serviço com a Força Aérea dos EUA (USAF) em configuração de missão especial.

Northrop Grumman demonstra novas tecnologias no Northern Edge 2019

1
A aeronave de testes da Northrop Grumman reduz significativamente o processo de desenvolvimento de tecnologia, trazendo recursos avançados mais rapidamente, de forma mais acessível e confiável.

A Northrop Grumman Corporation, juntamente com parceiros militares no Northern Edge 2019, exibiram as capacidades avançadas em cenários táticos ar-ar, ar-superfície e marítimos que abordam as principais lacunas de combate avançado: inteligência, vigilância, reconhecimento (ISR); e guerra eletrônica.

Aeronave E-11A BACN, centro de comunicações aéreo no Afeganistão

1
O BACN (Battlefield Airborne Communications Node) está equipado em uma aeronave E-11A. (Foo: U.S. Air Force / Staff Sgt. Candice Page)

Existe uma aeronave que é tão única que você só pode encontrá-la em um único lugar – e nem mesmo os pilotos que pilotam a aeronave podem tocá-la até que sejam implantados nesse local específico – e esta aeronave é a E-11A.

BACN E-11A da Northrop Grumman completa 10.000 missões de combate

2
O jato E-11A usado como BACN pela Northrop Grumman no apoio a missões da USAF.

O Núcleo de Comunicações Aerotransportadas do Campo de Batalha (BACN, Battlefield Airborne Communications Node), desenvolvido, operado e mantido pela Northrop Grumman Corporation para a Força Aérea dos EUA (USAF), completou 10.000 missões de combate conectando combatentes no ar e no solo.

Northrop Grumman entrega novo Global Hawk equipado com BACN para Força Aérea dos EUA

1
A Força Aérea dos EUA recebeu a segunda aeronave não tripulada Global Hawk equipada com o BACN. (Foto: Northrop Grumman)

A Northrop Grumman entregou uma nova aeronave não tripulada Global Hawk para Força Aérea dos EUA equipado com o Battlefield Airborne Communications Node (BACN) – expandindo as comunicações aéreas e o compartilhamento de informações entre as unidades militares em ambientes complexos.

A Northrop Grumman produziu e entregou o sistema quatro meses antes do previsto, como parte de um desenvolvimento em curso do BACN, operações e contrato de manutenção para apoiar as missões do Comando Central dos EUA.

“Ao juntar o BACN e o Global Hawk, os comandantes militares podem fornecer recursos críticos do sistema durante um vôo com uma duração de mais de 30 horas”, disse George Guerra, vice-presidente de sistemas aéreos não tripulados Global Hawk na Northrop Grumman Aerospace Systems. “Isso é importante quando as unidades terrestres operam em terreno montanhoso, onde os sistemas terrestres de comunicações não funcionam tão bem.”

As pontes do BACN ampliam as comunicações de voz e o compartilhamento de informações de várias fontes, utilizando um conjunto de computadores e sistemas de rádio. O sistema também está instalado em dois outros aviões Hawk EQ-4B Global e em três aeronaves Bombardier E-11A Global Express BD-700.

“Nossos militares contam com uma eficácia de combate melhorada prestada 24 horas por dia, sete dias por semana com a capacidade de gateway do BACN. Com outro sistema BACN voando num Global Hawk, a equipe continua a fornecer capacidades inigualáveis de comunicação a excepcionais taxas de disponibilidade operacional”, disse Claude Hashem, vice-presidente da rede de negócios de sistemas de comunicações com a divisão de Sistemas de Informação da Northrop Grumman.

A aeronave foi entregue no dia 7 de setembro na Base Aérea de Grand Forks, Dakota do Norte, após um vôo a partir da unidade de produção da empresa em Palmdale, na Califórnia

A Força Aérea dos EUA concedeu a Northrop Grumman um contrato de US$ 47 milhões em Dezembro de 2011 para a compra e integração de duas unidades BACN em dois aviões Global Hawk existentes. A empresa também entregou antes do prazo o primeiro Global Hawk com o BACN em Junho de 2012.

Solicito um minuto da atenção de você leitor do Cavok. Estamos tendo despesas elevadas com servidores devido ao alto tráfego gerado mensalmente, e precisamos da ajuda de todos para continuar mantendo o site estável e permanentemente no ar. Sem a ajuda de vocês, fica inviável manter o Cavok, já que infelizmente as empresas aeronáuticas brasileiras até o momento não anunciaram no nosso site, mesmo sendo o Cavok uma das maiores referências sobre notícias de aviação do país, reconhecido inclusive internacionalmente, e um dos sites de aviação mais visitados do país, senão o maior. Para contribuir, utilize as formas de pagamento online abaixo.

Desde já meu muito obrigado a todos.
Fernando Valduga

Enhanced by Zemanta

Quarta aeronave Bombardier Global 6000 adicionada a frota da Força Aérea Americana

0
A Bombardier entregou para USAF a quarta aeronave Global 6000 que será equipada com os sensores BACN. (Foto: Bombardier)

A Bombardier Aerospace anunciou hoje que entregou uma aeronave Global 6000 para a Força Aérea americana na última quinta-feira em uma cerimônia realizada na planta da Bombardier em Connecticut. Esta é a quarta aeronave da Bombardier Global a ser incluída no estoque da Força Aérea americana com a Designação Militar E-11A. A intenção é equipar esta nova aeronave com o sistema Battlefield Airborne Communications Node ou BACN, a tempo para sua entrada em operação no próximo verão. O sistema permite que dois sistemas diferentes de comunicações de campo de batalha compartilhem os dados.

