Saab

fiqueemcasa

Inicio Tags MBDA METEOR

Tag: MBDA METEOR

Índia quer seus primeiros Rafale já armados com mísseis Meteor

2
A Força Aérea Indiana já recebeu três caças Rafale, mas as aeronaves chegam na Índia somente em março de 2020.

A Índia pediu à França que arme os quatro primeiros caças Rafale com os mísseis ar-ar Meteor, que, com alcance de 120 a 150 km, podem superar qualquer míssil que possa ser disparado por jatos paquistaneses ou chineses. Os primeiros caças Rafale pousarão na base aérea de Ambala em maio do próximo ano.

Anúncios

Raytheon lança novo míssel ar-ar de médio alcance

3
Mesmo em uma faixa equivalente à do AIM-120, o Peregrine deve fornecer manobrabilidade final semelhante à do AIM-9X. Imagem ilustrativa.

A Raytheon apresentou um programa financiado internamente para desenvolver um novo míssil ar-ar chamado Peregrine, que combina o alcance do AIM-120 de médio alcance e a capacidade de manobra do AIM-9X de curto alcance, em um tamanho reduzido.

Japão pretende integrar novo míssil em F-15 modernizados

4
O governo japonês pretende modernizar parte de sua frota de F-15 com o radar Raytheon APG-82. Foto ilustrativa.

O Ministério da Defesa japonês trouxe a tona novamente a possibilidade do míssil ar-ar AAM-4B, da Mitsubishi Electric, equipar os F-15J destinados à modernização.

SHADER CENTURIONS – A ponta de lança da RAF

2
Um Typhoon da RAF é preparado para mais uma missão na pista da base da RAF Akrotiri no Chipre. A Royal Air Force está realizando operações com o Eurofighter sobre o Iraque e a Síria lutando contra o Estado Islâmico.

Trabalhar seis dias seguidos no calor de uma primavera cipriota pesa sobre pessoas e equipamentos. Felizmente, as duas filas de abrigos de proteção – conhecidas como RES (Rapid Erect Shelters) fornecem uma pausa do brilho dos raios do sol do Mediterrâneo para as equipes que mantêm os caças da Royal Air Force prontos para a ação.

Rafale dispara primeiro míssil Meteor

5
Desenvolvido pela MBDA, o novo míssil Meteor oferecerá ao Rafale novas perspectivas de superioridade aérea. Na foto, observa-se o lançamento do primeiro Meteor em 13 de fevereiro de 2019.

O Rafale completou com sucesso os dois primeiros disparos experimentais do novo míssil de “superioridade aérea” Meteor. Na quarta-feira, 13 de fevereiro, às 13h30, uma patrulha composta de dois Rafale decolou da base aérea de Cazaux (Gironde) para disparar o primeiro míssil Meteor.

Subsistema de mísseis MBDA Meteor será fornecido pela Saab

5
O Saab Gripen foi o primeiro caça do mundo a atingir a capacidade operacional do Meteor. (Iustração: Saab)

A Saab assinou um contrato com o MBDA para entregas de subsistemas para o sistema de mísseis Meteor Beyond Visual Range Air-to-Air Missile (BVRAAM).

Consórcio Rafale Internacional apresenta novas capacidades ar-ar para seu caça omnirole

80
O caça Rafale realizou com sucesso importantes testes com o míssil ar-ar Meteor da MBDA. (Foto: DGA)

A Dassault Aviation apresentou em nota que o caça omnirole RAFALE alcançou dois eventos marcantes em outubro 2012, a entrega do primeiro caça de produção equipado com o radar RBE2 AESA (Active Electronically-Scanned Array), e o teste inicial completado com sucesso da nova geração de mísseis de longo alcance ar-ar MBDA METEOR.

Avançando nas novas capacidades ar-ar o caça Rafale B301, operando desde o Centro de Testes da DGA Cazaux , localizado ao sudoeste da França, completou com sucesso no dia 04 de Outubro e posteriormente também no dia 10, dois testes exitosos do “BeyondVvisual-Range air-to-air Missile (BVRAAM) MBDA Meteor (Míssil Além do Alcance Visual Ar-Ar)

Em 22 de Dezembro de 2010, a Agência Francesa de Armamentos (DGA: Direction Générale de l’Armement), encomendou 200 mísseis Meteor. Uma semana após o contrato de integração do Míssil Meteor ao caça Rafale foi assinado com a indústria.