“A Bombardier tem um forte relacionamento com a Força Aérea americana, uma operadora de aeronaves Global, há quatro anos. Estamos muito contentes com o fato da Força Aérea ter escolhido uma aeronave da Bombardier mais uma vez para executar sua missão BACN”, disse Derek Gilmour, Vice-Presidente de Vendas, Marketing e Administração, Aeronaves , Especializadas e Anfíbias, Bombardier Aerospace. “Esta nova adição confirma as credenciais da plataforma de aeronave Global para aplicações de missões especiais e estamos muito orgulhosos do fato da aeronave da Bombardier servir a Força Aérea americana”, ele continuou.

Com a aeronave executiva de ultra-longo alcance mais avançada do mundo, o jato Global 6000 é projetado e certificado para operar a altitudes de até 51.000 pés (15.545 m)(i). Ela tem alcance maior e mais rápido, avalia campos de pouso mais curtos e levanta voo mais rapidamente do que qualquer outro jato da sua categoria. Ela tem uma cabine de comando mais ampla para equipamento e pessoal da missão, capacidade de geração de energia incomparável, e maior distância do solo para instalações de sensores. Além disso, sua carcaça extremamente tolerante a danos proporciona uma integridade estrutural superior.

Enhanced by Zemanta

BACN da Northrop Grumman completa 3.000 missões a bordo do E-11A no exterior

2
O BACN da Northrop Grumman vem sendo testado em campo numa aeronave BD-700 Global Express, designada E-11A na USAF. (Foto: U.S. Air Force)

O Battlefield Airborne Communications Node (BACN) da Northrop Grumman Corporation completou 3.000 missões de vôo, a bordo da aeronave Bombardier BD-700 Global Express E-11A, em apoio a missões de contingência no exterior.

O 451st Tactical Airborne Gateway no Aeródromo de Kandahar, Afeganistão, executou a missão de número 3.000 no dia 14 de julho.

O BACN é um sistema de gateway de informações e comunicações aéreas de grande altitude que fornece consciência situacional e coordenação de comando e controle entre combatentes e comandantes. Com um conjunto de computadores e sistemas de rádio, o BACN fornece uma ponte e estende as comunicações de voz e informações de batalha de várias fontes.

A Northrop Grumman recebeu recentemente uma modificação de contrato de US$ 106 milhões para ampliar a implantação e operação de sensores instalados do BACN em três aeronaves E-11A e três aeronaves não tripuladas EQ-4B Global Hawk Block 20. O contrato apoiará as operações até junho de 2013.

A Northrop Grumman desenvolveu o BACN para a Força Aérea dos EUA poder superar as limitações de comunicação impostas pelo terreno acidentado no Afeganistão. Desde que o sistema foi implantado em 2008, já ofereceu quase uma cobertura 24/7 no teatro.

A Northrop Grumman é a contratante principal para o desenvolvimento do BACn em campo, além da manutenção do sistema BACN. A empresa ganhou o primeiro contrato BACN em abril de 2005 do Centro de Gerenciamento do Ciclo de Vida (antigo Centro de Sistemas Eletrônicos) da Força Aérea dos EUA, na Base Aérea de Hanscom, Massachusetts.

Enhanced by Zemanta

USAF oficialmente designa as aeronaves do sistema Battlefield Airborne Communications Node

4
O jato Bombardier Global Express BD-700 com o sistema BACN recebeu a nova designação E-11A em operação na USAF.

As duas diferentes plataformas de aeronaves que voam com o sistema Battlefield Airborne Communications Node(BACN), desenvolvido pela Northrop Grumman Corporation, foram oficialmente designadas pela Força Aérea dos EUA como E-11A e EQ-4B. O jato Bombardier Global Express BD-700 recebeu a nova designação E-11A, refletindo o papel da missão especial eletrônica do BACN. A aeronave não-tripulada da Northrop Grumman Global Hawk RQ-4B, especialmente modificada para hospedar o sistema BACN, foi re-designado como EQ-4B.

No dia 21 de setembro, a Força Aérea concedeu a Northrop Grumman uma extensão de contrato de US$ 43 milhões, para operar, apoiar e manter por cinco meses as duas aeronaves E-11A e para operar e manter o equipamento do sistema BACN.

A aeronave não-tripulada Global Hawk da Northrop Grumman, equipada com o sistema BACN, recebeu a designação EQ-4B na USAF. (Foto: Greg L. Davis / U.S. Air Force)

O BACN é um sistema de comunicações aéreo para alta altitudes que mantém um suporte operacional de comunicações 24 horas por dia, sete dias por semana. A conectividade persistente do BACN oferece uma melhorada consciência situacional e permite uma melhor coordenação entre os equipamentos militares na linha de frente e seus comandantes.

“Esta nova designação das aeronaves tripuladas e não-tripuladas do BACN reflete um mix de aeronaves exclusivas que dá aos comandantes no teatro de operação as capacidades complementares para apoiar as missões do BACN”, disse Claude Hashem, vice-presidente e gerente geral da empresa Northrop Grumman na área de Sistemas de Comunicações e Sistemas de Informação. “Os jatos executivos E-11A oferecem as opções de rápido destacamento tático, enquanto os sistemas não-tripulados EQ-4B fornecem recursos de longos períodos de voo e uma capacidade de persistência insuperável.”

Desde que o sistema foi implantado para apoiar a Operação Liberdade Duradoura, em outubro de 2008, o sistema BACN voou mais de 25.000 horas em operação, em mais de 2.500 missões, e registrou uma taxa de disponibilidade em missão de 98 por cento.

Cavok nas redes sociais

62,534FãsCurtir
340Inscritos+1
6,534SeguidoresSeguir
2,505SeguidoresSeguir
10,510SeguidoresSeguir
2,780InscritosInscrever
Anúncios