O míssil avançado propelido por um sistema ramjet desenvolvido pela MBDA, é projetado para missões de defesa aérea.O míssil interceptará o salvos a uma longa distância, e é um perfeito complemento para o míssil MICA, o qual é empregado para curta e média distâncias em missões de interceptação , dogfight e auto-defesa.

Em 02 de Outubro 2012, o primeiro caça Rafale F3 de produção (o monoplace C137), equipado com o primeiro radar de produção do Thales RBE2 AESA 1, foi entregue à DGA, pavimentando o caminho para a introdução no serviço operacional do primeiro caça de combate europeu a explorar plenamente as avançadas tecnologias propiciadas pelo radar AESA.

A grande distância de detecção oferecida ao caça Rafale pelo radar RBE2 AESA (entre outras capacidades operacionais relevantes)permitirá oo pleno emprego do míssil de última geração de grande capacidade e alcance como o ar-ar Meteor.

O caça Rafale realizou diversos disparos com o míssil Meteor na área de testes de Cazaux, na França. (Foto: DGA)

O caça Rafale já é uma eficiente geração provada em combate (Afeganistão e Líbia),caça tático omnirole (todas as funções),com o desenvolvimento ocorrendo para explorar a cada vez mais as suas tremendas capacidades, e incorporar novas. Assim como reultado Rafale tende a se tornar cada vez mais capaz e melhor no futuro.

O Caça Omnirole RAFALE

  1. Os requisitos operacionais franceses foram estabelecidos para 286 Rafales. A Força Aérea receberá 228 aeronaves (em duas versões , monoplace Rafale C e a biplace Rafale B),enquanto a Marine Nationale receberá 58 Rafales M (monoplace).
  2. Até o momento, 180 aeronaves de produção foram encomendadas para ambas as Forças. Conforme os atuais planos a produção deverá se estender até 2025.
  3. Até 15 Outobro, 2012, 111 aeroaves d eprodução foram entregues às unidades (36 Rafale M para a Marine Nationale; 37 Rafale C e 38 Rafale B para a Força Aérea).
  4. Uma década antes do ainda a ser introduzido (A decade before the still-to-come) o Lockheed Martin F-35 Joint Strike Fighter, o Rafale é a primeira aeronave a ser projetada desde o início para operar em bases em terra e em porta-aviões. O Rafale substituirá todas as aeronaves de caça atualmente em uso pela Força Aérea francesa e Marine Nationale.
  5. Missões do caça omnirole Rafale:
  • Defesa aérea e superioridade aéare (air defence and air superiority);
  • Apoio aproximado (close air support- CAS);
  • Ataque a alvos de supefície (engagement of surface targets – with laser-guided bombs, all-weather stand-off precision weapons, or cruise missiles); SEAD/DEAD capabilities;
  • Anti Navio (anti-ship attack);
  • Ataque Nuclear (nuclear strike);
  • Reconhecimento em tempo real e reconhecimento estratégico (real time tactical and strategic reconnaissance (ground and naval targets));
  • Reabastecimento em Voo (REVO ) (-flight refueling -“buddy-buddy” tanker capability para o Rafale M da Marine Nationale).

Míssil Meteor

Momento que o míssil BVRAAM Meteor era lançado de um caça Rafale. (Foto: DGA)
  1. O míssil Meteor está em desenvolvimento pela empresa MBDA atendendo os requisites operacionais de seis nações europeias (França, Alemanha, Itália, Espanha, Suécia e Reino Unido).
  2. O aumento da proliferação de ameaças ar-ar “state-of-the-art’ é um desafio crítico para as forças aéreas modernas respondido pelo Meteor.
  3. O BVRAAM Meteor e seus benefícios • Um rápido e ágil altamente manobrável,além do alcance visual ( beyond visual-range) ,armamento ar-ar.
  • A maior (No-Escape Zone -NEZ) de qualquer armamento ar-ar, resultado de seu grande alcance, (high kill probability) para garantir superioridade aérea e sobrevivência da tripulação.
  • Um sistema de guia que é propiciado por um radar ativo (active radar seeker) beneficiando-se das tecnologias desenvolvidas pela MBDA para os Programas de Mísseis ASTER e MICA.
  • A capacidade de engajar alvos aéreo autonomamente, de dia e à noite, com todo o tempo e em ambiente com alta interferência eletromagnética.
  • Míssil equipado com espoleta de proximidade e impacto para destruir o alvo em todas as circunstâncias

Enhanced by Zemanta

Cavok nas redes sociais

62,517FãsCurtir
340Inscritos+1
6,527SeguidoresSeguir
2,505SeguidoresSeguir
10,510SeguidoresSeguir
2,780InscritosInscrever
Anúncios